Motorhead: Grammy, Lendas do Rock, Pregadores de Peças

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por César Enéas Guerreiro, Fonte: Blabbermouth.net, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 19/09/08. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Os músicos do MOTÖRHEAD não são apenas vencedores do Grammy, eles também são grandes pregadores de peças. Eles freqüentemente pregam peças em outras bandas durante a última noite de cada turnê, e na turnê Metal Masters isso não foi diferente. Veja três fotos tiradas pelo fotógrafo Randy Maranz em 31 de agosto no norte da Califórnia durante o show do TESTAMENT:

472 acessosSeparados no nascimento: Mikkey Dee e Dru (Meu Malvado Favorito 3)5000 acessosRock e Heavy Metal: E se as capas dos álbuns fossem honestas?

- Señor Mikkey Dee fantasiado, com um bigode e um burro de brinquedo

- Phil Campbell de vestido, peruca azul e óculos de sol, atravessando o palco em um cavalo

- Lemmy, o homem da limpeza, fazendo o sinal de positivo e segurando uma vassoura, pronto pra limpar qualquer sujeira do cavalo

Pouco antes do show do HEAVEN AND HELL, o MOTÖRHEAD distribuiu jornais para o pessoal das cinco primeiras filas e, quando o HEAVEN AND HELL apareceu, eles ficaram tirando um sarro, fingindo estar interessados nas notícias do dia.

Embora esta “turnê do ano” tenha acabado, o MOTÖRHEAD está de novo percorrendo os EUA, como atrações principais da Volcom Tour.

"Motörizer", o novo álbum do MOTÖRHEAD, registrou as seguintes posições nas paradas durante a primeira semana:

Alemanha: #5
Finlândia: #9
Suécia: #10
Hungria: #11
Noruega: #11
Suíça: #11
Áustria: #13
Dinamarca: #20
França: #24
Reino Unido: #32
Canadá: #33
República Tcheca: #41
Bélgica: #55
Holanda: #58
Itália: #69
EUA: #82

"Motörizer" vendeu pouco mais de 6.400 cópias nos EUA em sua primeira semana após o lançamento.

Um ‘widget’ do CD pode ser encontrado neste link. Esse álbum, o primeiro depois de "Kiss of Death", de 2006, foi gravado em parte (somente a bateria) no Studio 606, de propriedade do frontman do FOO FIGHTERS /ex-NIRVANA Dave Grohl, localizado em Northridge, Califórnia, com o produtor Cameron Webb, que também trabalhou no "Kiss of Death" e no "Inferno", de 2004.

Mikkey Dee, baterista do MOTÖRHEAD, foi entrevistado para o podcast desta semana do "The Metal File", da CHOM-FM, do Canadá. Baixe o programa como arquivo MP3.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Bill WardBill Ward
Os dez discos de metal favoritos do baterista

472 acessosSeparados no nascimento: Mikkey Dee e Dru (Meu Malvado Favorito 3)729 acessosMotorhead: Roger de Souza bate papo com Gastão Moreira, do KZG1717 acessosMotorhead: biografia mostra o quão Lemmy era único1492 acessosLoudwire: em vídeo, os 10 maiores riffs de metal dos 80's474 acessosLoudwire: em vídeo, 10 maiores riffs de metal dos anos setenta0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Motorhead"

Mikkey DeeMikkey Dee
"O Motorhead acabou, claro. Lemmy Era o Motorhead."

Corey TaylorCorey Taylor
"Seu nome era Lemmy e ele tocava Rock n Roll"

MotorheadMotorhead
Lemmy: "Políticos, sem exceção, são filhos da puta!"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Motorhead"

Rock e MetalRock e Metal
E se as capas dos álbuns fossem honestas?

Collectors RoomCollectors Room
Baixos, guitarras, calcinhas, e máquina de pinball do Kiss?

EnjauladosEnjaulados
Os crimes mais chocantes da história do rock

5000 acessosMusic Radar: Os melhores álbuns de Heavy Metal de todos os tempos5000 acessosSlipknot: banda trolla repórter da Multishow antes de show no RIR5000 acessosSimone Simons: "Rammstein me faz querer mexer a bunda"5000 acessosGrunge: Restou apenas um herói5000 acessosBilly Corgan: Weiland, Staley e Cobain, as vozes de nossa geração5000 acessosCannibal Corpse: Saiba como é dentro de um circle pit

Sobre César Enéas Guerreiro

Nascido em 1970, formado em Letras pela USP e tradutor. Começou a gostar de metal em 1983, quando o KISS veio pela primeira vez ao Brasil. Depois vieram Iron, Scorpions, Twisted Sister... Sua paixão é a música extrema, principalmente a do Slayer e do inesquecível Death. Se encheu de orgulho quando ouviu o filho cantarolar "Smoke on the water, fire in the sky...".

Mais informações sobre César Enéas Guerreiro

Mais matérias de César Enéas Guerreiro no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online