Queen: "Bohemian Rhapsody" salvou a banda, diz Brian May

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda, Fonte: Classic Rock / TeamRock
Enviar correções  |  Ver Acessos

O guitarrista Brian May revelou, em entrevista à Classic Rock Magazine, que o sucesso do álbum "A Night At The Opera" - em especial, da música "Bohemian Rhapsody" - acabou por salvar a carreira do Queen. A faixa foi lançada em 1975, como primeiro single do disco, que também é desse ano.

Brian May: Ginger Baker faz parte da história do QueenGastão Moreira: a coleção do VJ, apresentador e jornalista

"Em termos de negócios, estávamos em crise. Fazíamos sucesso, mas estávamos em uma situação de gerenciamento em que não parecia haver luz no fim do túnel. Não estávamos recebendo nossos royalties e, embora dinheiro não seja tudo, não é bom sentir que você está em uma espécie de trabalho escravo", afirmou.

O bom resultado musical de "A Night At The Opera" só foi obtido graças a John Reid, então novo empresário da banda. "John Reid, que assumiu nossa gestão, disse que cuidaria do lado dos negócios e que nós deveríamos ir embora para fazer o nosso melhor álbum. Mas havia a sensação de que, se não fizesse sucesso, estaríamos no vermelho para sempre. Então, tivemos a sorte de fazer o disco de nossas vidas. E realmente acho isso", disse Brian May.

O reflexo da competência do Queen naquele período está em "Bohemian Rhapsody". "Sempre houve uma grande discussão sobre qual seria o primeiro single dos discos do Queen. Ser ou não um sucesso acaba por afetar a percepção e as vendas do álbum, além de interferir no faturamento da banda pelos próximos dois anos. Sempre soubemos que 'Bohemian Rhapsody' seria arriscada: poderia ser muito bem recebida ou dispensada de imediato, por ser complexa e longa. Kenny (Everett, DJ da época) topou tocá-la, assim como outros, e tornou-se uma favorita, que pareceu funcionar", afirmou o guitarrista.

May ainda destacou que "A Night At The Opera", em termos musicais, é mais semelhante ao segundo álbum da discografia, "Queen II", do que o terceiro (e antecessor direto de "A Night..."), "Sheer Heart Attack". "Fizemos 'Sheer...' de uma forma comprimida e direta, enquanto 'A Night...' era como: 'essa é a nossa tela, vamos pintar do nosso jeito'", afirmou.

Comente: A banda estava em crise financeira na época. Já pensou se o Queen chegasse à falência?




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção MatériasTodas as matérias sobre "Queen"Todas as matérias sobre "Brian May"


Brian May: Ginger Baker faz parte da história do QueenBrian May
Ginger Baker faz parte da história do Queen

Freddie Mercury: assista ao clipe de Living On My Own, barrado por promiscuidadeFreddie Mercury
Assista ao clipe de "Living On My Own", barrado por "promiscuidade"

Queen: Simpsons recria performance lendária no Live AidQueen
Simpsons recria performance lendária no Live Aid

Collectors Room: Queen e clássicos na bela coleção de Marcelo PardinCollectors Room
Queen e clássicos na bela coleção de Marcelo Pardin

Rock In Rio 1985: História & Bastidores - Parte 1 (vídeo)Mercado Musical: Os números no primeiro semestre de 2019Rodz Online: Freddie Mercury Tribute Concert (vídeo)Queen + Adam Lambert: anunciada tour pela Europa em 2020

The Voice Brasil: participante do feminejo canta Queen e surpreendeThe Voice Brasil
Participante do "feminejo" canta Queen e surpreende

David Coverdale: no Rock in Rio 1985, voo com Freddie Mercury e jingle com Roupa NovaDavid Coverdale
No Rock in Rio 1985, voo com Freddie Mercury e jingle com Roupa Nova

Freddie Mercury: e se ele cantasse no My Chemical Romance? (vídeo)Freddie Mercury
E se ele cantasse no My Chemical Romance? (vídeo)

Fatos Desconhecidos: tudo o que Bohemian Rhapsody não contou (vídeo)Fatos Desconhecidos
Tudo o que "Bohemian Rhapsody" não contou (vídeo)

Scorpions: eles conheceram Freddie Mercury aqui no BrasilScorpions
Eles conheceram Freddie Mercury aqui no Brasil

Queen: Adam Lambert diz que não está sabendo de nadaQueen
Adam Lambert diz que não está sabendo de nada

Freddie Mercury: box set da carreira solo será lançado em outubro; veja préviaFreddie Mercury
Box set da carreira solo será lançado em outubro; veja prévia

Queen: 10 coisas que você não sabia sobre Brian MayQueen
10 coisas que você não sabia sobre Brian May

Queen: os álbuns da banda, do pior para o melhorQueen
Os álbuns da banda, do pior para o melhor

Vocalistas: Os 10 melhores da história do rockVocalistas
Os 10 melhores da história do rock


Gastão Moreira: a coleção do VJ, apresentador e jornalistaGastão Moreira
A coleção do VJ, apresentador e jornalista

Deep Purple: riff de Smoke on the Water foi criado por Tom Jobim?Deep Purple
Riff de "Smoke on the Water" foi criado por Tom Jobim?

Runaways: Jackie Fox conta como foi estuprada por Kim FowleyRunaways
Jackie Fox conta como foi estuprada por Kim Fowley

Agressividade: 21 caras que fizeram a história do rock pesadoAgressividade
21 caras que fizeram a história do rock pesado

Compridas: As músicas mais longas de grandes bandasCompridas
As músicas mais longas de grandes bandas

W.A.S.P.: Lawless teve a mesma coisa que Michael Jackson!W.A.S.P.
Lawless teve "a mesma coisa" que Michael Jackson!

Rock: as dez lendas mais macabras do gêneroRock
As dez lendas mais macabras do gênero


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e apaixonado por rock há mais de uma década. Começou a escrever sobre música em 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Atualmente, é redator-chefe da área editorial do site Cifras e mantém um site próprio (www.IgorMiranda.com.br). Também co-fundou o site Van do Halen, para o qual trabalhou até 2013.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

adGoo336|adClio336