Resenha - Ravenheart - Xandria

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 8


Se em 2003 os alemães do Xandria obtiveram boa repercussão com a mescla de gótico-metal apresentada em "Kill The Sun", para 2004 foi reservada uma grata surpresa. A banda agregou elementos eletrônicos de maneira bem suave, mas não perdeu de todo sua personalidade e a característica de agregar a melancolia do gótico ao peso do heavy metal.

Mötley Crüe: a ousada tattoo de modelo paulista em tributo à bandaPra convencer: dez álbuns de metal para quem não gosta de metal

Mas não há como negar que "Ravenheart" e "The Lioness" soam bem mais suaves do que o material apresentado em seu cd anterior. As guitarras estão menos presentes, com maior destaque para os teclados e a voz de Lisa Schaphaus. "Back to the River" soa como uma mistura de gótico com o som do Nine Inch Nails. Mas não é uma faixa cansativa, do contrário. O talento da banda, aliado a versátil voz de Lisa acaba por gerar momentos muito interessantes, como a pesada "Five of Universe", a épica "Some Like It Cold" e as viajantes "My Scarlet Name" (belíssimo trabalho de guitarras) e "Too Close to Breathe".

O grande destaque do cd continua sendo o peso que a banda coloca em suas músicas. Petardos como "Snow-White" e "Black Flame" soam agressivos e cortantes, perfeitos para quem gosta da fusão gótico-metal. Como bônus ainda temos o vídeo-clipe da faixa título.

Uma boa continuação. O Xandria passou com méritos na prova do segundo cd, e mostra maturidade e antes de tudo uma busca cuidadosa por identidade. Vale conferir.

Line Up:
Lisa - Vocais
Marco - Guitarra
Phillip - Guitarra
Gent - Bateria

Site Oficial: http://www.xandria.de

Material Cedido Por:
Hellion Records
Http://www.hellionrecords.com
São Paulo (SP)




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Xandria"


Metal Calcinha: onze bandas lideradas por mulheresMetal Calcinha
Onze bandas lideradas por mulheres

Symphonic Metal: As dez cantoras mais influentes e impressionantesSymphonic Metal
As dez cantoras mais influentes e impressionantes

Capas: as 10 mais bonitas lançadas em 2014 eleitas por blogCapas
As 10 mais bonitas lançadas em 2014 eleitas por blog


Mötley Crüe: a ousada tattoo de modelo paulista em tributo à bandaMötley Crüe
A ousada tattoo de modelo paulista em tributo à banda

Pra convencer: dez álbuns de metal para quem não gosta de metalPra convencer
Dez álbuns de metal para quem não gosta de metal

Megadeth: os 10 bens mais preciosos de Dave MustaineMegadeth
Os 10 bens mais preciosos de Dave Mustaine

Bizarre Magazine: Quão bizarro é... Ronnie James DioBizarre Magazine
Quão bizarro é... Ronnie James Dio

Top 500: as melhores de todos os tempos segundo a Rolling StoneTop 500
As melhores de todos os tempos segundo a Rolling Stone

Guns N' Roses: as duas mulheres que conduziram a reuniãoGuns N' Roses
As duas mulheres que conduziram a reunião

Testament: Hetfield é o músico mais influente da geraçãoTestament
"Hetfield é o músico mais influente da geração"


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336