Resenha - Best Of 90 99 - Yngwie J. Malmsteen

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ricardo Seelig
Enviar correções  |  Ver Acessos

publicidade

Nota: 8

A guitarra é a alma do rock. Isso todo mundo sabe. Mas, quando alguém resolve eleger os melhores guitarristas, daí já é outro papo, e não vai ser hoje que eu vou entrar nele.

Mikael Akerfeldt: Yngwie Malmsteen é um grande guitarrista, mas só tem feito merdaMotivação: 10 músicas de metal que melhorarão sua auto-estima


A evolução do instrumento passa por alguns nomes obrigatórios, como Chuck Berry, Keith Richards, Eric Clapton, Jimi Hendrix, Jeff Beck, Jimmy Page, Eddie Van Halen e muitos outros. O sueco Yngwie J. Malmsteen é, com certeza, um dos mais importantes nessa história.

Com mais de vinte anos de carreira, Malmsteen revolucionou o instrumento e, ao lado de Eddie Van Halen, influenciou de maneira definitiva o modo de tocar guitarra dos anos oitenta até hoje. Joe Satriani, Steve Vai e todos estes guitarristas que fizeram a fama em discos instrumentais repletos de solos à velocidade da luz devem a sua carreira a Malmsteen e Van Halen (os próprios Satriani e Vai reconhecem isso, e convidaram Yngwie para fazer parte do projeto G3 em 2003).

Pois bem: a coletânea "The Best Of 90-99" tem o seu foco na última década da carreira do guitarrista sueco (apesar de ignorar completamente o material dos bons álbuns "Eclipse" e "Fire & Ice", lançados em 1990 e 1992, respectivamente). O CD abre com "Gimme, Gimme, Gimme", cover inusitado do também sueco Abba, que na versão de Malmsteen ganhou, é claro, uma dose extra de peso e excelentes vocais a cargo de Mark Boals.

O álbum segue com a matadora "Never Die", do disco "Seventh Sign", de 94, e esta é uma das melhores faixas da coletânea, e não poderia ser diferente, já que nesta época Malmsteen contava com o ótimo vocalista Michael Vescera e o excepcional baterista Mike Terrana (hoje no Rage, e que fez uma participação recente em "No Gravity", primeiro CD solo do brasileiro Kiko Loureiro, guitarrista do Angra) em sua banda. Desde disco também foram selecionadas a balada "Brothers" e a belíssima "Seventh Sign", obrigatória para qualquer fã.

Do álbum "Magnum Opus" de 95 temos as melódicas "Vengeance" e "Voodoo", com Yngwie fazendo o esmerilho habitual enquanto Michael Vescera faz os vocais com a competência de sempre.

Do pesadíssimo "Facing The Animal", lançado em 97, vêm as ótimas "Another Time" e a faixa título, e também a melosa balada "Like An Angel". Mark Boals era o vocalista nesta época, enquanto que a bateria era ocupada pelo lendário Cozy Powell (ex-Rainbow, Black Sabbath, ELP, entre outros). Vale lembrar que este álbum de Malmsteen contém as últimas gravações de Cozy Powell, falecido logo após o lançamento em um acidente de carro.

Seguindo a viagem cronológica, desembarcamos no álbum "Live !!", gravado ao vivo em São Paulo em maio de 1998. A estupenda "Rising Force", um dos maiores clássicos do guitarrista, marca presença, juntamente com "Gates Of Babylon", versão para o clássico do Rainbow de Ritchie Blackmore, a maior influência do guitarrista. Nestas versões de destaca também o excelente vocal de Mats Léven.

Fechando a coletânea temos a instrumental "Blue" e "Hangar 18, Area 51", do álbum "Alchemy" de 1999, e "Cavalino Rampante", do excelente e obrigatório "Concerto Suite for Electric Guitar and Orchestra in E Flat Minor Op 1", gravado ao vivo ao lado da Orquestra Filarmônica de Praga, na República Tcheca, com regência do maestro Yoel Levi, da Sinfônica de Atlanta.

Apesar do encarte pobre, vale ressaltar a bela arte da capa e o texto do redator da revista inglesa Kerrang !!, Mark Greenway.

"The Best Of 90-99" serve como porta de entrada ao universo de Malmsteen e, mesmo restrito apenas a segunda década de sua carreira, apresenta excelentes músicas e é um CD interessante para quem gosta de heavy metal e, principalmente, guitarras virtuosas e repletas de melodias.

Faixas:

1. Gimme, Gimme, Gimme
2. Never Die
3. Brothers
4. Seventh Sign
5. Vengeance
6. Voodoo
7. Facing The Animal
8. Like An Angel
9. Another Time
10. Rising Force (Live)
11. Gates Of Babylon (Live)
12. Blue
13. Hangar 18, Area 51
14. Cavalino Rampante

Ouvindo:
Bruce Dickinson, Navigate The Seas Of The Sun.


Outras resenhas de Best Of 90 99 - Yngwie J. Malmsteen

Resenha - Best Of 90 99 - Yngwie J. Malmsteen




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Yngwie Malmsteen"


Mikael Akerfeldt: Yngwie Malmsteen é um grande guitarrista, mas só tem feito merdaMikael Akerfeldt
Yngwie Malmsteen é um grande guitarrista, mas só tem feito merda

Yngwie Malmsteen: novas bandas não se tornarão Astros do RockYngwie Malmsteen
Novas bandas não se tornarão Astros do Rock

Heavy Metal: As melhores capas segundo diretores de documentárioHeavy Metal
As melhores capas segundo diretores de documentário

Yngwie Malmsteen: A esmerada educação do guitarrista suecoYngwie Malmsteen
A esmerada educação do guitarrista sueco


Motivação: 10 músicas de metal que melhorarão sua auto-estimaMotivação
10 músicas de metal que melhorarão sua auto-estima

Rock: A história dos primórdios aos anos 90Rock
A história dos primórdios aos anos 90

Joey Ramone: em 1989 falando de Metallica, AC/DC e GN'RJoey Ramone
Em 1989 falando de Metallica, AC/DC e GN'R

Axl Rose: como ele pegava todas as garotas que Slash conquistavaAxl Rose
Como ele pegava todas as garotas que Slash conquistava

Dinho Ouro Preto: É assustador ver todo o rock ficar de direitaDinho Ouro Preto
"É assustador ver todo o rock ficar de direita"

Kevin Shirley: detido por causa de calote do Slayer em 2004Kevin Shirley
Detido por causa de calote do Slayer em 2004

Rolling Stone: revista elege melhores faixas de álbuns ruinsRolling Stone
Revista elege melhores faixas de álbuns ruins


Sobre Ricardo Seelig

Ricardo Seelig é editor da Collectors Room - www.collectorsroom.com.br - e colabora com o Whiplash.Net desde 2004.

Mais matérias de Ricardo Seelig no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336