Resenha - Mesmerize - System of a Down

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rodrigo Simas
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 10


Alcançando o estrelato, o System of a Down não fugiu da briga e lançou um dos CDs mais raivosos e pesados do ano.

Clube da Música: 10 bandas de Rock/Metal mais acessadas do YouTube (vídeo)Raimundos: O verdadeiro motivo para a saída de Rodolfo da banda

Mesmerize, lançado no primeiro semestre de 2005, é a primeira parte de Hypnotize, que chegou às lojas no início de dezembro. Se os lançamentos anteriores já elevaram o System of a Down (SOAD) ao topo das bandas de heavy metal, 2005 têm tudo para consagrar a banda como a mais importante do cenário atual.

Ousadia. Após a introdução Soldier Side - Intro, o primeiro single, B.Y.O.B (uma abreviação de Bring Your Own Bombs) explode nos auto-falantes, com o guitarrista e principal compositor Daron Malakian gritando "why do they always send the poor?" (porque eles sempre enviam os pobres?), em uma crítica contundente às guerras que marcaram os últimos anos e a política dos presidentes das maiores nações do mundo. Quem em sã consciência lançaria uma música tão pesada quanto essa nas rádios e na MTV?

A produção cristalina, sem abrir mão do peso - e põe peso nisso - ficou por conta mais uma vez de Rick Rubin, que tem no seu currículo bandas como Slipknot, Audioslave, Red Hot Chili Peppers e The Mars Volta, e pelo próprio Daron, que soube dosar na medida certa todos ingredientes e influências que formam a química da banda.

Os extremos e variações entre as faixas - e durante elas - parecem estar ainda mais radicais. Se isso já não fica claro na própria B.Y.O.B, onde as guitarras - que parecem soar mais pesadas - e a quebradeira da bateria de John Dolmayan abrem espaço para um refrão dançante e provocativo, Revenga, Cigaro e Radio/Video provam que o SOAD não quer se prender a nenhum limite, e que suas composições podem ir do trash ao reggae num piscar de olhos. Ponto pra eles.

As letras ácidas continuam em faixas como Violent Pornography e Sad Statue, com mais um show à parte de Serj Tankian, um dos melhores vocalistas da atualidade, que mesmo tendo dividido seu espaço com Daron - que canta grande parte de Mesmerize, e se sai bem - ainda é um dos grandes destaques do CD.

Lost in Hollywood entra como um desabafo, com uma linda melodia e uma interpretação emocionante, encerrando a obra em tom épico. É hora de ouvir Hypnotise e ver se o raio caiu no mesmo lugar duas vezes. Não duvide.

1. Soldier Side - Intro
2. B.Y.O.B
3. Revenga
4. Cigaro
5. Radio/Vídeo
6. This Cocaine Males Me Feel I'm On This Song
7. Violent Pornography
8. Question
9. Sad Statue
10 Old School Hollywood
11. Lost In Hollywood

Site Oficial: www.systemofadown.com


Outras resenhas de Mesmerize - System of a Down

Resenha - Mesmerize - System Of A Down




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "System Of a Down"


Clube da Música: 10 bandas de Rock/Metal mais acessadas do YouTube (vídeo)

System of a Down: John Dolmayan não ficou satisfeito com shows recentesSystem of a Down
John Dolmayan não ficou satisfeito com shows recentes

System of a Down: integrantes precisam se perdoar e seguir, diz John DolmayanSystem of a Down
Integrantes precisam se perdoar e seguir, diz John Dolmayan

SOAD: baterista não sentiu orgulho por alguns shows realizados recentementeSOAD
Baterista não sentiu orgulho por alguns shows realizados recentemente

Nu metal: as 40 melhores músicas do estilo, segundo a Metal Hammer (com playlist)Nu metal
As 40 melhores músicas do estilo, segundo a Metal Hammer (com playlist)

Ego Kill Talent: quatro shows com System of A Down na Europa em 2020System of a Down: "Chop Suey" tocada numa bateria com poucos cms

Download 2020: festival terá Iron Maiden, Kiss, System of a Down e maisDownload 2020
Festival terá Iron Maiden, Kiss, System of a Down e mais

System of a Down: apesar de shows confirmados, banda não lançará músicas novasSystem of a Down
Apesar de shows confirmados, banda não lançará músicas novas

SOAD: banda vai excursionar pela Europa em 2020SOAD
Banda vai excursionar pela Europa em 2020

System of a Down: banda confirma primeiro show de 2020 e fãs pedem mais atividadeSystem of a Down
Banda confirma primeiro show de 2020 e fãs pedem mais atividade

System of a Down: Malakian fala sobre política e religiãoSystem of a Down
Malakian fala sobre política e religião

Maiores Cantores de Metal: eleição feita por revista turcaMaiores Cantores de Metal
Eleição feita por revista turca

Rap e Metal: cinco colaborações que funfaramRap e Metal
Cinco colaborações que funfaram


Raimundos: O verdadeiro motivo para a saída de Rodolfo da bandaRaimundos
O verdadeiro motivo para a saída de Rodolfo da banda

Religião: Top 10 citações sobre Deus e o DiaboReligião
Top 10 citações sobre Deus e o Diabo

Whiplash.Net: Como enviar conteúdo ou se tornar um colaborador do siteWhiplash.Net
Como enviar conteúdo ou se tornar um colaborador do site

Sign of the horns: o sinal do DemônioSign of the horns
O sinal do Demônio

Mick Jagger: em cerimônia na escola do filho em São PauloMick Jagger
Em cerimônia na escola do filho em São Paulo

Zakk Wylde: era complicado beber com o amigo Dimebag DarrellZakk Wylde
Era complicado beber com o amigo Dimebag Darrell

Iron Maiden: avião é luxuoso, mas não dá pra tomar banho neleIron Maiden
Avião é luxuoso, mas não dá pra tomar banho nele


Sobre Rodrigo Simas

Designer, carioca e tricolor. Começou a ouvir música aos 11 anos, com Iron Maiden, Metallica e Rush. Tem como hobby quase profissional, a música. Além de produzir shows e eventos, trabalhou por 5 anos em loja especializada em Heavy Metal, e já escreveu para alguns sites e revistas de música. Hoje escuta de tudo um pouco, e cada vez mais descobre que existem apenas dois tipos de música: a boa e a ruim, independente do estilo. Bandas e artistas favoritos: Dave Matthews Band, Peter Gabriel, Rush, Iron Maiden, Led Zeppelin, Ben Harper, Radiohead, System of a Down... e a lista continua...

Mais informações sobre Rodrigo Simas

Mais matérias de Rodrigo Simas no Whiplash.Net.

adGoo336|adClio336