Black Label Society: review do show de Buenos Aires

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Débora Reoly, Fonte: Rollingstone
Enviar correções  |  Ver Acessos

Zakk Wylde não é Manu Chao. Dificilmente conhecerá Maradona e muito menos a rádio La Colifata. Também não é Bono. Não se imagina ele sentado com os presidentes mais importantes do mundo tentando salvar o planeta. Mas o bom de Zakk é algo assim como a reserva mundial do metal. Em 95% de sua vida pensa, sente, transpira e interpreta essa música brutal que tanto ama. E estima-se que os 5% restantes ele dedica a se lamentar porque deixou de beber por problemas de saúde. O ex-guitarrista de Ozzy Osbourne desembarcou pela segunda vez na Argentina com o BLACK LABEL SOCIETY e destruiu puros riffs e distorceu as cabeças em um Teatro das Flores lotado.

Linkin Park: Mike Shinoda fala como Chester se sentiaPaul Está Morto?: Um Beatle morreu em 1964? O maior boato da história

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A banda entrou no palco pouco depois das 21 horas, acompanhada de uma intro melódica para a ocasião. Wylde usava uma coroa de plumas que o transformava em algo assim como um apache do inferno e o demolidor riff de "Crazy Horde" golpeava sem clemência. Caveiras, correntes e uma cruz completavam o quadro. Quase sem respirar vem com as versões arrebatadoras para "Funeral Bell", "Bleed for Me" e "Demise Of Sanity".

Veja o review do show completo:
http://www.rollingstone.com.ar/1396561-black-label-society-l...




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Black Label Society"


Zakk Wylde: O Metal não precisa de qualificaçõesZakk Wylde
"O Metal não precisa de qualificações"

Zakk Wylde: Aerosmith é tão falso quanto Britney Spears?Zakk Wylde
Aerosmith é tão falso quanto Britney Spears?


Linkin Park: Mike Shinoda fala como Chester se sentiaLinkin Park
Mike Shinoda fala como Chester se sentia

Paul Está Morto?: Um Beatle morreu em 1964? O maior boato da históriaPaul Está Morto?
Um Beatle morreu em 1964? O maior boato da história


Sobre Débora Reoly

Débora Reoly era gaúcha de Ijuí, formada em Pedagogia e Turismo e dona da agência de viagens Rocktour, especializada em excursões a shows na América do Sul. Seu lema era "A vida não é um show de Rock. São vários!". Débora morreu em 2017, de uma doença auto-imune. Facebook: www.facebook.com/debora.reoly.

Mais matérias de Débora Reoly no Whiplash.Net.

Cli336x280