Zakk Wylde: dificuldade em tocar "Stillborn" no Guitar Hero

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Rafael Tavares, Fonte: Brave Words, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Musicradar.com recentemente conversou com o guitarrista do BLACK LABEL SOCIETY e OZZY OSBOURNE, Zakk Wylde, sobre o jogo “Guitar Hero World Tour” - vendido como a definitiva experiência de rock and roll para videogames - que estará disponível a partir de 26 de outubro pela Activision Publishing, Inc.

2057 acessosOzzy Osbourne: escolhendo álbum do Alice in Chains no seu Top 105000 acessosPiadas sobre músicos

De acordo com o guitarrista, o dia que ele passou agitando ao som do clássico do BLACK SABBATH, PARANOID, e "Stillborn" do BLACK LABEL SOCIETY, para sua performance no jogo, foi uma das experiências mais surreais de sua vida.

"Cara, aquela roupa que eles colocam em você é muito justa," diz Wylde, rindo, "Eu não sabia se eu estava indo mergulhar ou desfilar modelos de roupa íntima masculina. Mas eu com certeza me senti sexy cara, mais do que eu costumo me sentir. Eu dei uma olhada na minha bunda pelo espelho e disse, 'Tudo bem, depois que eu terminar aqui, eu irei a um strip club fazer umas danças para os garotos. Eu conseguirei um bom dinheiro!'"

Como era de se imaginar, Wylde é um fã da franquia Guitar Hero, mas admite que seu filho, Hendrix, é melhor desenvolvido no jogo do que ele. "Ele chuta minha bunda de todas as maneiras no Guitar Hero," diz Wylde. "Digo, é bem patético quando seu filho te bate e você diz, 'Espera aí, eu que escrevi essa música, porra! Como você conseguiu me bater em minha própria música?'"

A matéria completa (em inglês) está neste link.

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
Setlist e vídeos de primeiro show com Zakk Wylde

2057 acessosOzzy Osbourne: escolhendo álbum do Alice in Chains no seu Top 102406 acessosOzzy Osbourne: em vídeo 3D, as mudanças em sua aparência0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Ozzy Osbourne"

Black SabbathBlack Sabbath
Tony Iommi explica a diferença entre Dio e Ozzy Osbourne

Serial KillersSerial Killers
As 10 melhores músicas sobre assassinos da vida real

VocalistasVocalistas
Seis cantores cuja voz degringolou com o tempo

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Guitar Hero"0 acessosTodas as matérias sobre "Black Label Society"0 acessosTodas as matérias sobre "Ozzy Osbourne"

HumorHumor
Como você chama alguém que sai com músicos? Baterista!

Filhos de RockstarsFilhos de Rockstars
Qualquer coincidência é mera semelhança

Guns N RosesGuns N' Roses
A verdadeira história de "Rocket Queen"

5000 acessosSemelhança: vocalistas de rock com vozes quase iguais5000 acessosRegis Tadeu: "Lemmy era tão poderoso que seu corpo não teve coragem de contrariá-lo"5000 acessosEntrevistas: Coices e tretas entre artista e entrevistador5000 acessosMetallica: casal toca no casamento e é convidado pela banda5000 acessosVan Halen: a capa "punk" do primeiro álbum que a banda rejeitou5000 acessosCreed: música salvou garoto de ataque de lobos

Sobre Rafael Tavares

Nascido em 1987, descobri o rock and roll já cedo, aos 6 anos de idade, quando ouvi "I Don't Care About You" com o Guns N' Roses em algum momento de 1993. De lá pra cá minha paixão pela música pesada e, especialmente pelo Guns N' Roses (que estará para sempre marcado em minha pele, alma e coração) cresceu exponencialmente. Sebastian Bach me fez querer virar cantor e o resto é história. Produtor fonográfico, formado em Letras e professor. Tão diversificado quanto o Rock and Roll, essa é minha vida, esse é meu clube. =D

Mais informações sobre Rafael Tavares

Mais matérias de Rafael Tavares no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online