Papa Roach: estréia de vídeo da 'Leader Of The Broken Hearts'

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nathália Plá, Fonte: blabbermouth.net, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

"Leader Of The Broken Hearts", o novo video do PAPA ROACH, irá estreiar online amanhã (quinta-feira, 18 de abril). A música está no último álbum da banda, "The Connection", que será relançado na Europa como edição especial de turnê no dia 6 de maio via Eleven Seven Music. O trabalho conterá um DVD bônus de uma apresentação ao vivo no Club Nokia em Los Angeles com performances de músicas novas bem como dos maiores sucessos da banda, incluindo "Still Swingin'", "Give Me Back My Life", "Before I Die", "Last Resort" e "Between Angels & Insects".

"The Connection" foi produzido pelo roqueiro veterano James Michael (SIXX: A.M., HALESTORM) e John Feldmann (PANIC AT THE DISCO, THE USED, BLACK VEIL BRIDES). O CD vendeu 22.000 cópias em sua primeira semana de lançamento estreiando na posição No. 17 na tabela de ábuns da Billboard.

O frontman do PAPA ROACH, Jacoby Shaddix, passou por uma cirurgia em setembro para retirada de nódulos de suas cordas vocais. O problema de saúde de Shaddix o forçou a parar de cantar e fez com que sua banda deixasse a turnê do Rockstar Energy Uproar Festival.

Mesmo antes de seus problemas vocais terem começado, Shaddix admitiu em várias entrevistas que ele chegou perto de cometer suicídio no início do ano passado enquanto enfrentava problemas conjugais e estava no fundo do poço.

"Esse disco é uma imagem minha no meu maior desespero", Shaddix falou ao The Aquarian Weekly sobre o "The Connection". "Enquanto estava compondo esse disco [minha esposa e eu] estávamos separados, então havia muita dor, raiva e frustração. Quando a poeira foi baixando, eu percebi que eu sou o maestro de todo esse caos. Eu sou o responsável. Eu sou o problema. Quando fosse passa por algo assim, às vezes é difícil assumir as coisas e encará-las de frente. Eu simplesmente tinha de fazer isso porque eu queria fazer a coisa certa".

Ele acrescentou: "Eu fui capaz de fazer esse disco, de me expresser e ter minha família de volta e ter o respeito da minha banda. No último momento eu consegui. Eu não sei, cara, isso é um ciclo que vai se repetindo em minha vida. Eu não sei quantas vezes eu conseguirei fazer isso".


Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Papa Roach"


Separados no nascimento: Synyster Gates e Jacoby ShaddixSeparados no nascimento
Synyster Gates e Jacoby Shaddix

Loudwire: as melhores músicas de rock de 2012Loudwire
As melhores músicas de rock de 2012


Há quem goste: As 10 bandas mais odiadas do universoHá quem goste
As 10 bandas mais odiadas do universo

New York Times: os 100 melhores covers de todos os temposNew York Times
Os 100 melhores covers de todos os tempos


Sobre Nathália Plá

Mineira de Belo Horizonte, nasceu e cresceu ouvindo Rock por causa de seu pai. O som de Pink Floyd e Yes marcou sua infância tanto quanto a boneca Barbie, mas de uma forma tão intensa que hoje escutar essas bandas lhe causa arrepios. Ao longo dos anos foi se adaptando às incisivas influências e acabou adquirindo gosto próprio, criando afinidade pelo Hard Rock e Heavy Metal. Louca e incondicionalmente apaixonada por Bon Jovi, não está nem aí pras críticas insistentes dirigidas à banda. Deixando a emoção de lado e dando ouvidos à técnica e qualidade musical, tem por melhores bandas, nessa ordem, BlackSabbath, Led Zeppelin, Deep Purple, Metallica e Dream Theater. De resto, é apenas mais uma apreciadora do bom e velho Rock'n'roll.

Mais matérias de Nathália Plá no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336