"Black Metallers" franceses confessam ataque

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fabio Rondinelli, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar Correções  

Três jovens entre 21 e 22 anos confessaram a autoria da série de ataques a locais cristãos na Bretanha, noroeste da França, de acordo com o Yahoo! francês. Os suspeitos, que pertencem a um obscuro grupo anti-religião ligado ao Heavy Metal, negaram que os atos sejam parte de um ritual satânico e disseram que trata-se de uma maneira de protestar contra "o poder excessivo do Cristianismo e a abolição da adoração pagã".

Separados no nascimento: Ritchie Blackmore e Mr. Bean

System of a Down: casamento vai abaixo com "Toxicity", vídeo viraliza e Serj divulga

Os suspeitos foram levados sob custódia na manhã da última quinta-feira (21 de junho) e permaneceram presos durante o fim de semana. Eles afirmam ter agido sozinhos, ou na presença de cúmplices, na depredação de oito locais cristãos desde o início de maio, antes de queimarem a Capela da Cruz, que data do século XVI e localiza-se em Loquefrett, na madrugada de 15 para 16 de junho.

Membros do grupo, que se auto-proclama "True Armorik Black Metal", ou TABM, descrevem a si mesmos como "extremistas e anti-eclesiásticos", através de uma carta enviada ao Telegramme, jornal local que publicou alguns trechos na última quinta.

"Atacaremos de novo e de novo e de novo", avisava a carta, na qual o acrônimo do grupo estava marcado em letras vermelho-sangue sobre a imagem de uma cruz cristã invertida.

No total, sete pessoas foram detidas quinta-feira passada e quatro foram liberadas após interrogadas pela polícia.

45 investigadores trabalharam no caso, que ganhou repercussão internacional.




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


O lado escuro do rock: você acredita em magia negra?O lado escuro do rock
Você acredita em magia negra?

Church of Satan: A maioria dos músicos de Black Metal são cristãosChurch of Satan
"A maioria dos músicos de Black Metal são cristãos"


Separados no nascimento: Ritchie Blackmore e Mr. BeanSeparados no nascimento
Ritchie Blackmore e Mr. Bean

System of a Down: casamento vai abaixo com Toxicity, vídeo viraliza e Serj divulgaSystem of a Down
Casamento vai abaixo com "Toxicity", vídeo viraliza e Serj divulga


Sobre Fabio Rondinelli

É paulistano e tem 22 anos. Há cerca de uma década conheceu o Rock através de Aerosmith e The Offspring. Um pouco depois, com uma ajudinha básica do Iron Maiden, descobriu o Metal e seus derivados. Hoje é devoto de ambos e aprecia bandas das mais diversas vertentes: de Beatles, Queen e Pink Floyd, passando por Engenheiros do Hawaii e Radiohead, até Angra, Blind Guardian e System of a Down. Visita o Whiplash faz alguns anos e certo dia resolveu traduzir algumas notícias para o site.

Mais matérias de Fabio Rondinelli no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin