Unearthly: em entrevista para o Polêmico Rock

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Plínio Alves, Fonte: Polêmico Rock
Enviar Correções  

Confira a entrevista realizada com os brasileiros do UNEARTHLY, pelo site Polêmico Rock:

O Unearthly manteve-se engajado em um som Black Metal ao longo dos anos. No entanto, o último álbum, "Age of Chaos", apresenta uma sonoridade com elementos mais voltados para o Death Metal. Isso foi algo proposital, ou simplesmente um processo natural?

M.Mictian: Foi bem natural. Na verdade sempre ouvimos todos os estilos de metal e não ficamos presos a uma só coisa porque acabaria nos limitando, e isso era exatamente o que não queríamos. Com o tempo estaríamos nos auto copiando, nos repetindo, desta forma, essa evolução foi bem natural mas ao mesmo tempo foi algo que realmente queríamos, e criamos a nossa maneira de compor. O Unearthly continua extremo, Black Metal e ao mesmo tempo sempre inovando e criando uma nova sonoridade para nossas canções.

Como têm sido a aceitação dos fãs ao som de vocês nos últimos anos? O Unearthly já mergulhou em shows em outros países. Como têm sido a aceitação do público lá fora?

M.Mictian: O resultado está sendo maravilhoso tanto é que assinamos contrato com uma gravadora na Europa que lançará o álbum Age Of Chaos na Europa e Estados Unidos em março de 2011 e em junho estaremos na Europa gravando nosso novo álbum e provavelmente faremos uma tour por lá, ou seja, tudo indo de vento em polpa e o nosso nome crescendo cada vez mais.

Apesar de o Brasil ter excelentes bandas de Metal, as pessoas geralmente criticam o fato de que aqui, o Metal não tem valor, e coisas do tipo. Então, nada melhor e nada mais adequado, do que vocês responderem esta pergunta. A terra brasileira é realmente um lugar difícil de divulgação do Metal, ou são apenas boatos?

M.Mictian: Pelo tamanho do País e pela quantidade de bandas, eu creio que temos um número razoável de bandas boas, poucas são profissionais ou enxergam o metal desta forma. Sobre a divulgação, o que acontece, é que o pensamento aqui ainda é de colono, ou seja, as pessoas acham bem melhor as coisas que vem de fora infelizmente é assim que o público de metal vê as coisas. As bandas nacionais parecem até pedir esmolas para que sejam vistas.

Confira a entrevist completa aqui:
http://polemicorock.blogspot.com/2011/02/entrevista-unearthl...




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Death Metal: mais cinco álbuns nacionais que você deve escutarDeath Metal
Mais cinco álbuns nacionais que você deve escutar

Metal Nacional: Confira bandas que se destacaram em 2015Metal Nacional
Confira bandas que se destacaram em 2015


Metromix: a lista dos vocalistas mais irritantes do rockMetromix
A lista dos vocalistas mais irritantes do rock

Metallica: James Hetfield imitando Dave Mustaine na TVMetallica
James Hetfield imitando Dave Mustaine na TV


Sobre Plínio Alves

Plínio Alves, formado em Administração de Empresas, blogueiro nas horas vagas. O primeiro contato com o Heavy Metal se oficializou aos 11 anos de idade com um um CD do Nirvana, "Nevermind". Depois deste marco, a paixão pela música pesada se desencadeou de forma bem natural e prazerosa. Dois anos depois, estarrecido com o som pesado e provocador de bandas de Death e Black Metal, se tornou um fã de carteirinha do estilo. Embora seja fã de estilos específicos, declara ter afinidade com qualquer rótulo musical dentro do Heavy Metal, sem preconceito algum. Duas bandas que resumem sua vida: Alice in Chains e Deicide. Os demais textos do autor podem ser vistos no blog Polêmico Rock.

Mais matérias de Plínio Alves no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin adWhipDin