Richard Christy: "Schaffer é muito trabalhador"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Vitor Rangel, Fonte: Blabbermouth
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 26/10/06. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Chad Bowar do site HeavyMetal.About.com recentemente entrevistou o aclamado baterista Richard Christy (ex-ICED EARTH, DEATH, LEASH LAW, CONTROL DENIED). Alguns trechos da conversa seguem abaixo:

985 acessosIced Earth: Jon Schaffer comenta sobre os primórdios, os fãs e mais5000 acessosRafael Serrante: Ele invadiu o palco do Maiden no Rock In Rio

HeavyMetal.About.com: Já fazem dois anos desde que você esteve trabalhando em tempo integral com o “The Howard Stern Show”. Você sente falta de ser um músico de tempo integral?

Richard Christy: Sinto muita falta. Eu amo estar em turnê. Felizmente eu tenho o trabalho dos meus sonhos para me manter ocupado. Eu trabalho 14 horas por dia e amo muito isso tudo. Eu adoro viajar pelo país. Eu sinto falta de estar na frente de multidões. Eu ainda vou à shows o tempo todo. De vez em quando eu tenho a oportunidade de sentar e conversar com as bandas. Conversei com o SHADOWS FALL e com outras bandas. Isso traz o sentimento de volta também.

HeavyMetal.About.com: Como você conheceu Chuck Schuldiner e se tornou um membro do DEATH?

Richard Christy: Steve Childers do BURNING INSIDE e eu estávamos andando numa livraria no shopping Altamonte em Orlando e então vimos Chuck lendo uma revista de música. Nós ficamos loucos. Paramos e começamos a conversar com Chuck. Ele foi muito legal conosco. Falamos pra ele que tínhamos uma banda chamada BURNING INSIDE e ficamos conversando com ele por bastante tempo. Eu sempre via Chuck em shows e festas. Quando descobri que Chuck precisava de um baterista, fiquei sabendo pelos meus amigos da banda WICKED WAYS que eram amigos próximos de Chuck. Eles me recomendaram a fazer uma audição com Chuck, então eu liguei para ele e fiz o teste alguns dias depois. E acabei me saindo muito bem.

HeavyMetal.About.com: Você teve algum problema trabalhando com Jon Schaffer no ICED EARTH?

Richard Christy: Não, eu me dei muito bem com Jon. Ele é um cara muito determinado, e desde que você faça o seu trabalho, ele sempre é legal. Nós nos divertimos muito nas turnês. Ele é muito trabalhador e dedicado. Nunca tive nenhum problema com ele.

HeavyMetal.About.com: Você também fez algumas turnês com outras bandas naquela época, certo?

Richard Christy: Isso foi no ano 2000. Foi um ano muito cheio. Eu estava no CONTROL DENIED naquela época. Eu entrei no ICED EARTH e no DEMONS & WIZARDS naquele ano e entrei em turnê com o INCANTATION. John McEntee do INCANTATION me chamou em Abril de 2000 e acabou que entrei em turnê com eles por um mês e meio. Alguns dias depois eu voei para a Europa com o DEMONS & WIZARDS. Foi muito divertido. Foi um grande contraste. Na turnê com o INCATATION nós tocávamos em pequenos clubes para 300 a 500 pessoas por noite. Então fomos para a Europa numa grande turnê com o DEMONS & WIZARDS tocando em festivais com 10.000 a 20.000 pessoas por final de semana.

Na verdade, eu me diverti muito nas duas turnês. A turnê do INCATATION foi ótima pois eu sou amigo daqueles caras desde os anos 90, quando eu morava em Missouri. Nós tivemos muita liberdade. Quando a sua turnê é numa van, você pode fazer muito mais coisas do que quando você está num ônibus. Se você tem um dia de folga e quer acampar ou conhecer algum lugar, você tem a liberdade de fazer isso. Com o ônibus, você tem que estacionar em algum lugar. Aqueles caras são grandes fãs de filmes de terror, então eu entrei na Internet e mapeei uma “turnê de filmes de terror” juntamente com a nossa turnê. Em cada cidade em que estávamos nós iríamos a diferentes lugares com diferentes filmes de terror. Nós fomos assistir “Madrugada dos Mortos” num shopping em Pittsburgh. Nós fomos ao farol que aparece no filme “The Fog” (de John Carpenter) quando estávamos em São Francisco e fomos a todos os locais de gravação do Halloween original quando estávamos em Pasadena. O mais legal de todos foi o bar e a casa abandonada onde foi filmado “Vampiros” de John Carpenter. Ficava no meio do nada em New Mexico. Nós tivemos uns três dias de folga em Albuquerque, então fomos até o deserto e bebemos nesse bar onde filmaram o filme. Foi muito legal.”

Leia a entrevista completa neste link.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Iced EarthIced Earth
Jon Schaffer comenta sobre os primórdios, os fãs e mais

725 acessosIced Earth: "Tentanmos nos tornar mais independentes"601 acessosIced Earth: em vídeo, Jon Schaffer vai comprar discos362 acessosIced Earth: lyric vídeo de "Clear The Way (December 13th, 1862)"460 acessosIced Earth: lyric video de "Clear The Way (December 13th, 1862)"598 acessosJon Schaffer: "Eu não voto mais nas eleições federais"0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Iced Earth"

Pra ouvir e discutirPra ouvir e discutir
Os melhores discos lançados em 1996

Tim OwensTim Owens
"Caí fora da banda de Malmsteen sem falar nada"

Álbuns ConceituaisÁlbuns Conceituais
Blog elege o top 10 do Metal

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Iced Earth"0 acessosTodas as matérias sobre "Control Denied"0 acessosTodas as matérias sobre "Death"

Collectors RoomCollectors Room
Conheça o sujeito que invadiu o palco do Maiden no Rock In Rio

Thrash MetalThrash Metal
20 bandas brasileiras de qualidade inquestionável

VocalistasVocalistas
Belíssimos timbres de alguns cantores de rock

5000 acessosHeavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 19845000 acessosDuff McKagan: 3 litros de vodka, 3 gramas e meio de cocaína5000 acessosLegião Urbana: O dia em que Renato calou a plateia do Programa Livre4758 acessosJackdevil: Extremistas, homofóbicos e xenofóbicos deveriam largar o metal5000 acessosAll Shall Perish: a barbárie dos Wall Of Death mais truculentos5000 acessosPink Floyd: Rick Wright morre aos 65 anos de idade

Sobre Vitor Rangel

Um carioca apaixonado pela boa música que no momento está cursando o 5º período de Publicidade na PUC-Rio. Teve seu primeiro contato com o rock ainda na infância, quando sua irmã colocava os discos de Iron Maiden e Pantera no toca-fitas de sua casa. Nos últimos anos, tem se dedicado inteiramente à música e à guitarra. Sua banda favorita é Metallica e também é fã incondicional de Zakk Wylde, Steve Vai e John Petrucci. Escuta de tudo um pouco, desde Madonna até Sepultura. Espera que um dia o Metallica ainda venha fazer um show no Brasil e não tem vergonha em dizer que chorou no show do Black Sabbath, em 2004, no Ozzfest.

Mais matérias de Vitor Rangel no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online