Van Halen: o que deu errado na reunião com Hagar em 2004?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar correções  |  Comentários  | 

A turnê de reunião do VAN HALEN com SAMMY HAGAR em 2004 fazia muito sentido no papel. O grupo estava hibernando fazia seis anos depois de malfadados LP e turnê com o vocalista do EXTREME, GARY CHERONE, e os fãs estavam famintos para ver a banda de novo. DAVID LEE ROTH pode ter parecido a escolha óbvia para um vocalista naquela altura do campeonato, mas tentativas de reuni-lo com a banda naquele período foram feitas em vão. Sem nenhuma outra opção viável, eles buscaram Sammy Hagar, que estava bem disposto a esquecer e perdoar.

5000 acessosTop 20: os discos e singles mais odiados do rock, segundo o UCR5000 acessosSkank: banda foi enganada ao participar de programa da Xuxa

A turnê poderia ter sido um enorme triunfo, mas os problemas apareceram antes que uma única nota fosse tocada. Eddie não queria incluir MICHAEL ANTHONY, e Hagar não concordaria com nada a menos que o baixista estivesse na turnê. No fim das contas, Anthony assinou um contrato que reduzia drasticamente sua receita. “Eu também tive que ceder um bando de outras coisas, como porcentagem de cachês e qualquer direito da marca”, ele disse à revista estadunidense ROLLING STONE em 2007. “Eu não precisava do dinheiro. Eu decidi entubar aquilo porque pensei que se fosse a última vez que o Van Halen tocasse, eu queria estar lá com eles e com os fãs.”

Michael Anthony estava a bordo, mas Sammy ficou chocado quando viu Eddie ao vivo pela primeira vez em quase dez anos. “Parecia que ele não tomava banho há uma semana”, ele escreveu em seu livro de memórias de 2011, “Red: My Uncensored Life in Rock”. “Ele estava sem um monte de dentes e os que restavam estavam pretos. As botas dele estavam tão gastas que ele tinha emendado com fita adesiva, e o dedão ficava pro lado de fora. Ele veio até a mim, curvou-se como um velho, um cigarro na boca. Ele tinha tido um terço de sua língua removido devido a um câncer e falava com um pouco de ceceio.”

O grupo decidira gravar três novas músicas para uma compilação do Van Halen, mas Ed ficava desaparecendo e Sammy começou a temer que a coisa toda desmoronasse. “Ele tinha virado a porra mais esquisita que eu já tinha visto, cru, rude e amargo”, ele escreveu. “Eu deveria ter saído andando, mas Eddie tem um lado muito encantador e persuasivo, por onde você sente que ele tem um bom coração. Ele vai superar isso. Ele vai se ajeitar e vamos fazer isso.”

Com ajuda do produtor GLEN BALLARD, eles conseguiram registrar três faixas. Daí eles montaram um set focado majoritariamente na era do Van Hagar, algumas músicas da era Roth e as três músicas novas.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Ficara claro para a maioria das pessoas na plateia que Eddie não estava em sua melhor forma, mas poucos sabiam da gravidade de seu problema com a bebida. Hagar e Anthony mal falavam com Eddie nos bastidores, mas por algum milagre nenhum show foi cancelado naquela turnê. Quando ela acabou em Tucson, Arizona em Novembro de 2004, cada um foi pro seu canto. Sammy não fala com Eddie desde então, e Anthony ficou sabendo que havia sido demitido da banda quando leu na internet, anos depois, que o filho de Eddie, WOLFGANG, era o novo baixista.

Apesar de todo o rolo, Sammy Hagar não tem nenhum arrependimento de seu tempo com o Van Halen. ”Todo mundo só quer lavar roupa suja, mas sendo totalmente franco, estar no Van Halen foi uma das maiores experiências da minha vida”, ele disse em 2011. ”Eu não trocaria aquilo por nada. Eu fico com a lama junto.”

Ele ainda afirma que outra reunião não está descartada. “Algum dia, antes de todos nos morrermos, claro, porra. Mas pode ser que estejamos com noventa anos.”

Comente: Quem é, na sua opinião, o melhor vocalista que passou pelo Van Halen?

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 08 de fevereiro de 2017

Top 20Top 20
Os discos e singles mais odiados do rock, segundo o UCR

445 acessosLoudwire: em vídeo, 10 maiores riffs de metal dos anos setenta0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Van Halen"

Van HalenVan Halen
Sammy Hagar coloca Michael Anthony na parede

Strip-TeaseStrip-Tease
Algumas canções que combinam com o tema

Rock e MetalRock e Metal
Doze ótimos álbuns para iniciantes

0 acessosTodas as matérias da seção Matérias0 acessosTodas as matérias sobre "Van Halen"

SkankSkank
Banda foi enganada ao participar de programa da Xuxa

Marilyn MansonMarilyn Manson
Ele ganharia o Grammy por incitação a mortes

Duff McKaganDuff McKagan
"É um milagre o Slash e eu ainda estarmos vivos!"

5000 acessosHeavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 19895000 acessosSlayer: cronologia de Hanneman, da picada da aranha até a morte5000 acessosJethro Tull: a fúria de Ian Anderson pra cima do Led Zeppelin2191 acessosHeavy Metal: os dez álbuns favoritos de Joe Duplantier, do Gojira5000 acessosMichael J. Fox: A volta triunfal de Marty McFly em um show do Coldplay5000 acessosPhil Anselmo: vocalista mostra seu barraco em Louisiana

Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online