Slipknot: entre tópicos mais procurados no Google Insights

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Seguir Whiplash.Net

Por Kako Sales, Fonte: Blabbermouth.Net, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 02/06/10. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?


De acordo com o britânico The Independent, a morte do baixista do SLIPKNOT, Paul Gray, resultou em “slipknot” ser o segundo termo pesquisado com o segundo mais significativo crescimento nos últimos sete dias no Google Insights.

813 acessosCanal NB: Slipknot tocando "Amor de Chocolate" do Naldo Benny5000 acessosPara tocar: O que são tablaturas e como usá-las?

Os termos de pesquisa com crescimento mais significativo no mundo nos últimos sete dias foram medidos pelo Google Insights, em 31 de maio, às 10:30 da manhã, GMT:

01. Gary Coleman (maior que 5.000%)
02. Slipknot (+800%)
03. Eurovision (+550%)
04. Eurovision 2010 (+550%)
05. Lost Finale (+400%)
06. Roland Garros (+400%)
07. ??? (+250%) (Chinês para "Foxconn")
08. American Idol (+120%)
09. Meteo France (+90%)
10. Lost (+80%)

O funeral particular de Gray aconteceu na sexta, 28 de maio, em Des Moines, Iowa.

Paul foi encontrado morto num quarto de hotel no subúrbio de Des Moines, na segunda, 24 de maio. A causa da morte de Gray não foi determinada, embora de acordo com uma ligação para 911, foram encontrados uma agulha hipodérmica e comprimidos próximos do corpo do músico de 38 anos.

Os oito membros restantes do SLIPKNOT participaram de uma coletiva em 25 de maio no Wells Fargo Arena, na cidade-natal da banda, Des Moines, Iowa, para falar sobre a morte de Gray. Também estavam presentes no evento o irmão de Gray, Tony, e a viúva, Brenna, que falou brevemente ao final da coletiva.

“Ele era tudo de maravilhoso nessa banda e nesse grupo de pessoas”, disse o vocalista Corey Taylor. “O único jeito de eu resumir Paul Gray é ‘amor’. Tudo o que ele fez, ele fez por todos ao seu redor, indepentende dele conhecer ou não... e isso é o que ele deixa para nós: amor absoluto. Eu vou sentir falta dele com cada centímetro do meu coração, assim como todos nessa mesa e todos os que o conheciam. Ele era o melhor de todos nós”.

“É muito importante que todos fora do grupo entendam que Paul Gray era a essência da banda SLIPKNOT... Paul estava lá desde o comecinho e nenhum de nós estaria no caminho que está agora na vida ou teria o tipo de vida que temos sem ele”, acrescentou o percussionista Shawn “Clown” Craham. “Paul amava os fãs. Ele era o tipo de pessoa na banda que realmente queria que todos da banda sempre se entendessem e apenas se concentrassem na banda. Ele era realmente um grande amigo e uma ótima pessoa. Ele fará muita falta, e o mundo vai ser um lugar diferente sem ele”.

“É muito difícil pra mim agora”, falou o baterista Joey Jordison. “Eu só queria dizer que eu te amo, Paul, muito. O mundo inteiro vai sentir falta de você”.

Sid Wilson, o DJ da banda, creditou a Gray o fato de apresenta-lo à banda, que ele descreve como “uma família”.

“Para mim, essa é a coisa mais importante”, disse Wilson. “Que em todos que ele conhecia, havia uma mudança em suas vidas. Ele era ótimo em dar a todos uma perspectiva diferente, e eu o amo por isso”.

O percussionista Chris Fehn disse que quando Gray ligava, “você se sentia bem”, e ele lembrou que o baixista dava “os melhores abraços que alguém podia dar. Quando dele te agarrava, você podia sentir o amor que ele tinha por você”.

Brenna Gray falou por último, mencionando o bebê do casal que ainda está para nascer, enquanto falava sobre seu marido.

“Paul era meu marido, uma pessoa incrível, e eu quero que as pessoas se lembrem dele por isso”, disse Brenna. “E sua filha vai se lembrar dele pelo que ele era”.

Paul e sua esposa estavam supostamente esperando seu primeiro bebê para setembro.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Seguir Whiplash.Net

Lacuna Coil e SlipknotLacuna Coil e Slipknot
Cristina Scabbia e Jim Root se separam depois de 13 anos

813 acessosCanal NB: Slipknot tocando "Amor de Chocolate" do Naldo Benny1000 acessosSlipknot: em vídeo, oito curiosidades que você não sabia0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Slipknot"

BabymetalBabymetal
Corey Taylor não gostava da banda, até que um dia...

New MetalNew Metal
Raiva, calças folgadas, problemas na infância...

Corey TaylorCorey Taylor
Vocalista quer espancar quem usa pau de selfie

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Slipknot"


Para tocarPara tocar
O que são tablaturas e como usá-las?

System of a DownSystem of a Down
Propaganda com baixista é banida nos EUA

Black MetalBlack Metal
Cinco bandas do lado depressivo do satanismo

5000 acessosNirvana: a história por trás da música "Smells Like Teen Spirit"5000 acessosRhythm: os bateristas mais influentes de todos os tempos5000 acessosMetallica: joguem este processo no lixo, dizem para banda cover5000 acessosLista: 15 covers de Iron Maiden por bandas famosas5000 acessosMegadeth: dicas de cabelo com Dave Mustaine5000 acessosFutebol: 10 Rock Stars amantes do esporte

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.


Sobre Kako Sales

Mineiro de Januária, baterista autodidata, cresceu em ambiente familiar ligado à música popular e erudita. Seu pai chegou a fazer pequenas turnês com bandas da Jovem Guarda como tecladista no fim da década de 70. Aos 10 anos, iniciou os estudos de teoria musical e piano clássico. Teve o primeiro contato com o mundo do metal ao escutar o CD Angels Cry do Angra, aos 15 anos. Desde então tem se dedicado a conhecer, colecionar e difundir o melhor do metal brasileiro e mundial. Graduado em Letras/Inglês, principalmente por influência da língua-mãe do rock, tem como principais ícones do metal as bandas Angra, Symphony X, Dream Theater e Opeth.

Mais informações sobre Kako Sales

Mais matérias de Kako Sales no Whiplash.Net.