Opeth: nunca gravamos algo que não pudéssemos tocar ao vivo

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Kako Sales, Fonte: Blabbermouth.Net, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 17/05/12. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Joy Shannon, do Joy Shannon and The Beauty Marks, e o OC Art Blog conduziram uma entrevista com o guitarrista/vocalista Mikael Åkerfeldt, da banda de Extreme Progressive Metal sueca Opeth, em 26 de abril, no Gibson Amphitheater, em Universal City, Califórnia. Você pode assistir à conversa abaixo.

5000 acessosMudanças: bandas que não soam mais como em seus primeiros discos5000 acessosAve, Satan!: As dez melhores músicas sobre o Inferno

O Opeth acabou de finalizar uma turnê norte-americana como co-healiner juntamente como Mastodon. A jornada se iniciou em 4 de abril, em Portland, Maine, e visitou mais de 30 cidades nos Estados Unidos e Canadá, antes de finalizar, na casa de shows Masquerade, em Atlanta, em 12 de maio.

O novo álbum do Opeth, “Heritage”, vendeu 19 mil cópias nos Estados Unidos em sua semana de lançamento, ficando na posição número 19 da Billboard 200. O álbum de estúdio anterior da banda, “Watershed”, de 2008, estreou com mais de 19 mil cópias vendidas, ficando na 23ª posição.

“Watershed” foi o sucessor do aclamado álbum “Ghost Reveries”, que estreou na 64ª posição da Billboard em setembro de 2005, com um número de vendas um pouco abaixo das 15 mil cópias na semana de lançamento.

O álbum “Damnation”, de 2003, estreou com pouco mais de 5 mil cópias vendidas.

Quando questionado sobre como o Opeth planejou executar as músicas mais técnicas de “Heritage” em um show ao vivo, Mikael Åkerfeldt disse, em uma entrevista de 2011: “Eu pensei que isso pudesse ser um problema. Mas definitivamente não o foi. As versões ao vivo das novas músicas soaram bem mais próximas das originais do que outras músicas. Temos um novo tecladista que tem realmente a manha da sonoridade diferente que nós criamos e ele possui bastante equipamento. Quando ele toca, é como se ele tivesse quatro braços. Ele está trabalhando bastante para garantir que os shows ao vivo sejam algo muito especial. Porém, nós nunca gravamos nada que não achássemos que pudéssemos tocar ao vivo.”

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 17 de maio de 2012

MudançasMudanças
10 bandas que não soam mais como em seus primeiros discos

153 acessosEm 28/05/2008: Opeth lança o álbum Watershed0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Opeth"

OpethOpeth
Åkerfeldt fala sobre evolução, radicalismo e Metallica

Metal suecoMetal sueco
Site elege as dez melhores bandas da Suécia

Heavy MetalHeavy Metal
Dez grandes acústicas de bandas do gênero

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Opeth"

Ave, Satan!Ave, Satan!
As dez melhores músicas sobre o Inferno

Heavy MetalHeavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados em 1992

Heavy MetalHeavy Metal
Os 11 melhores álbuns dos anos 2000 segundo o Loudwire

5000 acessosCristina Scabbia: "Símbolo sexual? Fico surpresa com isto!"5000 acessosFilhos de Rockstars: qualquer coincidência é semelhança5000 acessosRodolfo: "O rock brasileiro entrou numa crise desde o começo dos anos 2000"5000 acessosGuns N' Roses: comediante amigo dos caras diz que ajudou na reunião5000 acessosGuns N' Roses: Zakk Wylde conta como quase entrou na banda5000 acessosHard & Metal: dez músicas que soam melhor ao vivo

Sobre Kako Sales

Mineiro de Januária, baterista autodidata, cresceu em ambiente familiar ligado à música popular e erudita. Seu pai chegou a fazer pequenas turnês com bandas da Jovem Guarda como tecladista no fim da década de 70. Aos 10 anos, iniciou os estudos de teoria musical e piano clássico. Teve o primeiro contato com o mundo do metal ao escutar o CD Angels Cry do Angra, aos 15 anos. Desde então tem se dedicado a conhecer, colecionar e difundir o melhor do metal brasileiro e mundial. Graduado em Letras/Inglês, principalmente por influência da língua-mãe do rock, tem como principais ícones do metal as bandas Angra, Symphony X, Dream Theater e Opeth.

Mais informações sobre Kako Sales

Mais matérias de Kako Sales no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online