Slayer: Lombardo fala sobre os problemas entre ele e a banda

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar Correções  

No dia 1 de maio – um dia antes do falecimento do guitarrista do SLAYER, JEFF HANNEMAN – o baterista afastado da banda DAVE LOMBARDO fora entrevistado ao vivo nos estúdios da KZRADIO. NET, que é a estação alternativa mais popular de Israel, e numa conversa conduzida pelos DJs THE PELEG BROTHERS, Lombardo não pipocou.

Slayer: Tom Araya usa vídeo manipulado para debochar de Joe Biden nas redes

Megadeth: fã tem siricutico ao encontrar Mustaine; veja vídeo

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Perguntado sobre as circunstâncias que levaram a ele estar ausente da atual turnê do Slayer, ele disse: "Basicamente, eu tive que renegociar meu contrato dois anos e meio atrás e eu arrumei uma advogada porque era complicado demais pra eu fazê-lo sozinho. E minha advogada estava fazendo perguntas. E as respostas que ela obteve não eram corretas, não eram as respostas certas. Então trabalhamos em cima disso por dois anos e meio. E 2013 chegou e o Slayer tinha que sair em turnê e eu disse, 'Caras, eu não posso sair em turnê a menos que resolvamos isso, eu fui aconselhado.'"

Ele continuou: "O que eu preciso é clareza e transparência. Você vai e faz dinheiro pra alguém, e se alguém vai te pagar uma porcentagem, você precisa saber como isso é feito. Eles dizem que eu não mereço saber, mas eu acho que se você vai pagar alguém baseado em porcentagem, ele merece saber. Porque, como é que você vai saber o que recebeu quando não sabe de mais nada?"

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"É um pouco complicado, e há mais coisa alem disso. Mas eu estou tentando resolver isso com os caras, pra que eu possa voltar pra banda. Eu mandei um email pro Kerry e pro Tom antes de eu sair em turnê com o PHILM. Eu disse, 'Caras, vamos resolver isso como homens. Vamos lá. Vamos dar um jeito. A história da banda vai desmoronar. Os fãs vão ficar decepcionados. Precisamos fazer isso pela história da banda; é algo que precisamos manter. ' E não recebi resposta. Eles não entraram em contato comigo."

"Eles acham que por eu ter saído em 1992 e ter ficado longe por 10 anos, eu não mereço saber de todos os detalhes dos negócios deles. Quero dizer, eu amo os caras – eles são como meus irmãos – e eu queria que isso não acontecesse. Mas agora há essa parede entre nós."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre a perspectiva que ele tem de voltar ao Slayer em um futuro não muito distante, Lombardo mandou: "É difícil dizer. Eu realmente queria que resolvêssemos isso. Mais uma vez: minha porta está aberta. Estou pronto pra conversar. Eu estou pronto pra negociar. Se eles não querem fazer isso, daí é com eles.

Os fãs se pronunciaram. Eu acredito que os fãs se manifestaram e eles acham que a banda precisa ficar unida, e não trazer um cara contratado que… quer dizer, Jon [Dette] é um grande sujeito, mas ele já fez algum disco? Jon Dette, o baterista do Slayer agora, ele já gravou algum disco? Ele já gravou alguma coisa? Acho que não. Como é que eles pegam um cara desses pra pegar o meu lugar, que nunca fez nada na carreira dele? Que tipo de escolha musical é essa para um artista? É como se eu trouxesse um cara que não curte música pesada pra minha banda ou algo do tipo… eu não sei… só é muito estranho."

"Eu espero que as coisas se resolvam. Eu espero que tudo se resolva pelos fãs; é isso que eu quero. E pela história da banda. Quando ficarmos mais velhos e não pudermos mais tocar, eu quero que a banda pare ainda sendo o Slayer, porque ainda estamos todos vivos. Você pode imaginar se um de nós estivesse morto: daí seria difícil. É como o LED ZEPPELIN com JASON BONHAM, não é a mesma coisa. Eu ouço o pedal duplo em Jason Bonham e penso, 'por que você esta fazendo isso? O Zeppelin é todo só com um pedal, entende?'"




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Slayer: Tom Araya usa vídeo manipulado para debochar de Joe Biden nas redesSlayer
Tom Araya usa vídeo manipulado para debochar de Joe Biden nas redes

Slayer: Tom Araya se aposentou da banda, mas talvez não da música, diz Paul BostaphSlayer
"Tom Araya se aposentou da banda, mas talvez não da música", diz Paul Bostaph

Kerry King: com quem ele gostaria de subir ao palco mas nunca aconteceuKerry King
Com quem ele gostaria de subir ao palco mas nunca aconteceu

Slayer: Kerry King ouve alguma coisa além de Heavy Metal?Slayer
Kerry King ouve alguma coisa além de Heavy Metal?

Slayer: a banda nunca se reunirá novamente, afirma esposa de Kerry KingSlayer
A banda nunca se reunirá novamente, afirma esposa de Kerry King

Big Four: As mais tocadas pelo Anthrax, Megadeth, Metallica, Slayer e uma surpresa...Big Four
As mais tocadas pelo Anthrax, Megadeth, Metallica, Slayer e uma surpresa...

Slayer: Paul Bostaph confirma presença no projeto de Kerry KingSlayer
Paul Bostaph confirma presença no projeto de Kerry King

Em 27/08/1994: Slayer se apresentava pela primeira vez no BrasilEm 27/08/1994
Slayer se apresentava pela primeira vez no Brasil

Slayer: aberta pré-venda da edição nacional da HQ RepentlessSlayer
Aberta pré-venda da edição nacional da HQ Repentless

Flying V: documentário sobre a lendária guitarra será lançado em setembroFlying V
Documentário sobre a lendária guitarra será lançado em setembro


Slayer: nunca quis entrar, Jeff deveria estar no último show, diz Gary HoltSlayer
"nunca quis entrar, Jeff deveria estar no último show", diz Gary Holt

Slayer: King está preparado para fazer uma turnê de despedidaSlayer
King está preparado para fazer uma turnê de despedida


Megadeth: fã tem siricutico ao encontrar Mustaine; veja vídeoMegadeth
Fã tem siricutico ao encontrar Mustaine; veja vídeo

Metallica: a habilidade com as baquetas de James HetfieldMetallica
A habilidade com as baquetas de James Hetfield


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280 Cli336x280 GooInArt