Ayreon: Um brasileiro no Ayreon Universe

Resenha - Ayreon (Tilburgo, Holanda, 15/09/2017)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Lucas Araujo
Enviar correções  |  Ver Acessos

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Alguns dias depois do show, um dos melhores concertos de metal que já fui em minha vida, sinto-me na obrigação de compartilhar impressões, lembranças e até mesmo algumas fotos do evento.

AC/DC: Brian revela segredo obscuro de Angus YoungBon Jovi: Jon e Sambora viveram triângulo amoroso com atriz

O que ocorreu nos dias 15, 16 e 17 de setembro de 2017, em uma pequena cidadezinha na Holanda chamada Tilburgo? Ocorreu a primeira vez (e quiçá a única) em que o AYREON apresentou um show ao vivo, live, de suas musicas.

Como o próprio mentor do projeto AYREON já disse repetidas vezes, ele nunca foi um projeto musical realizado com a intenção de apresentar em shows. A ideia era reunir diversos artistas do meio do Metal, gravar um cd e ponto. Além disto, como os artistas são convidados para participar de um álbum em específico, se torna um desafio maior ainda uni-los para apresentar músicas de vários em um show.

Enfim, com este desafio em mente, e após o sucesso do show chamado "The Theater Equation" em 2015, ARJEN ANTHONY LUCASSEN resolve topar o desafio e montar este show.

Em novembro de 2016 os ingressos foram postos a vendas, e em menos de uma semana os 3 dias de show estavam vendidos, para um concerto que ocorreria somente no próximo ano.

Bom, eu comprei nas primeiras horas e consegui garantir um convite, regular (tinha vips, mas já estavam esgotados para os 3 dias).

Sai daqui 1 semana antes do show com o intuito de conhecer Amsterdam por uns dias e depois ir para Tilburgo. A língua holandesa é bem difícil, nada parecido com Inglês, espanhol, ficando difícil para nós compreendermos. O lado bom é que quase todo mundo fala inglês, então a comunicação ficou mais fácil.

Chegando em Tilburgo, os fãs já estavam marcando inúmeros encontros nos bares da cidade antes e depois dos shows. Aproveitei estes momentos para conhecer alguns Ayreonaughts que estavam extremamente ansiosos com o show. Minha expectativa também estava alta, pois sabia ser um evento único.

No dia do show, os europeus se comportam de maneira diferente dos brasileiros. Aqui os fãs "trues", aqueles que sentem o metal na veia, chegam na fila no dia pela manhã ou no almoço e já começam a se alinhar.

Lá, as portas iam abrir as 19h, cheguei as 17h30 e fiquei entre os primeiros da fila. Entre as 18h e 19h que o pessoal começou a chegar e fazer uma fila quilométrica.

O evento foi feito na casa de shows POPPODIUM 013, que comportava de 3000 a 5000 pessoas, e ficou lotado. Parecia que tinha gente pendurada no teto para assistir. Tinha muitas pessoas de diversos países europeus, mas senti falta de americanos (Estados Unidos da América, Canadá, Brasil, México e outros). Pessoalmente, não vi nenhum outro brasileiro na fila, ou no teatro antes ou depois do show.

O setlist estava incrível, com diversos sucessos de vários álbuns da banda. Afinal de contas, como eles tinham que "aproveitar" os cantores que estavam lá, eles buscaram as musicas que eles já haviam feito anteriormente.

Por exemplo, ver HANSI KURSCH tocando "River of Time" foi impressionante. Aliás, como é que podemos ver tantos artistas de tão alto nível e não nos impressionarmos?

FLOOR JANSEN quando entrava no palco todos estremeciam, tamanha é a sua presença e o reconhecimento que todos tem por ela e por sua irmã IRENE JANSEN, que estava no Back Vocals.

DAMIEN WILSON tocando "And The Druids Turned to Stone" foi uma canção espetacular, que vê-la ao vivo emocionou os presentes.

MAGGY LUYTEN foi uma grande surpresa. Não a conhecia, e quando vi aquela baixinha (deve ter um metro e meio no máximo) entrando no palco não dei muita bola. Mas gente, ela tem uma voz rasgada que é demais. Virei fã!

ANNEKE VAN GIERSBERGEN e MARCELA BOVIO, sempre lindas, delicadas e de altíssimo nível. Elas fazem um interessante contraponto com a MAGGY LUYTEN, ajudando a criar este clima tão característico das músicas do AYREON(não sabe do que estou falando? AYREON tem algumas músicas mais pesadas e outras mais leves, e elas trazem grande parte desta leveza).

E por fim, tivemos o discurso do mestre. Quando ARJEN ANTHONY LYCASSEN começou a falar, pudemos entender como ele cativou os demais artistas a participarem de seu projeto. Este gigante (de mais de um metro e noventa), também conhecido como Gentle Giant, contou das dificuldades que teve ao longo de sua carreira, e como sempre achou que era impossível realizar um show deste calibre. Além disto, relatou que tem pavor de falar em público, e emocionou todos os presentes ao agradecer sua namorada, LORI LINSTRUTH por tê-lo auxiliado em toda a organização do show.

Abaixo, algumas fotos do show. Não pôde ir? Infelizmente perdeu um dos maiores eventos da história do metal.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de ShowsTodas as matérias sobre "Ayreon"


Top 10: Álbuns conceituaisTop 10
Álbuns conceituais

Gigantes do Rock e Metal: alguns músicos muito, muito altosGigantes do Rock e Metal
Alguns músicos muito, muito altos


AC/DC: Brian revela segredo obscuro de Angus YoungAC/DC
Brian revela segredo obscuro de Angus Young

Bon Jovi: Jon e Sambora viveram triângulo amoroso com atrizBon Jovi
Jon e Sambora viveram triângulo amoroso com atriz

Mulheres e guitarras: as mais importantes segundo a GibsonMulheres e guitarras
As mais importantes segundo a Gibson

Separados no nascimento: Edu Falaschi e Luciano HuckSeparados no nascimento
Edu Falaschi e Luciano Huck

Gutural: mulheres que fazem vocal em bandas de MetalGutural
Mulheres que fazem vocal em bandas de Metal

Guns N' Roses: médico afirma que Axl odiava drogas, mas outros curtiamGuns N' Roses
Médico afirma que Axl odiava drogas, mas outros curtiam

De Volta Para o Futuro: cinco versões metal do tema clássicoDe Volta Para o Futuro
Cinco versões metal do tema clássico


Sobre Lucas Araujo

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

adGoo336|adClio336