Resenha - Bring'em Bach Alive! - Sebastian Bach

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar Correções  

4


Tá certo que o Skid Row não era a maior banda de hard do mundo, mas nada justificaria essa pirada que Sebastian Bach deu logo que foi expulso da banda (por sinal o último show dele com o Skid foi aqui em SP no Monsters de 1998). Para mostar que ainda estava vivo, Bach juntou alguns amigos (entre eles Riche Scarlett e Anton Fig) e gravou este CD meio estúdio meio ao vivo. Com uma produção oscilante, ouso dizer que o que salva este produto é a engraçada história em quadrinhos que forma o encarte.

Nas músicas de estúdio pouco pode ser elogiado. "Rock and Roll" é uma pérola, graças a participação de Wolf Hoffman (Accept) na composição e guitarra, enquanto que "Done Bleeding" é horrorosa, "Superchunk, Superstar, Supertears" é uma balada sem "eira nem beira", "Blasphemer" tenta recriar os experimentos hardcore que o Skid Row fez em "Subhuman Race" (sem sucesso). "Counterpunch" tenta soar pesada e "grunge", sem o menor conhecimento de causa. A banda que conta com nomes de peso (como os citados acima) não consegue se impor e Bach está cantando de maneira deplorável, não lembrando em nada o excelente vocalista que ganhou duas vezes a premiação da extinta revista RAW como melhor vocalista.

publicidade

Se você acha que a a parte ao vivo é o filé... engana-se. A produção se encarrega de estragar tudo, e a banda acelera além da conta. "Slave to the Grind" soa perdida, "Frozen" sem nexo, e só as baladas "18 & Life" e "I Remember You" nos remetem ao Bach em sua melhor forma. Nem a poderosa "Riot Act" (um dos destaques de "Slave to the Grind") consegue salvar a pátria. Além da velocidade excessiva, que descaracteriza e destrói as músicas, Bach está dando prioridade a soar como um vocalista de hardcore, gritando e exagerando na agressividade. Soa como um urubu fora do ninho.

publicidade

A única coisa que salva este disco é saber que logo depois Sebastian Bach lançaria algo que poderia ser pior, o nojento "The Last Hard Men". Se você for fã.... pode checar... ou não... a escolha é sua.

Site Oficial: http://www.sebastianbach.com

Material Cedido Por:
ST2 Music
http://www.St2.com.br
São Paulo (SP)

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Sebastian Bach: em vídeo, a jam com Zakk Wylde em 1987 que o fez entrar no Skid RowSebastian Bach
Em vídeo, a jam com Zakk Wylde em 1987 que o fez entrar no Skid Row

Death: ex- guitarrista agradece Sebastian Bach e critica a homofobiaDeath
Ex- guitarrista agradece Sebastian Bach e critica a homofobia

Sebastian Bach: piada homofóbica enfurece cantor, mas Halford é maior e não ligaSebastian Bach
Piada homofóbica enfurece cantor, mas Halford é maior e não liga

Van Halen: Sebastian Bach diz que foi cotado para ser o vocalista da banda em 1996Van Halen
Sebastian Bach diz que foi cotado para ser o vocalista da banda em 1996

Sebastian Bach: vocalista critica Chris Jericho por nome de turnê (realizada em 2017)Sebastian Bach
Vocalista critica Chris Jericho por nome de turnê (realizada em 2017)

Sebastian Bach: vocalista posta vídeo cantando música do Judas PriestSebastian Bach
Vocalista posta vídeo cantando música do Judas Priest

Chris Jericho: vocalista não sabe se ele e Sebastian Bach ainda são amigosChris Jericho
Vocalista não sabe se ele e Sebastian Bach ainda são amigos


Musos do Heavy Metal: Agora é a vez das garotas!Musos do Heavy Metal
Agora é a vez das garotas!

O tempo, ah o tempo!: rockstars nos anos oitenta e hojeO tempo, ah o tempo!
Rockstars nos anos oitenta e hoje


Humor: Não basta um machado na mão para ser Black MetalHumor
Não basta um machado na mão para ser Black Metal

Mascotes do Metal: os dez maiores segundo The GauntletMascotes do Metal
Os dez maiores segundo The Gauntlet


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin