Resenha - Down To Earth - Ozzy Osbourne

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Thiago Sarkis
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Até o mais crédulo dos fãs de Ozzy Osbourne, teve medo dos comentários sobre o provável direcionamento musical deste seu novo álbum. O fato do eterno vocalista do Black Sabbath estar sempre em excursões com bandas de metal alternativo e o passado recente que levou para o lado comercial nomes expressivos como o Metallica, tornavam tênue a divisória entre o boato e a verdade. Todavia, era preciso ressaltar, antes de mais nada, um ponto relevante: a presença de Zakk Wylde nas guitarras.
5000 acessosOzzy Osbourne: setlist e vídeos de primeiro show com Zakk Wylde5000 acessosHistória do rock: Sexo bizarro, drogas, mortes e outros boatos

Aqueles que conhecem a carreira e o modo de agir do atual guitarrista de Ozzy, com certeza ficaram mais tranqüilos que os demais. Em todos estes anos no meio musical, o máximo que Wylde alcançou foi um country ou alguns trabalhos mais leves, acústicos. Sua vida se baseou em metal de altíssima qualidade e críticas severas a estilos como grunge e adidas. Não havia muita possibilidade de mudança e a prova disso está aí.

“Down To Earth” pode não ser a grande obra-prima de Ozzy mas apresenta uma vasta gama de influências levando a um número considerável de composições inspiradas e bem conduzidas. Começando por John Lennon - como vemos na balada “Dreamer” - passando por vestígios da era Randy Rhoads e chegando a toques discretos de metal ‘moderno’ logo encobertos pela guitarra raivosa de Zakk Wylde e as boas atuações de Mike Bordin e Robert Trujillo.

O disco possui uma divisão nítida. Na primeira parte, que vai até a sexta faixa, a inspiração sobra e surgem excelentes canções como “Facing Hell”, “That I Never Head”, “No Easy Way Out” e “Gets Me Through”. Na segunda o ritmo cai um pouco mas se mantém um bom nível. Em especial a balada “Running Out Of Time” e a pesada “Can You Hear Them?” reservam bons momentos para os fãs.

Os trabalhos de produção, engenho e mixagem realizados por Tim Palmer e Mark Dearnley são límpidos e aparecem como fatores essenciais dentro dos ótimos resultados obtidos no novo lançamento de Ozzy Osbourne.

Site Oficial – http://www.ozzy.com

Ozzy Osbourne (Vocais)
Zakk Wylde (Guitarras)
Robert Trujillo (Baixo)
Mike Bordin (Bateria)

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
Setlist e vídeos de primeiro show com Zakk Wylde

2379 acessosOzzy Osbourne: em vídeo 3D, as mudanças em sua aparência0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Ozzy Osbourne"

VejaSPVejaSP
Momentos em que Ozzy Osbourne perdeu a noção

Heavy MetalHeavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados no ano de 1980

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
Assista comercial da Honda com Crazy Train

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Ozzy Osbourne"

CuriosidadesCuriosidades
Sexo bizarro, drogas, mortes e outros boatos

A década perdida?A década perdida?
Rock Brasileiro da Década de 70

O Clube dos 27O Clube dos 27
17 roqueiros que sucumbiram à idade fatídica

5000 acessosProstitutas: As mais famosas e devassas do cenário Rock - Parte 15000 acessosIron Maiden: Bruce Dickinson revela sua "canção de merda"5000 acessosChris Cornell: jornalista foi a último show e percebeu algo errado4985 acessosSlipknot: Corey Taylor explica como recarrega as suas baterias5000 acessosMotorhead: perguntas dos fãs respondidas por Lemmy5000 acessosDepeche Mode: 5 belos covers feitos por bandas de Rock e Metal

Sobre Thiago Sarkis

Thiago Sarkis: Colaborador do Whiplash!, iniciou sua trajetória no Rock ainda novo, convivendo com a explosão da cena nacional. Partiu então para Van Halen, Metallica, Dire Straits, Megadeth. Começou a redigir no próprio Whiplash! e tornou-se, posteriormente, correspondente internacional das revistas RSJ (Índia - foto ao lado), Popular 1 (Espanha), Spark (República Tcheca), PainKiller (China), Rock Hard (Grécia), Rock Express (ex-Iugoslávia), entre outras. Teve seus textos veiculados em 35 países e, no Brasil, escreveu para Comando Rock, Disconnected, [] Zero, Roadie Crew, Valhalla.

Mais matérias de Thiago Sarkis no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online