Resenha - Eyes of Alice Cooper - Alice Cooper

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar Correções  

10


O que enxergam os olhos de Alice Cooper? Após os agressivos "Brutal Planet" e "Dragontown", esperava-se que este novo cd fosse o encerramento da trilogia começada com os dois primeiros. Mas Alice deu uma guinada de 180 graus e resolveu fazer um cd como nos bons tempos: rock and roll, simples e sem compromissos com nada, como já havia feito em várias fases de sua carreira, e mais recentemente (não tão recente assim) nos bons "Trash" e "Hey Stoopid".

publicidade

"Eyes of Alice Cooper" é antes de tudo um cd rockeiro, misturando o rock anos 70 de Alice, com suas flertadas com o pop nos anos 80/90. "What do You Want from Me?" e "Between High and Old School" são exemplos de rocks simples, mas cativantes. "Man of the Year" corre o risco de ser uma das melhores faixas que Alice já gravou nos anos 90, com sua pegada punk e sua letra irônica ("The Queen Made me a knight, The Pope made me a saint"). Outra boa flertada com o punk aparece em "I’m so Angry" (outra que merece destaque). E Alice não para por aí, flertando com o pop como em "Novocaine" e "Love Should Never Felt Like This" e dando uma alfinetada nos góticos na soturna "This House is Haunted".

publicidade

Mas Alice também não se esquece de por uns rocks pesados, como "Bye,Bye Baby"(com uma guitarra que lembra muito o estilo de Slash), "Detroit City" e "Backyard Braw" (uma das mais pesadas), além de baladas (talvez o único momento menos cativante do cd) como a "blueseira" "Be With You Awhile" e a legal "The Song that didn’t Rhyme" (aonde Alice se entrega ao pop, mas com estilo).

publicidade

Para mostrar que o cd é realmente rockeiro, Alice montou a banda que gravou o mesmo e manteve este line-up para a turnê, com o batera Eric Singer (sabe quem é?) os guitarristas Eric Dover e Ryan Roxie (que já andou tocando com Slash) e o talentoso baixista Chuck Garric. A curiosidade é que os teclados ficam a cargo de Ted Andreadis, que já tocou com Guns and Roses e tb com Slash no finado Slash’s Snakepit. Uma formação de respeito, que vai detonar ao vivo.

publicidade

Um baita cd que, se interrompe uma fase pesadíssima da carreira de Alice, interrompe com toda qualidade e permite o lançamento de um cd matador, obrigatório para fãs de rock.

Site oficial: http://www.AliceCooper.com

Lançado pela Eagle Rock em 2003. No Brasil, o lançamento ocorrerá pela SUM RECORDS.

publicidade


Outras resenhas de Eyes of Alice Cooper - Alice Cooper

Alice Cooper: Som simples, sem arranjos mirabolantes ou overdubs

Resenha - Eyes of Alice Cooper - Alice Cooper




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


That 70s Show: série com várias referências ao rock dos anos 70 deixa a NetflixThat 70s Show
Série com várias referências ao rock dos anos 70 deixa a Netflix

Nita Strauss: guitarrista de Alice Cooper celebra 5 anos de sobriedade com textoNita Strauss
Guitarrista de Alice Cooper celebra 5 anos de sobriedade com texto

Loudwire: 10 rock stars que abandonaram os vícios e continuam sóbrios até hoje (vídeo)Loudwire
10 rock stars que abandonaram os vícios e continuam sóbrios até hoje (vídeo)

Alice Cooper: Cinco por cento da força policial tem um problema racialAlice Cooper
"Cinco por cento da força policial tem um problema racial"

Alice Cooper: lenda do rock lança seu próprio leite achocolatadoAlice Cooper
Lenda do rock lança seu próprio leite achocolatado


Alice Cooper: não fosse por McCartney, Lennon tocaria em pubs para sempreAlice Cooper
"não fosse por McCartney, Lennon tocaria em pubs para sempre"

Alice Cooper: ele adora seu status de terrível vovô do rockAlice Cooper
Ele adora seu status de terrível vovô do rock


Dave Mustaine: há bandas cujo nome me ofendeDave Mustaine
"há bandas cujo nome me ofende"

Raul Seixas: 10 importantes obras do Maluco BelezaRaul Seixas
10 importantes obras do Maluco Beleza


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin