Matérias Mais Lidas

Legião Urbana: série da Globo sobre a banda é cancelada e motivo irrita músicosLegião Urbana: série da Globo sobre a banda é cancelada e motivo irrita músicos

Guns N' Roses: a curiosa e humilde reação de Axl Rose ao ser eleito melhor vocalistaGuns N' Roses: a curiosa e humilde reação de Axl Rose ao ser eleito "melhor vocalista"

Iron Maiden: gravação impressiona ao mostrar o quanto Adrian Smith é preciso ao vivoIron Maiden: gravação impressiona ao mostrar o quanto Adrian Smith é preciso ao vivo

Capital Inicial: a razão curiosa pela qual Dinho Ouro Preto ficou viciado em drogasCapital Inicial: a razão curiosa pela qual Dinho Ouro Preto ficou viciado em drogas

Keith Richards: por que ele odeia heavy metal e acha Metallica e Sabbath piadasKeith Richards: por que ele odeia heavy metal e acha Metallica e Sabbath "piadas"

Joey Jordison: amigo do fundador do Slipknot diz que manterá causa da morte em segredoJoey Jordison: amigo do fundador do Slipknot diz que manterá causa da morte em segredo

Guns N' Roses: Por que estão regravando material antigo? Slash explicaGuns N' Roses: Por que estão regravando material antigo? Slash explica

Bruce Dickinson: em vídeo ele promete noite fabulosa em homenagem à Jon LordBruce Dickinson: em vídeo ele promete noite fabulosa em homenagem à Jon Lord

Mayhem: fique longe das redes sociais, aconselha NecrobutcherMayhem: "fique longe das redes sociais", aconselha Necrobutcher

David Ellefson: Ficou claro que a parceria no Megadeth acabou, era a banda do MustaineDavid Ellefson: "Ficou claro que a parceria no Megadeth acabou, era a banda do Mustaine"

Kerrang: 14 músicas gravadas por bandas de rock e metal que são assustadorasKerrang: 14 músicas gravadas por bandas de rock e metal que são assustadoras

Epica: Simons conta porque a banda pisou no freio após The Holographic PrincipleEpica: Simons conta porque a banda pisou no freio após "The Holographic Principle"

Bjorn Thorsrud: morre engenheiro de som do David Coverdale e Bruce DickinsonBjorn Thorsrud: morre engenheiro de som do David Coverdale e Bruce Dickinson

Nightwish: em momento nostálgico Floor Jansen relembra sua irmã mais velha no metalNightwish: em momento nostálgico Floor Jansen relembra sua "irmã mais velha no metal"

Yngwie Malmsteen: Eddie Van Halen mudou tudo - Deus o abençoeYngwie Malmsteen: "Eddie Van Halen mudou tudo - Deus o abençoe"


Stamp

Scorpions: Muitas páginas antes de fechar esta enciclopédia do Rock

Resenha - Scorpions (Credicard Hall, São Paulo, 14/08/2007)

Por Maurício Dehò
Em 17/08/07

Não se podia esperar mais. Uma carreira repleta de clássicos em cerca de quatro décadas na estrada e, claro, o reconhecimento de diversas gerações (dos mais tiozões aos iniciantes no Rock), que lotaram o Credicard Hall numa terça-feira (14/8) em São Paulo e prestigiaram toda a energia destes alemães. E haja motivação para os veteranaços do Scorpions pegarem um avião e embarcarem numa turnê mundial após 21 álbuns lançados e encerrarem a parte brasileira na capital paulista.

Fotos: Rafael S. Karelisky

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Se os carequinhas com poucos cabelos brancos sobravam nas dependências da casa de show, é necessário lembrar que alguns dos mais velhos estavam em cima do palco (sim, Klaus e Rudolf já bateram a marca dos 59 anos). E com saúde invejável, diga-se de passagem.

O quinteto, que conta com os membros originais Klaus Meine (voz) e Rudolf Schenker (guitarra), além de Matthias Jabs (guitarra), James Kottak (bateria) e Pawel Maciwoda (baixo), entrou realmente pegando fogo, enquanto o público foi quem demorou para esquentar. Até porque o início, às 22h05min, foi com um som novo, "Hour 1", que abre o disco "Humanity Hour 1", lançado este ano. Por falar no álbum, a faixa já mostrou que, desde "Unbreakable", de 2004, o Scorpions não está para brincadeira e resolveu resgatar o peso do seu Hard Rock e os riffs poderosos de Rudolf.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Mas como acontece com a maioria das bandas antigas, o que vale são os clássicos, então foi hora de "Bad Boys Running Wild", uma das melhores do set, seguida por outra mais recente, "Love ‘Em Or Leave ‘Em", do "Unbreakable". Destaque para Klaus tentando mandar em português um ‘Tutu bem?’ para a galera, que não segurou o riso. Aliás, o baixinho é uma figura! No figurino, não podiam faltar a boina, os óculos escuros e o colete, além da meia-lua, sempre jogada de um lado para o outro do palco. Claro que a voz permanece calibrada, naquele timbre sempre nasal, mas que, não à toa, marcou a carreira do grupo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Apesar de uns pontos de agitação na pista, foi na cadenciada "The Zoo" que a coisa pegou fogo de verdade e não esfriou mais. Além de ser um clássico, o destaque vai para Matthias em seus solos de puro feeling e o sempre presente efeito do talkbox. Depois da balada-pesada "Deep & Dark", hora de Klaus assumir as bases, o batera James Kottak destruir tudo na bateria e esmurrar o gongo chinês atrás do seu kit, e todos deixarem Schenker e Jabs fazerem seus duetos na instrumental "Coast to Coast".

