Matérias Mais Lidas

imagemRock in Rio: Pitty alfineta a produção do festival ao revelar qual seria sua exigência

imagemQuando Derico, do Programa do Jô, descobriu que Ian Anderson tocava tudo errado

imagemO hit da Legião que Renato Russo compôs para Cássia Eller e traz coincidência trágica

imagemNova Fã que descobriu Metallica por Stranger Things quer cancelar banda e reúne provas

imagemJoão Gordo se reencontra com o amigo Iggor Cavalera; "Agora falta zerar com o vovô"

imagemO clássico dos Paralamas do Sucesso que Lobão acusou de plágio

imagemRob Halford compartilha a foto mais metal da semana; "O Rei e Eu"

imagemIron Maiden e o Rock in Rio: em detalhes, o que exatamente a banda pediu para o evento

imagemO hit de Nando Reis inspirado em clássico do Led Zeppelin e na relação com sua mãe

imagemJimmy Page conta como convenceu Robert Plant a formar o Led Zeppelin

imagemA opinião de Marcelo Barbosa sobre cancelamento de Metallica e Pantera por racismo

imagemPaul Di'Anno recebe ajuda de Derek Riggs para angariar fundos

imagemA música do Black Sabbath favorita de Frank Zappa

imagemGordo diz que atualizou termos politicamente incorretos após puxão de orelha de filha

imagemKing Diamond fala sobre retorno do Mercyful Fate; "Isso não é uma reunião"


Stamp

André Forastieri: Ele prefere arame farpado no ouvido a Bob Marley

Por Claudinei José de Oliveira
Fonte: R7
Em 10/12/15

O reggae jamaicano há muito marca forte presença na música brasileira. Porém, mais que, meramente, um ritmo musical, o reggae, principalmente após o desenvolvimento da obra de seu ícone-mor, Bob Marley, tornou-se doutrina filosófico-religiosa, o famigerado rastafarianismo que, em suma, é uma leitura afro-americana de partes do Antigo Testamento.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Algumas "sumidades" da caquética MPB foram moldadas pela estética sonora que fez do "rastaman" acima mencionado o mito que é. O infelizmente onipresente Caetano Veloso, em sua "obra" "Verdade Tropical", afirma que seu chapa Gilberto Gil pensou em abandonar a música após travar contato com a obra de Marley, por julgar não ter mais nada a dizer. Infelizmente, pra nós, o baiano não levou a cabo seu intento.

Itamar Assumpção, Titãs, Raimundos, Skank, Cidade Negra e muitos, muitos outros releram o ritmo jamaicano para os ouvidos nacionais e, juntamente com Ramones, Racionais MC's e Iron Maiden, Bob Marley é unanimidade entre camisetas estampadas com músicos, observadas pelas ruas, País afora.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O polêmico jornalista André Forastieri que, muitas vezes, para chamar atenção de leitores, desafina do coro dos contentes e "profana" unanimidades, como já fez com Ronnie James Dio e Metallica, por exemplo, tem um texto, dos idos de 1995, onde problematiza o reggae como doutrina e, mesmo, como gênero musical. Por trás do título chamativo, há, porém, argumentos estruturados sensatamente.

Sobre a releitura rastafári do Antigo Testamento, onde o africano escravizado é identificado com o povo hebreu, podemos ler:

"Não posso nem ver esses 'reggaemen' falando de Jah e chorando as pitangas pela repressão do homem branco em cima deles.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Para começar, o negócio todo é filosoficamente equivocado. Criado para ser música de resistência contra 'o sistema', soa como uma choradeira de quem não tem proteína e nem calorias para resistir nem a uma brisa. Não foi à toa que todos os 'superstars' do reggae assinaram rapidinho com as gravadoras da 'Babilônia'. E não é à toa que reggae virou um pastichão que só serve para atrair turista para a Jamaica."

Aqueles que possuem relativo conhecimento das religiões baseadas no "monoteísmo semita", a saber, o judaísmo e, por consequência, o cristianismo, além do islamismo sabe serem elas fundamentadas na misoginia. Sendo o rastafarianismo estreitamente vinculado ao Antigo Testamento, a respeito, escreve André:

"E as meninas que gostam de reggae talvez gostem de saber que o papel da mulher em ambientes rastafári está só um pouco acima do papel do cachorro."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Na conclusão do texto, menciona rapidamente a polêmica associação litúrgica do rastafarianismo com o consumo da maconha, deixando no ar que a aceitação do reggae, no Brasil, é desculpa pra maconheiro:

"Eu até que engolia mais todo o besteirol conceitual que cerca o reggae se o som não fosse tão chato. Para mim, atravessar um CD do Bob Marley equivale a enfiar arame farpado no canal auricular.

Enfim. Detesto reggae. Um amigo me diz que reggae foi inventado para ouvir na praia fumando maconha. Ah, bom isso explica a unanimidade do reggae entre os desentendidos."

Esses, entre outros aspectos do reggae são abordados por um viés iconoclasta, marca da escrita de Forastieri, tornando a leitura intrigante, por desafiar o convencional. É importante não esquecermos que o próprio André já afirmou ser o que é graças ao contato que teve com a obra da banda punk The Clash, a qual teve o reggae como influência fundamental em sua sonoridade.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O texto de Forastieri pode ser lido na íntegra no link abaixo.

http://www1.folha.uol.com.br/fsp/1995/6/05/folhateen/19.html

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Dream Theater 2022


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Bob Marley: ouça versão de clássico pela Chaosfear

Em 11/05/1981: morria Bob Marley, grande nome da música mundial

Bob Marley: A sua lenda permanece viva até hoje

Gibson: os 50 melhores covers da história do rock

Nirvana: Dave Grohl comenta sobre o funeral de Kurt Cobain


Sobre Claudinei José de Oliveira

Claudinei José de Oliveira é graduado em História e aproveita o tempo vago para ouvir, ler e escrever rock'n'roll e conversar com seus cachorros. Criou e mantém o blog rollandorocha.blogspot.

Mais matérias de Claudinei José de Oliveira.