Matérias Mais Lidas

Tawny Kitaen: modelo famosa pelos videoclipes do Whitesnake morre aos 59 anosTawny Kitaen
Modelo famosa pelos videoclipes do Whitesnake morre aos 59 anos

Rolling Stones: show histórico de Copacabana será lançado; confira capa e tracklistRolling Stones
Show histórico de Copacabana será lançado; confira capa e tracklist

Inglaterra: 25 grandes bandas de rock e metal que não são de LondresInglaterra
25 grandes bandas de rock e metal que não são de Londres

Mötley Crüe: primeiras fotos da série sobre sex tape de Tommy Lee e Pamela AndersonMötley Crüe
Primeiras fotos da série sobre sex tape de Tommy Lee e Pamela Anderson

Nirvana: FBI torna público documento relacionado à investigação da morte de Kurt CobainNirvana
FBI torna público documento relacionado à investigação da morte de Kurt Cobain

Whitesnake: David Coverdale se manifesta sobre a morte de Tawny KitaenWhitesnake
David Coverdale se manifesta sobre a morte de Tawny Kitaen

Legião Urbana: Será que é uma vingança pessoal contra o pai, diz Dado Villa-LobosLegião Urbana
"Será que é uma vingança pessoal contra o pai", diz Dado Villa-Lobos

Mayhem: banda lançará EP em julho, com cover do Ramones; confira capa e tracklistMayhem
Banda lançará EP em julho, com cover do Ramones; confira capa e tracklist

Punk Britânico: A história do estilo em 23 músicas, segundo a Kerrang!Punk Britânico
A história do estilo em 23 músicas, segundo a Kerrang!

Metallica: James Hetfield está cético sobre vacina e é contra passaporte vacinadoMetallica
James Hetfield está cético sobre vacina e é contra "passaporte vacinado"

Marilyn Manson: modelo Ashley Morgan Smithline diz que ele a fez beber sangue em pactoMarilyn Manson
Modelo Ashley Morgan Smithline diz que ele a fez beber sangue em "pacto"

Sepultura: Iggor explica como criou bateria de Refuse/Resist, unindo metal e sambaSepultura
Iggor explica como criou bateria de "Refuse/Resist", unindo metal e samba

Alice In Chains: para Nancy Wilson era óbvio que Layne perderia a luta contra as drogasAlice In Chains
Para Nancy Wilson era óbvio que Layne perderia a luta contra as drogas

Yngwie Malmsteen: guitarrista anuncia novo álbum Parabellum e libera single; ouçaYngwie Malmsteen
Guitarrista anuncia novo álbum "Parabellum" e libera single; ouça

Kiss: as cirurgias às quais Paul Stanley precisou ser submetido devido às turnêsKiss
As cirurgias às quais Paul Stanley precisou ser submetido devido às turnês


Edu Falaschi - Vera Cruz
Pentral
MOPD

Resenha - Unweaving The Rainbow - Frameshift

Por Bruno Coelho
Em 13/08/04

Nota: 10

Nota: Pode ser 100?

Como já foi previamente ventilado na Whiplash, este é um projeto do alemão Henning Pauly, cidadão que escreveu e gravou quase tudo (menos as vozes e a bateria) neste álbum, faz parte da banda de prog rock Chain e é irmão do baterista do álbum, Eddie Marvin. Obviamente seria impossível levar a cabo um projeto de 80 minutos sem a ajuda de várias pessoas. Bom, esteja certo de que várias outras pessoas colaboraram tanto durante a gravação e produção quanto durante a composição do álbum. Nik Guadagnoli, outro multiintrumentista e amigo de Henning ajudou bastante na composição das músicas e chegou a adicionar guitarras e baixos em algumas faixas. James LaBrie também contribuiu com a criação de algumas linhas de vocal. No final das contas, o que parece o projeto de um homem só, acaba se mostrando um pesado trabalho de equipe no qual, claro, o trabalho maior foi de Pauly.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Já havia também sido dito que o trabalho é baseado nas obras de Richard Dawkins, famoso Darwinista contemporâneo que trata da teoria da evolução e do papel da ciência em nossa sociedade. Este conceito é desenrolado e mostrado por 15 faixas ligadas através do conceito central, sendo todas possuidoras de coerência suficiente para tornar-se independentes.

O que acho que não deve ter sido explicado é que este é um álbum para quem teve a cabeça aberta o suficiente para gostar do Burn The Sun do ARK - um dos mais fantásticos álbuns que já escutei. Claro que os dois álbuns não são idênticos musicalmente, nem em conceito lírico, mas a essência prog-rock é análoga, o espírito musical é próximo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Quem gosta de Prog Metal pura e exclusivamente pode não se agradar deste trabalho. Pode até achar muito bem tocado mas muito meloso, muito pop, muito ruim! Pode vomitar no encarte azul-claro! Pode até gritar:

- "Álbum de capa azul bebê?!? CADÊ O PRETO? O VERMELHO? AZUL É GAY!"

