Nergal comenta inspirações para o Behemoth

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Marcelo Kuri, Fonte: Site oficial Behemoth
Enviar correções  |  Ver Acessos

O BEHEMOTH já comecou a trabalhar em seu novo album. No site oficial da banda, Nergal, logo após o término da segunda parte da turnê de "Demigod" na Polônia, contou um pouco de suas inspiraçoes para esse novo play.

Iron Maiden: Rachel Sheherazade é uma grande fã da bandaNicko McBrain: pedal duplo é pra caras como Aquiles Priester

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Após alguns dias descansando, nós estamos lentamente mexendo no material novo. É apenas o começo, mas as idéias têm tomado forma muito rapidamente! Eu tenho pensado sobre esse novo conceito por mais de um ano e já é hora de ter as coisas reveladas. Há algumas linhas básicas que juntamos após a última tour nos EUA. Nos últimos dias eu tenho tocado algo novo e é... simplesmente insano! Pesado e épico! Algumas das idéias são muito rápidas e técnicas, mas também temos partes lentas, mais épicas, que me parecem fantásticas.

Hoje (05/06) nós gravamos uma dessas faixas e estou realmente impressionado! Isso é , definitivamente, 100% Behemoth: vital e demoníaco, mas também com algo novo e suave em suas linhas! Tenho certeza que todos aqueles que amaram "Demigod" se impressionarão com esse material novo!

Nergal também contou um pouco de suas inspirações para o novo álbum:

Meu laptop está cheio de rascunhos das letras ainda não terminadas. No último ano eu visitei tantos lugares exóticos, que definitivamente tiveram um forte impacto sobre mim, e essas minhas experiências serão, com certeza, refletidas nas letras.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

No verão de 2005 eu fiz uma viagem a Kathmandu, no Nepal... Também visitei as montanhas do Himalaia onde minhas únicas companhias eram livros de Peter J. Carroll, Deepack Chopra e Carlos Castaneda... sem música, sem civilização e praticamente sem pessoas ao redor (visto que era um período chuvoso no Nepal). Fiz milhares de anotações e comentários. De templo em templo eu fui me inspirando na cultura de Khali, a qual por minha surpresa, é muita ativa nesse país. O templo de Khali é bem no centro de Kathmandu e regularmente as pessoas fazem sacrifícios e rezam para o Deus da Morte e da Destruição.

Dentre os lugares estranhos que visitei, fui ao Tibet em um "Templo dos Macacos", uma experiência muito catártica. Tive a oportunidade de gravar alguns mantras e não se assustem se eles aparecerem como fundo em algumas das novas músicas!...

Nergal terminou dizendo:

Behemoth está indo a um nível ainda mais multi-cultural. Espere e ficará surpreso!




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Notícias

Iron Maiden: Rachel Sheherazade é uma grande fã da bandaIron Maiden
Rachel Sheherazade é uma grande fã da banda

Nicko McBrain: pedal duplo é pra caras como Aquiles PriesterNicko McBrain
Pedal duplo é pra caras como Aquiles Priester


Sobre Marcelo Kuri

Mestre em Ciência e Engenharia de Materiais pela UFSCar, costuma dizer que é engenheiro por opção e headbanger de coração. Sempre gostou de ler revistas, zines, artigos e livros especializados em Heavy Metal e sempre desejou poder escrever um pouco a respeito disso. Foram-se alguns anos até que tivesse plena confiança para redigir um artigo, e sabe que ainda tem muito que aprender. Colecionador assíduo de todo material relacionado ao gênero, é um dos poucos "sobreviventes" de um grupo de amigos fanáticos que cresceram ouvindo Heavy Metal. Já tem consciência que não tem aptidão para tocar nenhum instrumento, mas com o apoio, sempre incondicional, da noiva Marilia, continua a desfrutar cada vez mais intensamente tudo de bom que esse estilo musical pode proporcionar.

Mais matérias de Marcelo Kuri no Whiplash.Net.

Cli336x280 CliIL Cli336x280