Resenha - New Black - Strapping Young Lad

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 8


O Strapping Young Lad é conhecido como uma das mais competentes e insanas bandas do Heavy Metal contemporâneo de seu país, o Canadá. E o termo insano é totalmente aplicável no aspecto físico do líder Devin Townsend, vocalista, guitarrista e "cientista-louco-mutante-saído-do-massacre-da-serra-elétrica". Os comentários repletos de elogios vindos do exterior incitaram a curiosidade deste que vos escreve e eis que seu novo disco chega a minhas mãos.

Music Radar: Os maiores frontmen de todos os temposPlanet Rock: 40 melhores discos ao vivo de todos os tempos

Apesar de desconhecer seus trabalhos anteriores, este quinto álbum chamado "The New Black" traz um Heavy Metal denso, com muitos elementos do thrash, excelente presença do industrial, ou seja, muito do que foi feito nos anos 80 e 90, aliado a algumas experimentações. E confesso que esta é uma descrição superficial, que serve apenas para situar o leitor, pois apesar de ser convencional e direta, sua música como um todo possui uma faceta indefinível, com a certeza do grande diferencial do Straping Young Lad ser a aura caótica que sua música exala.

O maníaco Townsend canta de forma raivosa, entre gritos e rugidos dos mais variados, e até dá espaço para algumas linhas vocais mais melódicas. A habilidade de seus músicos é incontestável - há ótimos riffs em "Decimator", por exemplo - e o baterista Gene Hoglan é um músico que literalmente debulha suas baquetas com grande técnica.

Os arranjos são muito bons mesmo, brutais, porém o Strapping Young Lad acaba por exagerar em alguns poucos refrãos, que acabam por se tornarem irritantes, e este é o único ponto desfavorável neste bom disco. Faixas de destaque ficam por conta de "Far Beyond Metal", com a participação da voz de Oderus Urungus (GWAR), além da loucura caótica de "Wrong Side" e da pesadíssima e veloz "You Suck", onde os músicos suarão para executar esta canção ao vivo. Dão o sangue mesmo!

Como um todo, "The New Black" é muito psicótico e visceral. Um item altamente recomendável a quem procura por boas bandas de Heavy Metal, destas que não abrem mão de serem pesadíssimas, mas com os olhos também voltados para o lado mainstream do rock'n'roll. E se vocês acham que o Lemmy verruguento é feio, vale a pena o leitor curioso dar uma verificada no visual de Devin Townsend...

Formação:
Devin Townsend: voz, guitarra e teclados
Jed Simon: guitarra
Byron Stroud: baixo
Gene Hoglan: bateria

Strapping Young Lad - The New Black
(2006 / Century Media Records - importado)

01. Decimator
02. You Suck
03. Antiproduct
04. Hope
05. Wrong Side
06. Monument
07. Far Beyond Metal
08. Fucker
09. Almost Again
10. Polyphony
11. The New Black
12. The Long Pig
13. Zodiac (Melvins cover)

Homepage: www.strappingyounglad.com




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Strapping Young Lad"


Gene Hoglan: Os bateristas pegam todas as garotasGene Hoglan
"Os bateristas pegam todas as garotas"


Music Radar: Os maiores frontmen de todos os temposMusic Radar
Os maiores frontmen de todos os tempos

Planet Rock: 40 melhores discos ao vivo de todos os temposPlanet Rock
40 melhores discos ao vivo de todos os tempos


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

adClioIL