Resenha - Letters To The President - Hawk Nelson

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Robert
Enviar correções  |  Ver Acessos


Mais uma banda nova no pedaço. Com apenas dois anos de estrada, vindos da cidade de Ontário, Canadá, o Hawk Nelson foi formado pelos quatro amigos Jas (vocal), Jonathan (guitarra), Brio (baixo), Sqwid (bateria). A banda fez um disco independente - desses que a gente grava em casa mesmo - e começou a entregar nas mãos de algumas pessoas - e shows em colégios, bares, e até fliperamas (lan-house para nós brasilerios). Numa dessas chamaram a atenção de Trevor Mcnevan (Thousand Foot Kruch), que os apresentaram a Brandon Ebel, o presidente da Tooth&Nail. Brandon pegou um avião até Ontário, e logo após um show da banda ele não exitou em contrata-los.

Keith Richards: colocando Justin Bieber em seu devido lugarHair Metal: Os maiores cabelos da história do rock pesado

Basicamente "Letters To The President" - primeiro album da banda, é para os adeptos do pop/punk. Infelizmente os canadenses não conseguiram fazer algo conceitual e diferente - tipo de coisa altamente difícil hoje em dia - mas pelo fato de terem pouca experiência, pouca idade, apenas um disco lançado, é possível que a banda adquira crescimento no decorrer do tempo. Com influências claras de Yellowcard, MxPx, Blink 182, Simple Plan, Good Charlotte, que são evidentes nas 14 músicas.

No álbum temos Califórnia - primeira música de trabalho -, a música é boa para esse clima de verão que se aproxima. Em From Underneath a banda se arrisca numa canção acústica - boa para os momentos de tranqüilidade. Já na música Recess, na boa, a banda deu uma mancada - ela começa com num ritmo bem punk/rock na bateria, depois ela entra numa tentativa hardcore desastrosa e acaba num solo de guitarra sem caminho. A banda ataca na baladinha Take Me, ótima para quem gosta de bater palminhas. Logo em seguida entra Someone Else Before, na minha opinião é a melhor do álbum. Em Like A Racecar, a banda deixa falar alto a influência de Thousand Foot Kruch, claro, a música ainda conta com a participação de Trevor, com isso acaba deixando de ser o Hawk Nelson e passar a ser o TFK. Uma pena. Partimos para 36 Days, que mais uma vez quebra o pop/punk - o vocalista Jas canta até o final acompanhado de um piano. Para fechar e dar uma animada no álbum, escolheram a música Long And Lonely Road - que tem uma batida pop/punk bem legal e um trecho bem curto de ska.

Pena que a banda fez poucos shows, que poderiam até ter se saído melhor na divulgação do álbum. Mesmo assim, conseguiram a façanha de ter a música Bring Em Out na trilha sonoro do filme "Yours, Mine & Ours" (sem previsão de lançamento no Brasil). Com isso a gravadora Tooth&Nail decidiu relançar o álbum, com outra capa, e incluir esta música como bônus.

Músicas:
1 California
2 Things We Go Through
3 Every Little Thing
4 From Underneath
5 Letters To The President
6 Right Here
7 Recess
8 Take Me
9 Someone Else Before
10 First Time
11 Like A Race Car
12 Late Show
13 36 Days
14 Long And Lonely Road

Links:
http://www.hawknelson.com
http://www.purevolume.com/hawknelson




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por escolha do autor os comentários foram desativados nesta nota.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Hawk Nelson"


Keith Richards: colocando Justin Bieber em seu devido lugarKeith Richards
Colocando Justin Bieber em seu devido lugar

Hair Metal: Os maiores cabelos da história do rock pesadoHair Metal
Os maiores cabelos da história do rock pesado

Whiplash.Net: Por que o site republica matérias antigas?Whiplash.Net
Por que o site republica matérias antigas?

Maquiagem, spikes e sorrisos: conheça o Happy Black MetalMaquiagem, spikes e sorrisos
Conheça o Happy Black Metal

Guitar Hero: veja como o jogo desgraçou uma geração inteiraGuitar Hero
Veja como o jogo desgraçou uma geração inteira

Motley Crue: Atriz pornô comenta sua relação com Tommy LeeMotley Crue
Atriz pornô comenta sua relação com Tommy Lee

Dio: Memórias felizes - é com elas que vivo, diz WendyDio
"Memórias felizes - é com elas que vivo", diz Wendy


Sobre Robert

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

adClio336|adClio336