Exodus: A opinião de Gary Holt sobre as bandas Emo

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Renan Corradini Colber, Fonte: Midwest Excess
Enviar correções  |  Comentários  | 

Em entrevista de 2006, o guitarrista do EXODUS, Gary Holt, criticou as bandas "Emo". Segue trecho da entrevista.

443 acessosTudo no Shuffle: Thrash Metal, 10 Grandes Riffs5000 acessosThe Simpsons: 10 melhores aparições de roqueiros no desenho

Midwest Excess: Como você se sente em relação à cena musical atual?

Gary: "Eu acho que está muito boa. Quero dizer, está melhor nos EUA do que costumava ser. Europa, Japão e outros lugares do mundo ainda se mantém. Está ficando melhor. Tudo aquilo de new-metal morreu e eu me sinto tão bem por causa disso, mas agora existem esses moleques EMO que pesam 45 quilos e usam calças de meninas que não ficam apertadas, pois nem bunda eles têm para segurar as calças, eles deixam as bundas deles em outras calças. E eles tem aquele cabelo cobrindo a cara, e eu estou começando a sentir falta do nu-metal, para dizer a verdade. Eles tiraram toda a testosterona do Heavy Metal. Parem de choramingar. A única emoção que deve existir nessa música é raiva e ódio, não reclamações bichas. Eu não entendo. Eu olho para esses moleques e penso, 'Levante um peso, coma um hambúrguer, faça alguma coisa.'"

Comente: E você? Qual a sua opinião sobre as bandas Emo?

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 24 de janeiro de 2017

Slayer e ExodusSlayer e Exodus
Gary Holt revela como é tocar em duas grandes bandas

443 acessosTudo no Shuffle: Thrash Metal, 10 Grandes Riffs1088 acessosExodus: vídeos de reunião com Dukes, Bostaph e Hunolt1252 acessosExodus: banda vai se reunir com Rob Dukes para show905 acessosExodus: Steve Souza diz que novo álbum é muito pesado0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Exodus"

Gary HoltGary Holt
Guitarrista admite ser fã de rock farofa

ExodusExodus
Dukes foi demitido em uma ligação de 20 segundos

ExodusExodus
"Ninguém é maior que o Maiden na América do Sul!"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Exodus"

The SimpsonsThe Simpsons
10 melhores aparições de roqueiros

The OsbournesThe Osbournes
Sharon conta como Ozzy tentou assassiná-la

Em 21/08/1989Em 21/08/1989
Morre Raul Seixas, que seria encontrado morto no dia seguinte

5000 acessosSteve Vai: O dia em que ele foi humilhado por Chimbinha5000 acessosTotal Guitar: os melhores e piores covers da história5000 acessosPaulo de Castro: Baixos, guitarras, calcinhas, e pinball do Kiss?5000 acessosSteve "Zetro" Souza: 5 álbuns favoritos de thrash metal5000 acessosHard e Metal: as dez fotos mais bizarras de bandas do gênero5000 acessosTony Iommi: "Eu não faço música para ofender as pessoas"

Sobre Renan Corradini Colber

Cursando Administração de Empresas na Universidade Presbiteriana Mackenzie, teve seu primeiro contato com o Metal em 1997 quando comprou o álbum Best Of The Beast, do Iron Maiden, na época com 11 anos. De lá para cá escuta de tudo um pouco, mas a raiz se mantém metaleira. De Iron Maiden a Meshuggah passando por Diana Krall, Ray Charles, Hoodoo Gurus, Elvis, Johnny Cash e Bob Dylan.

Mais matérias de Renan Corradini Colber no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online