Andre Matos comenta a saída do Angra

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Nota Oficial
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 06/08/00. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?


1830 acessosAngra: Os primórdios de Angel's Cry antes da Demo Reaching Horizons5000 acessosHeavy Metal: Os 11 melhores álbuns dos anos 2000 segundo o Loudwire

A carta abaixo foi publicada por Andre Matos em 06 de agosto de 2000.

Caros amigos,

Neste momento difícil, tenho pensado em algumas palavras para tranqüilizar a todos e explicar o porquê de tudo isso. Existe um único motivo: a fidelidade a um ideal.

O Angra nasceu em cima de uma amizade sincera e muitos sonhos. Muitos deles se concretizaram graças à ajuda e dedicação de todos que nos apoiaram no mundo inteiro: fãs, jornalistas, profissionais… Alcançamos um nível que jamais poderíamos imaginar e ainda teríamos muito mais a conquistar. Então começaram os problemas.

Freqüentemente rolavam sérios atritos com o nosso empresário no Brasil. Tivemos até mesmo um período, pouco antes do Fireworks, quando a confiança mútua já parecia estar perdida – e isso quase causou a separação na época. Porém, com as promessas de que tudo seria esclarecido e consertado, resolvemos nos dar uma segunda chance. Infelizmente, foi em vão. Apesar de conseguir finalizar o álbum e a turnê, o que se viu então foram novos desentendimentos e muita falsidade, com a banda sendo forçada a encarar o trabalho apenas como mais um “negócio”. Era o início de uma grande desarmonia entre nós, músicos. E que, obviamente, também refletiria no lado musical.

Para mim, o nome Angra – que hoje pertence ao empresário – sempre foi sinônimo de profissionalismo e qualidade. Um tipo de magia que não se pode explicar… E eu não podia assistir isso morrer. Simplesmente não me sujeitaria a dizer que fico na banda e fazer “mais um disco” apenas por dinheiro. Se sempre deixamos claro à imprensa que deveríamos parar no dia em que nossa criatividade acabasse, essa é a hora. Penso que um músico de verdade nunca deve trair seus instintos, e por isso tomei essa atitude.

É claro que me preocupo com todos os fãs que se sentem perdidos, mas fiquem tranqüilos: não estou morto e me sinto ainda mais forte! E não vou deixá-los sozinhos, como nunca deixei no passado.

Agora, os planos apontam para o Virgo (que na verdade nada tem a ver com a separação do Angra…) – mas há também uma porta aberta para o futuro junto a meus amigos Luis Mariutti e Ricardo Confessori, que deixaram a banda pelos mesmos motivos. Nós três pensamos que não podemos deixar este anjo cair e, apesar de não ficarmos com o nome Angra, com certeza ficamos com todo o resto!

Agradeço a todos pela compreensão e amizade e mal posso esperar para reencontrá-los em breve!!

Um abraço,

Andre Matos

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

AngraAngra
Banda reage à tragédia com Adrenaline Mob

1830 acessosAngra: Os primórdios de Angel's Cry antes da Demo Reaching Horizons928 acessosAngra: mais um vídeo das gravações do novo álbum1892 acessosBlind Guardian e Rhapsody: Como seria Hansi e Lione cantando juntos?2655 acessosAngra: Uma rara versão acústica de "Carry On" com Andre Matos0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Angra"

Márcio BaraldiMárcio Baraldi
Cadê aquele público fiel e culto do metal?

Marty FriedmanMarty Friedman
Kiko Loureiro é um guitarrista maravilhoso

Edu FalaschiEdu Falaschi
Uma pesquisa sobre o underground brasileiro

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Angra"0 acessosTodas as matérias sobre "Andre Matos"

Heavy MetalHeavy Metal
Os 11 melhores álbuns dos anos 2000 segundo o Loudwire

Metal NeoclássicoMetal Neoclássico
As regras para se tornar uma estrela do gênero

Jimi HendrixJimi Hendrix
12 coisas que talvez você não saiba sobre ele

5000 acessosUSA Today: as 20 maiores bandas de todos os tempos nos EUA5000 acessosMetal: Mapa revela os países com mais bandas do estilo5000 acessosMetal: 101 motivos para perceber que você ouve há muito tempo5000 acessosBon Jovi: afinal, o que houve com a voz de Jon?5000 acessosHeavy Metal: Você consegue identificar os 10 diferentes estilos sem olhar?5000 acessosBeatles: editores da Rolling Stone elegem as 100 melhores

Sobre Nota Oficial

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online