Aliás, são poucos os momentos que Rudolf sola, mas nem precisa. Além de segurar as bases, ele faz seus 59 anos parecerem apenas 20, para a inveja de tantos outros veteranos presentes. Fora a camiseta agarrada e a forma física impecável, o showman continua com seus trejeitos: dancinhas jogando a guitarra de um lado para o outro, pulos, caras e bocas e até rodadas do seu instrumento preso apenas pelo pescoço. Como se diz por aí, ele é realmente a alma do quinteto, esbanjando suas inúmeras Flying-Vs pelo palco.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Por falar nos modelos de guitarra do alemão, foi com um bem diferente que o show prosseguiu. Com seu violão em "V", feito especialmente para a gravação do álbum "Acoustica", os presentes puderam curtir duas músicas (e meia), desplugadas, num dos mais belos momentos da apresentação. Com a clássica "Send Me An Angel", foi possível ouvir de verdade a voz do público, assim como em "Always Somewhere", perfeita para todos os casais de plantão.

Já "Holiday" começou lentinha, com Klaus e o Kottak dividindo as vozes com os fãs, mas trouxe de volta o peso para o show. E nem o ingresso caro (R$ 160 a inteira na pista, fora o que os baixinhos sofrem para enxergar no Credicard Hall...) paga assistir aos sorrisos no rosto do vocalista, como sempre maravilhado com o público brasileiro, ainda mais após a gravação do mais novo DVD da banda, em Manaus, com 22 mil pessoas presentes.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Definitivamente com as guitarras em punho, a banda seguiu uma série com os riffs poderosos e a afinação grave das novas "Humanity" e "The Game of Life", com seu refrão grudento, além de "Tease Me, Please Me" e "Leaving You". Mas provavelmente a melhor composição do novo álbum apresentada aos paulistas foi "321", uma das mais empolgantes. E olhe que Klaus teve que ensinar o pessoal a contar!

O baixista Pawel Maciwoda teve então seu momento praticamente sozinho, solando acompanhado somente de James na bateria, e mostrou um pouco de suas influências mandando trechos de Jimi Hendrix e "Enter Sandman" no baixo. Já o batera mandou seu "Kottak Attack", nome que dá ao seu solo, onde o forte é a interação com o público. A relação com o público, na verdade, acontece durante o show todo, já que o americano magrela e quase sempre descamisado não pára um segundo. Ele ainda teve um momento de homenagem ao Brasil quando vestiu uma camiseta com a bandeira do país.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Com uma hora e meia de apresentação, o fim já estava próximo, mas o set seguiu quente com uma trinca poderosa: a rápida "Blackout", o clássico "Big City" e a levada despojada de "Dynamite", com Klaus já se esgoelando nos vocais, para acabar o set normal.

Fim de papo? Só se os alemães quisessem arrumar confusão. Claro que uma grande parte dos presentes estava ali mais pelo bis do que qualquer outra coisa. E tiveram o que tanto quiseram. Depois da homenagem com "Aquarela do Brasil", era hora da belíssima balada "Still Loving You", cantada por todos, assim como "Wind of Change", com assobio e tudo, é claro. Melhor que isso, só Rudolf disparando o riff de "Rock You Like Hurricane", enquanto Matthias mandava ver no solo. Clássico!

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Aplausos do público e agradecimentos dos músicos, mas ainda não era o fim. Enquanto muitos já deixavam a casa precipitadamente, o Scorpions reservou mais uma acústica, "When The Smoke is Going Down", uma baladinha para acabar de vez o show, mas já deixar aquela saudade...

Com dois quase sexagenários na banda, é difícil saber até quando tudo isso vai durar. Importante mesmo é que os caras marcaram o nome na história do Rock, ainda mais como a maior banda alemã, e fizeram o favor de visitar o Brasil para gravar um DVD e mostrar um pouco dos capítulos finais para o público daqui. Resta torcer para que ainda haja muitas páginas antes de fechar esta verdadeira enciclopédia do Rock!