Bom, não lembro de ter lido Symphony X, Dream Theater ou Evergrey na capa do cd, portanto tratei de abrir bem a cabeça e posso dizer que, até como um grande fã de Death/Black, este é um álbum incrivelmente bem feito, onde nada está fora de lugar. Nem mesmo o vocal, como alguns sugeriram. Aliás, o vocal é justamente o que MAIS ESTÁ NO LUGAR! Alguém comparou LaBrie com Paulo Ricardo. Bom... não preciso comentar, né? Foi brincadeira de quem disse isso.

Esteja, caro leitor, preparado para escutar neste álbum, passagens acústicas, alguns sintetizadores bem colocados e toques de modernidade que não são bem vindos aos mais radicais, mas que (posso até jurar) foram apresentados com bom gosto. Não consigo nem lembrar de tanto bom gosto junto em outros álbuns de prog recentes além do já citado Burn The Sun.

E como todos nós gostamos de saber os destaques do disco, digo sem medo, que The Gene Machine é uma das melhores faixas que já escutei. Moderna sem soar vendida, rápida sem ser descontrolada e o que poucas músicas nos dias de hojes conseguem ser: bonita!

River Out Of Eden mostra brilhante passagem de baixo e bateria e um refrão, no mínimo, cativante.

Massage From The Mountain possui uma dose cavalar de criatividade além da mais brilhante performance de LaBrie desde o Metropolis Part II - Scenes From A Memory. Esta música, por si só, vale o disco inteiro!

A boa Your Eyes é daquelas que encanta pela melodia óbvia mas paradoxalmente surpreendente, lembrando TUDO menos Goo Goo Dolls...

E eu posso continuar assim, nesse mesmo ritmo e vou acabar destacando todas as próximas: a bela e emocional La Mer, Nice Guys Finish First com suas levadas enebriantes, a boa Arms Races onde mais uma vez a bateria se destaca... por aí a gente vai até o fim do disco sem que uma única faixa apresente-se como descabida ou incoerente... um trabalho realmente louvável de Henning pauly e que me deixou curioso para conhecer sua banda Chain!

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Um disco obrigatório para os fãs de Dream Theater pela grande performance de LaBrie e pela qualidade da música aqui apresentada. Quem gosta de Liquid Tension também irá gostar do trabalho.

Um disco recomendado para quem gosta de Prog de verdade e não apenas de Symphony X ou da vertente mais Metal do estilo (que, apesar deste comentário, é minha favorita). Esqueçam que, por que alguém disse que é prog, a banda tem que soar como sua banda de prog favorita! Nenhum destes rótulos de hoje em dia consegue abrangir todas as bandas que a mídia julga abarcadas por eles. Tenha dó!!! Na época do tal Grunge queriam me convencer que Nirvana, Pearl Jam, Soundgarden e Mudhoney soavam parecidos.

Só porque o disco foi rotulado de Prog Metal e não soa como Symphony X você vai achar o disco ruim?!? Frameshift é Frameshift. Rock com muito prog e toques de heavy. Pronto! Novo rótulo! Prog-mezzo-metal. Que tal?

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Recomendado, como já disse, para quem curtiu o Burn The Sun do Ark, pra quem gosta de TOOL, pra quem quer escutar boa música enquanto espera algo realmente bom ser lançado e para músicos em geral.

Não recomendado para aqueles que realmente acham a voz de LaBrie enjoada, para quem tem a cabeça fechada como um coco, para radicais e para quem não se interessa por Prog Rock ou Prog Metal.

Unweaving The Rainbow é, ao meu ver, um dos álbuns mais brilhantemente compostos dos últimos dez anos. E digo mais: nem no Dream Theater LaBrie soa tão bem! E você, caro leitor pode SIM dizer que a voz de LaBrie é melosa... pode! Mas comparar um músico abalizado como ele ao Paulo Ricardo é ir muito longe.


Outras resenhas de Unweaving The Rainbow - Frameshift

Resenha - Unweaving the Rainbow - Frameshift

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

💬 Ler e postar comentários


Arte Musical
Stamp
Korzus
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Metallica, Guns, Slipknot, Kiss: tombos, erros e fatos engraçadosMetallica, Guns, Slipknot, Kiss
Tombos, erros e fatos engraçados

Heavy Metal: os maiores álbuns da história para os gregosHeavy Metal
Os maiores álbuns da história para os gregos


Sobre Bruno Coelho

Bruno Coelho é Arquiteto, escritor, poeta, produtor de eventos, pai, tradutor, intérprete e professor de inglês. Morou em cinco capitais brasileiras e hoje dedica-se ao árduo labor de organizar eventos na capital maranhense de São Luís. Fã do Dream Theater, Tool, Symphony X, Pain of Salvation e Evergrey, encontra espaço pra novas bandas e vertentes sempre.

Mais matérias de Bruno Coelho no Whiplash.Net.