RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemThe Cure: 5 bandas que o vocalista Robert Smith já declarou odiar

imagemBruce Dickinson é confirmado como uma das atrações do Summer Breeze 2023

imagemTodos os rockstars que já recusaram ser condecorados pela rainha Elizabeth II

imagemOs álbuns de outros estilos musicais que Dave Mustaine indica para quem é headbanger

imagemGuns N' Roses compartilha foto incrível de show realizado em São Paulo

imagemBittencourt explica óbvio motivo para convidar "Cara do Crepúsculo" para papel do Batman

imagemCom tempo de sobra, Bruce Dickinson também faz segurança em show do Iron Maiden

imagemBarbosa ficou em 2º em concurso de guitarrista mais sexy e perdeu para astro internacional

imagemRafinha Bastos e João Gordo debatem piada sobre Wanessa e discutem papel do humor

imagemDavid Coverdale lista seus 20 álbuns preferidos do rock britânico

imagemManeskin e o grande temor que Gastão Moreira tem em relação à banda

imagemO setlist "gordo" e vídeos do último show da turnê de 2022 do Guns N' Roses pelo Brasil

imagemArnaldo explica por que saía do palco quando Titãs tocava hit de "Cabeça Dinossauro"

imagemO que esperar dos shows de Helloween e Hammerfall no Brasil, segundo os músicos

imagemKiko Loureiro explica a química da atual formação do Megadeth


NFL Steve Harris

Resenha - Savage Poetry - Edguy

Por Rodrigo Simas
Em 30/08/00

Nota: 8

O Edguy é uma banda que apareceu há não muito tempo e logo se tornou uma das grandes revelações do heavy metal melódico. Isso se deu pelo fato do lançamento consecutivo de dois bons discos, "Vain Glory Opera" e "Theater Of Salvation".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Além desses, a banda alemã ainda tem mais dois álbuns no seu currículo, sendo que o primeiro, "Savage Poetry", já estava esgotado e freqüentemente era pedido pelos fãs do grupo para ser relançado. Nesse contexto, a banda resolveu dar uma segunda chance a ele, e ao ouvi-lo viram que realmente o material, por diversos motivos, não era de muita qualidade.

Aí veio a idéia de regravá-lo, com novas idéias, novos arranjos, e principalmente com a experiência que o Edguy ganhou desde seu lançamento. Além disso, como bônus, ainda vem a versão original do álbum, gravada em 95, o que é bem legal para compararmos e assim ver o quanto a banda evoluiu nos últimos anos... e não foi pouca coisa.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Um dos grandes destaques é Tobias Sammet, vocalista e principal compositor, que está cantando muito, e é com certeza um dos melhores cantores da nova safra, além de ser um dos poucos que, mesmo cantando de modo bastante agudo, não chateia o ouvinte. O vocal de Sammet, sobre melodias bem trabalhadas, apresenta timbres que lembram bastante o mestre Geoff Tate (Queensryche).

O disco começa com a boa Hallowed e passa pela bem heavy melódico Misguiding Your Life. Key To My Fate é uma excelente faixa, com um refrão poderoso e guitarras pesadas. Mas ouça mesmo Eyes Of The Tyrant e Frozen Candle, pois elas conseguem reunir tudo o que a banda tem de melhor, com grandes vocalizações e grande trabalho por parte das guitarras, além de ótimos duetos, vários solos e uma cozinha impecável. No todo, é um disco que, com certeza, mostra que o Edguy desde seu início já tinha qualidade suficiente para ser o que é hoje, só precisava mesmo de tempo e experiência.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Lógico que algumas músicas resvalam naquele heavy melódico bem comum (mas muito bem feito por eles) , que peca um pouco pela falta de originalidade. Por outro lado, muitas composições são ótimas, e mostram o porquê do Edguy já ter tantos fãs espalhados pelo mundo. Agora vale esperar pelo disco solo de Tobias, que contará com participações especiais de muita gente e que promete ser um grande lançamento.

Material cedido por:
Laser Company Records

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Edguy, Avantasia: Tobias Sammet e os álbuns que mudaram a sua vida

Slash: guitarrista diz que perde a voz após os shows

Iron Maiden: Harris e Dickinson imortalizados em música do Edguy

Iron Maiden: Perguntas e respostas e curiosidades diversas

King Diamond: O que significa ser Satanista?


Sobre Rodrigo Simas

Designer, carioca e tricolor. Começou a ouvir música aos 11 anos, com Iron Maiden, Metallica e Rush. Tem como hobby quase profissional, a música. Além de produzir shows e eventos, trabalhou por 5 anos em loja especializada em Heavy Metal, e já escreveu para alguns sites e revistas de música. Hoje escuta de tudo um pouco, e cada vez mais descobre que existem apenas dois tipos de música: a boa e a ruim, independente do estilo. Bandas e artistas favoritos: Dave Matthews Band, Peter Gabriel, Rush, Iron Maiden, Led Zeppelin, Ben Harper, Radiohead, System of a Down... e a lista continua...

Mais informações sobre

Mais matérias de Rodrigo Simas.