Faster Pussycat

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Enviar correções  |  Comentários  | 

Por Jonatas L. da Rosa

581 acessosConsequence of Sound: 10 discos de Hair Metal que "não são ruins"5000 acessosSlipknot: Corey Taylor explica porque o mundo pop não suporta o Heavy Metal

O Faster Pussycat foi criado em hollywood, california, pelo vocalista Taime Downe, guitarristas Brent Muscat e Greg Steele, baixista Eric Stacy e baterista Mark Michals. O seu Nome é derivado do filme de Russ Meyer, "Faster, Pussycat! Kill! Kill!".

O seu primeiro álbum foi lançado em 1987, muito influenciado por Aerosmith e Rolling Stones, com um senso de humor em "Bathroom Wall", "Dont Change That Song", "Cathouse" e "Babylon". Um Tour pelo Reino Unido com o Guns N' Roses, e outro tour pelos Estados Unidos com Alice Cooper, David Lee Roth e Motorhead, ajudaram a banda a vender seu primeiro disco.

Com a chegada do segundo disco, "Wake Me When It's Over", em 1989, aquele jeito glam da banda é deixado de lado, com musicas como "House Of Pain" e "Pulling Weeds", o humor ainda continua nas suas letras, como em "Slip Of The Tongue" e "Where There's A Whip There's A Way". Mark Michals é preso em um show com as bandas Almighty e Dangerous Toys, e Frank Banali entrou no lugar, depois substituido por Brett Bradshaw para uma posterior tour com o KISS e Mötley Crüe.

Com a chegada de "Whipped" em 1992, a banda é esquecida, não apenas pela qualidade do álbum (muito diferente dos anteriores), mas também pelo "sucesso" das bandas de Seattle. Ironicamente, Taime Downe nasceu em Seattle. Depois de vender muito mais de 1 milhão de cópias pelo mundo, com 8 anos de carreira, a banda faz seu último show juntos em 6 de julho de 1993.

Nos Anos Seguintes, Taime tocou com Pigface, e também montou sua própria banda, The Newlydeads.

Brent Muscat gravou com Phil Lewis e se juntou ao L.A. Guns para uma tour.

Em 2001 o Faster Pussycat volta para uma tour com os integrantes originais Taime Downe, Greg Steele e Brent Muscat. A Tour também serviu para apresentar novos membros, que trabalharam junto com Taime no Newlydeads, o baixista Danny Nordhal, e o bateirista Chad Stewart e o guitarrista Xristian Simon. Antes da tour acabar, Steele se despede da banda, e eles continuam com os integrantes remanescentes.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

581 acessosConsequence of Sound: 10 discos de Hair Metal que "não são ruins"1350 acessosHair Metal: dez álbuns que valem a pena0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Faster Pussycat"

0 acessosTodas as matérias da seção Matérias0 acessosTodas as matérias sobre "Faster Pussycat"

SlipknotSlipknot
Corey Taylor explica porque o mundo pop não suporta o Metal

EsquireEsquire
Integrantes do Metallica fingem ser do Led Zeppelin

MetallicaMetallica
Lars Ulrich quase saiu no tapa com Lou Reed

5000 acessosQuiet Riot: quebrando disco de banda brasileira em 19855000 acessosDanilo Gentili: O sertanejo tem mais atitude roqueira que o próprio roqueiro5000 acessosMotorhead: destaques do funeral de Lemmy Kilmister5000 acessosMegadeth: Mustaine abre o jogo sobre convite a Pepeu Gomes5000 acessosPhil Anselmo: Corey Taylor comenta a polêmica racista5000 acessosMegadeth: novo álbum fez Slash ser multado

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online