Beatles: "'Love me do' era odiada pelo grupo", diz músico

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Ton Mozz, Fonte: IG Música
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 09/01/10. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Tony Sheridan, considerada a pessoa que lançou os BEATLES no mundo dos discos e guitarrista inglês, disse que o grupo não gostava nada de seus primeiros sucessos como "Love me do" e "Please, Please me".

649 acessosVinil: os 10 discos mais caros do mundo5000 acessosMetallica: as extravagâncias da banda para tocar no Rock in Rio

O guitarista, que se apresenta em Vitória no fim-de-semana, comentou: "Quando eu tocava com os Beatles nós fazíamos um blues bem rústico. Eles eram a melhor banda de Rhythm n' Blues da Europa, mas da noite para o dia largaram tudo e viraram aqueles caras limpinhos".

"Nós, músicos que estávamos em Hamburgo, achamos 'Love Me Do' e 'Please Please Me' uma porcaria. E eu sei que eles as odiavam também. Eles estavam apenas esperando pela oportunidade de fazer as coisas do jeito que queriam", afirmou Sheridan que nos anos 60 escalou os Beatles como sua banda de apoio em algumas gravações em Hamburgo, Alemanha.

"Olhando para trás, analisando como tudo acontecia em Hamburgo, eles não estavam sendo recriados por Brian Epstein, eles estavam sendo recriados por uma força maior para mudar o mundo, e foi o que eles fizeram", declarou.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

John LennonJohn Lennon
Álbum que foi autografado para seu assassino irá a leilão

649 acessosVinil: os 10 discos mais caros do mundo1478 acessosRock: gênero é um trintão decadente, segundo Spotify414 acessosRingo Starr: novo álbum sai em setembro, e traz Paul McCartney1364 acessosBeatles: Paul McCartney fecha acordo sobre direitos autorais0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Beatles"

Rock In PeaceRock In Peace
As mortes mais marcantes do Rock/Metal

TestamentTestament
Como alguém gosta de Sabbath e Led e odeia os Beatles?

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
"Quando eu ouvi os Beatles, descobri o que queria fazer!"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Beatles"0 acessosTodas as matérias sobre "Tony Sheridan"

MetallicaMetallica
As extravagâncias da banda para tocar no Rock in Rio

SlipknotSlipknot
Causando medo no cantor Latino durante o Rock In Rio

MegadethMegadeth
As pérolas mais polêmicas ditas por Mustaine

5000 acessosMetal Extremo: chocando os jurados em reality-shows5000 acessosDoom Metal: os dez trabalhos essenciais do estilo5000 acessosRobert Plant: "quase saí do Led quando meu filho morreu"5000 acessosPink Floyd: tudo sobre "Another Brick in the Wall"5000 acessosLemmy: 65 anos com "o fígado de um recém-nascido"5000 acessosGibson: os 10 riffs mais incríveis dos anos 80

Sobre Ton Mozz

Ton Mozz, veio do éter no início da década de 70 e por influência de seu pai começou a escutar Black Sabbath e Led Zeppelin desde criança. Formado em Filosofia enxerga o Heavy Metal como muito mais do que um estilo musical, e sim uma "filosofia de vida". Músico autodidata já tocou com algumas bandas como Holandês Voador, Agnus Dei, PHITS, ProzakMan, Anschluss etc. No momento atua como contrabaixista com outros dinossauros na banda "God Is Busy" banda 100% Puro Heavy Metal.

Mais matérias de Ton Mozz no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online