Inédita do Rage em coletânea da Nuclear Blast

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por César Enéas Guerreiro, Fonte: Brave Words
Enviar correções  |  Ver Acessos

Conforme informado anteriormente, o guitarrista do RAGE, Victor Smolski, está trabalhando em uma compilação em CD para o aniversário de 20 anos da gravadora Nuclear Blast. Smolsky compôs, gravou e produziu 10 músicas para várias bandas de metal que fizeram parte da história da Nuclear Blast, incluindo uma nova música da banda RAGE.

Rage: banda divulga detalhes do novo álbum e nova música; confiraPagando mico: 10 maneiras de ser expulso ou humilhado em um show

Segundo ele, estas são as últimas informações sobre o projeto:

"Olá amigos, aqui é o Victor".

"Para mim é uma grande honra trabalhar neste grande projeto, uma compilação em CD para o 20º aniversário da Nuclear Blast. Será um álbum com 10 músicas de várias bandas metálicas da história da Nuclear Blast. Eu tive a ajuda de Andre Hilgers (bateria) e Peavy Wagner (letras). Exceto no caso de algumas partes vocais, todas as músicas foram gravadas no estúdio VPS em Hamm [Alemanha], onde Charly Czajkovski novamente fez um excelente trabalho".

"Durante a composição eu tentei fazer com que todas as músicas seguissem o estilo de cada vocalista e, com relação ao timbre de cada voz, ficaram muito mais confortáveis para cada um (por exemplo, a do Schmier (Destruction) soa bem no estilo 'Schmier'). Eu não tinha imaginado que, além de ter de ouvir diferentes estilos de bandas, cuidar da composição e dos arranjos, eu teria tanto estresse com o trabalho burocrático, como o correio e os telefonemas. Muito obrigado a todos os vocalistas pela cooperação. Acho que esta compilação é realmente um projeto muito especial e importante para a Nuclear Blast. Meus agradecimentos especiais a Andy Siry, Jaap Wagemaker e Achim Köhler por todo seu apoio".

Peavy (RAGE):
Título da música: 'Terrified'
"Gravar uma nova música do Rage junto com Peavy foi muito divertido. Há muitas partes com baixo duplo, mas também há muito 'groove' e ótimas melodias no refrão de 'Terrified'. Mais uma vez eu coloquei as guitarras na afinação C, como fiz em 'Straight To Hell'. Essa música ficou muito boa. As letras descrevem um alívio interior".

Schmier (DESTRUCTION)
Título da música: 'Bloodsucker'
"Uma música bem suja, com 200 baixos duplos. Ela fala da atual crise no Iraque e de suas causas (como a política equivocada dos EUA)".

Andi Deris (HELLOWEEN)
Título da música: 'A Perfect Day'
"Música bem ao estilo Helloween com um refrão contagiante. Ela fala da impossibilidade de prevermos tudo na vida e do fato de que nosso fim poderá chegar a qualquer momento".

Tony Kakko (SONATA ARCTICA)
Título da música: 'Ruling The World'
"Música simples de Metal com várias vozes e arranjos de teclados. Ela trata da arrogante política imperialista das grandes Potências Ocidentais".

Oddleif Stensland (COMMUNIC)
Título da música: 'Eternally'
"É uma balada bem lenta - pesada e moderna, que fala sobre o suicídio. O que acontece com muita freqüência é que pessoas, especialmente jovens, decidem acabar com suas vidas sem pensar muito sobre a irreversibilidade desse ato".

Smolski revelará os detalhes das cinco músicas restantes da compilação em breve.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Rage"


Rage: banda divulga detalhes do novo álbum e nova música; confira

1988: 99 discos de rock e metal lançados há 30 anos1988
99 discos de rock e metal lançados há 30 anos

Mike Terrana: Malmsteen foi uma das piores pessoas que conheci!Mike Terrana
"Malmsteen foi uma das piores pessoas que conheci!"


Pagando mico: 10 maneiras de ser expulso ou humilhado em um showPagando mico
10 maneiras de ser expulso ou humilhado em um show

Huntress: foto pelada após um caso brutal de infecção alimentarHuntress
Foto pelada após um caso brutal de infecção alimentar


Sobre César Enéas Guerreiro

Nascido em 1970, formado em Letras pela USP e tradutor. Começou a gostar de metal em 1983, quando o KISS veio pela primeira vez ao Brasil. Depois vieram Iron, Scorpions, Twisted Sister... Sua paixão é a música extrema, principalmente a do Slayer e do inesquecível Death. Se encheu de orgulho quando ouviu o filho cantarolar "Smoke on the water, fire in the sky...".

Mais informações sobre César Enéas Guerreiro

Mais matérias de César Enéas Guerreiro no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336