Zakk Wylde e Dave Grohl: A treta por causa de canções para Ozzy

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Fonte: Disconnected
Enviar Correções  

Em novembro de 2001 Zakk Wylde deu uma entrevista à revista Guitar World em que afirmou que, digamos assim, chutaria a bunda do líder do Foo Fighters. O motivo? "(...) Ele escreveu umas músicas de mocinha para o Ozzy e eu tive de tocá-las. Nunca o perdoarei por isso. O Foo Fighters é uma banda de meninas e ele ainda tem de enviar canções para o Ozzy. Nenhum desses caras consegue tocar um solo de Randy Rhoads. Dave Grohl? Ele que se foda! Deixem que ele venha aqui tocar Mr. Crowley, pois ele não consegue! E ainda querem que ele escreva músicas para o Ozzy? Apenas porque ele tocou bateria naquela merda do Nirvana?" [N. do E.: Wylde fez um trocadilho usando a palavra "Shitvana"]

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em entrevista publicada na edição de fevereiro de 2004 da revista sueca Close-Up, Grohl foi diplomático e irônico ao responder a Wylde, explicando tudo desde o início. "É engraçado, porque há muito tempo, talvez há uns quatro anos, alguém me ligou e disse 'Você gostaria de escrever algumas músicas para o disco do Ozzy?'. Respondi 'Sim, seria incrível!'. Assim, compus alguns riffs e gravei demos. Pensei que seria ótimo se Ozzy fizesse um novo álbum como nos velhos tempos. Um trabalho cru, com riffs secos e melódicos, mas tudo bem rude [N. do E.: à época, Ozzy estava trabalhando em material para Down to Earth]".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Grohl conta que gravou duas músicas instrumentais e mandou o material para Ozzy, mas não obteve resposta. "Nem dele, da gravadora, de Sharon [Osbourne, mulher e empresária de Ozzy], nem de ninguém. Então pensei que não gostaram do que eu fiz. A música que King Diamond canta no álbum do Probot [N. do E.: projeto heavy metal de Grohl] e também a que tem a participação de Eric Wagner, do Trouble, são as duas que escrevi para o Ozzy. Não tem exatamente o mesmo instrumental, mas são exatamente os mesmos riffs. Isso é o que tinha preparado para ele".

Ressaltando que considera as canções "muito legais", por isso as usou no CD do Probot, Grohl finaliza alfinetando Wylde. "Eu posso entender. Se eu fosse Zakk Wylde... Ele é um guitarrista impressionante, sem dúvida alguma inacreditável. Se meu vocalista quisesse que outras pessoas escrevesse as músicas, eu também ficaria puto. 'Espere um minuto, eu posso compor. Por que está pedindo a outra pessoa?'. Por isso entendo o motivo de ele ter ficado irritado. Mas foram apenas duas músicas, com riffs muito bons. Acho que eles chegaram a gravar uma delas, mas não sei qual. Nunca ninguém me falou nada".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Separados no nascimento: Geddy Lee e Marquito do RatinhoSeparados no nascimento
Geddy Lee e Marquito do Ratinho

Álbuns: os vinte piores discos de todos os temposÁlbuns
Os vinte piores discos de todos os tempos


Goo336 Goo336 CliHo Goo336