Clown Core: uma das bandas mais peculiares dos últimos tempos

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Victor Assis, Fonte: The Weirdest Band in the World, Press-Release
Enviar correções  |  Ver Acessos

Press-release - Clique para divulgar gratuitamente sua banda ou projeto.

Se você não tem medo de se arriscar e conhecer bandas com um som não tão convencional, o duo CLOWN CORE talvez seja para você. A dupla pode agradar desde entusiastas da discografia de Kenny G até devotos do mais tradicional black metal escandinavo de raíz. A garantia de uma escuta prazerosa é muito improvável. Na verdade, isso acaba fazendo parte da dinâmica da banda que já tem dois discos lançados: "Clown Core", de 2010, e "Toilet", lançado esse ano. Mas eles ficaram conhecidos mesmo depois que o canal Adult Swim publicou uma performance da banda em seu canal do YouTube. Acomodados dentro de um banheiro químico (que mais parece ser o QG dos palhaços), eles apresentam um breve repertório de canções cheias de inconstância e confusão.

Rob Halford: Uma resposta educada a comentários de DickinsonFilhas de Rockstars: conheça algumas das mais bonitas

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Não por acaso, o site The Weirdest Band in the World falou um pouco sobre eles: "Embora antes da semana passada, quase ninguém (incluindo nós) sabia que o Clown Core existia, a dupla já está por aí desde, pelo menos, 2010. Foi quando lançaram seu álbum de estreia, que apresenta 13 desequilibradas cantigas com títulos como 'Diarrhea Inferno Welfare Burrito' e 'I Ate a Luna Bar e My Dick Fell Off'. Está disponível no Spotify e iTunes, onde está listado em 'Children's Music'. O que é interessante, é como o conceito do Clown Core foi formado por completo, mesmo naquela época. Usando principalmente sax, teclados e bateria, o duo mistura punk-rock, death metal, jazz e muito alívio cômico (o tema de Benny Hill aparece em um ponto, e há também uma cover de death metal de 'Deck the Hall') para criar uma espécie de versão em quadrinhos do Sr. Bungle, de Mike Patton, por meio de Moon Hooch. Eles claramente não levam muito a sério, mas eles também são claramente bons músicos - o que torna tudo muito mais engraçado".

Seu disco mais recente repete a fórmula do anterior, só que ainda mais conturbado. "Toilet" - o nome é mais do que justificável - alterna, mais depressa do que o recomendado, entre buzinas de bicicleta, samples de dubstep, cantos gulturais e a dinâmica já estabelecido pelo trio "bateria, sax e synths violentos".

Definitivamente, CLOWN CORE não é para qualquer um, mas sua postura sinistramente cômica pode cativar alguns, nem que seja por uma escuta irônica, debochada, como faz a banda. E para aqueles que ainda estão com pé atrás em buscar algo da banda: eles estão ao lado de PRINCE, JAMIROQUAI E CARAVAN, na playlist pessoal de STEVEN WILSON. Como eu disse, não é pra qualquer um.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção MatériasTodas as matérias sobre "Clown Core"


Rob Halford: Uma resposta educada a comentários de DickinsonRob Halford
Uma resposta educada a comentários de Dickinson

Filhas de Rockstars: conheça algumas das mais bonitasFilhas de Rockstars
Conheça algumas das mais bonitas


Sobre Victor Assis

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, enviando sua descrição e link de uma foto.

Cli336x280 CliIL