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Set List:
Hour 1
Bad Boys Running Wild
Love ‘Em or Leave ‘Em
The Zoo
Deep & Dark
Coast to Coast
Send Me An Angel (acústica)
Always Somewhere (acústica)
Holiday
Humanity
The Game of Life
Leaving You
Tease Me, Please Me
321
Solo de baixo - Pawel Maciwoda
Kottak Attack (solo de bateria)
Blackout
Big City
Dynamite
Still Loving You
Wind of Change
Rock You Like a Hurricane
When The Smoke is Going Down

Formação:
Klaus Meine - vocal
Rudolf Schenker - guitarra
Matthias Jabs - guitarra
Pawel Maciwoda - baixo
James Kottak - bateria

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Tunecore 2
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Scorpions: ouça prévia de Peacemaker, single do novo álbumScorpions: ouça prévia de "Peacemaker", single do novo álbum

Scorpions: A balada Wind of Change foi composta pela CIA?Scorpions: A balada "Wind of Change" foi composta pela CIA?

Scorpions: banda apresenta Rock You Like A Hurricane em programa francêsScorpions: banda apresenta "Rock You Like A Hurricane" em programa francês

Scorpions: vídeo da apresentação com a violinista Vanessa-Mae em programa francêsScorpions: vídeo da apresentação com a violinista Vanessa-Mae em programa francês

Scorpions: veja Still Loving You ao vivo com Vanessa Mae no violinoScorpions: veja "Still Loving You" ao vivo com Vanessa Mae no violino

Scorpions: novo álbum sai em fevereiro, primeiro single já em outubroScorpions: novo álbum sai em fevereiro, primeiro single já em outubro

Scorpions: grupo recebe importante honraria europeia em noite inesquecívelScorpions: grupo recebe importante honraria europeia "em noite inesquecível"

Scorpions: veja banda tocando "You And I" em programa francês em 1996

Scorpions: magoado com ganância, ex-baterista desce a lenha nos atuais integrantes da bandaScorpions: magoado com "ganância", ex-baterista desce a lenha nos atuais integrantes da banda

Scorpions: Rudolf Schenker escolhe os dez melhores álbuns da bandaScorpions: Rudolf Schenker escolhe os dez melhores álbuns da banda

Charlie Watts: Mikkey Dee homenageia o baterista que foi uma de suas maiores inspiraçõesCharlie Watts: Mikkey Dee homenageia o baterista que foi uma de suas maiores inspirações

Scorpions: vendedor de disco com capa proibida pode receber visita da políciaScorpions: vendedor de disco com capa proibida pode receber visita da polícia

Scorpions: vídeo ao vivo de Rock You Like A Hurricane no MéxicoScorpions: vídeo ao vivo de "Rock You Like A Hurricane" no México

Scorpions: Herman Rarebell lança vídeo para I'll Say Goodbye, de 1977Scorpions: Herman Rarebell lança vídeo para "I'll Say Goodbye", de 1977

Scorpions: veja banda ensaiando uma de suas novas composiçõesScorpions: veja banda ensaiando uma de suas novas composições


Rock e Metal: Algumas das melhores duplas de guitarristasRock e Metal: Algumas das melhores duplas de guitarristas

Michael Schenker: Klaus Meine é o único artista no ScorpionsMichael Schenker: "Klaus Meine é o único artista no Scorpions"

Joan Jett: relembrando brigas com Rush, Scorpions e outrosJoan Jett: relembrando brigas com Rush, Scorpions e outros


Metallica, Guns, Slipknot, Kiss: tombos, erros e fatos engraçadosMetallica, Guns, Slipknot, Kiss
Tombos, erros e fatos engraçados

Heavy Metal: os maiores álbuns da história para os gregosHeavy Metal
Os maiores álbuns da história para os gregos


Sobre Maurício Dehò

Nascido em 1986, é mais um "maidenmaníaco". Iniciou-se no metal ao som da chuva e dos sinos de "Black Sabbath", aos 11 anos, em Jundiaí/SP. Hoje morando em São Paulo, formou-se em jornalismo pela PUC e é repórter de esportes, sem deixar de lado o amor pela música (e tentando fazer dela um segundo emprego!). Desde meados de 2007, também colabora para a Roadie Crew. Tratando-se do duo rock/metal, é eclético, ouvindo do hard rock ao metal mais extremo: Maiden, Sabbath, Kiss, Bon Jovi, Sepultura, Dimmu Borgir, Megadeth, Slayer e muitas, muitas outras. E é de um quarteto básico que espera viver: jornalismo, esporte, música e amor (da eterna namorada Carol).

Mais matérias de Maurício Dehò.