Black Sabbath: Geezer foi assombrado por fantasmas quando criança

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Samuel Coutinho, Fonte: Metal da Ilha
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 07/09/13. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O PureVolume, recentemente conduziu uma entrevista com o lendário baixista do BLACK SABBATH, Geezer Butler. Alguns trechos da conversa seguem abaixo.

1600 acessosBlack Sabbath: como ficam os clássicos em versão plugada e acústica5000 acessosRock e Heavy Metal: E se as capas dos álbuns fossem honestas?

PureVolume: O que você acha que vem a seguir, na vida após a morte?

Geezer: O quê? Quando eu ir para debaixo da terra? Eu acho que você apenas morre, é isso. Mas então, quem sabe? Eu vi alguns fantasmas - Eu não sei se isso significa alguma coisa. Eu os vi quando eu era criança, em casa. Eu e minha irmã vimos uma mulher de idade, descendo as escadas, e ela realmente nos assustou. Era um fantasma, simplesmente flutuando sobre as escadas. E também em uma antiga casa estranha que eu morei. Um dia, eu saí do meu quarto, e havia um cara ali parado, olhando para as escadas, vestido com roupas de 1920. E então ele simplesmente desapareceu. Mas isso foi quando eu era criança, quando eu tinha uns sete ou oito anos, e eu nunca mais tive nenhuma dessas experiências depois disso. Mas eu e minha irmã vimos o primeiro, então eu não imaginava o que era aquilo. Então eu não tinha certeza se eram espíritos que viviam dentro das paredes de um determinado lugar ou não sei o quê. Quem sabe?

PureVolume: Você está finalmente otimista em relação ao futuro?

Geezer: Eu sou uma das pessoas mais sortudas da terra com a minha vida, sabe? Eu tenho tudo que eu preciso. Eu tenho uma grande banda, uma grande família, grandes amigos em minha volta, por isso não há nenhuma razão para que eu seja pessimista. Então, tudo se resume a outras pessoas, eu suponho - o cuidado com as outras pessoas. A religião está meio enlouquecida agora, com o Egito e tudo isso, sunitas contra xiitas, os palestinos contra israelitas. Parece que isso nunca acaba. E está prestes a começar na África, tipo a Somália. E eles nunca parecem aprender. Quero dizer, por que nós todos não podemos apenas viver em paz? Eu consigo!

Leia a entrevista completa (em inglês) no link abaixo:
http://www.purevolume.com/news/geezer-butler-black-sabbath-i...

Fonte original desta matéria:
http://www.blabbermouth.net/news/black-sabbaths-geezer-butle...

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Black SabbathBlack Sabbath
Como ficam os clássicos em versão plugada e acústica

1460 acessosBlack Sabbath: "Paranoid" na íntegra para audição no youtube1307 acessosFabio Lima: guitarra com distorção vs. guitarra sem distorção691 acessosBlack Sabbath: assista "Children of the Grave" do DVD "The End"0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Black Sabbath"

SpotifySpotify
As músicas de Metal mais ouvidas no Brasil

Classic RockClassic Rock
Os "100 ícones do Rock" em lista da revista

Heavy MetalHeavy Metal
Os 10 discos essenciais lançados nos anos 1970

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Black Sabbath"


Rock e MetalRock e Metal
E se as capas dos álbuns fossem honestas?

A História Impopular dos Rolling StonesA História Impopular dos Rolling Stones
Livro 2 - Mick Taylor

HumorHumor
Os roqueiros mais chatos das redes sociais

5000 acessosFotos de Infância: Gene Simmons, do Kiss5000 acessosShaman: baixista desabafa sobre cena brasileira5000 acessosChris Cornell: a emocionante despedida de Tom Morello2962 acessosHaddad: o prefeito pop toca guitarra e canta Beatles5000 acessosMetallica: James explica como ele cria os títulos das músicas5000 acessosAquiles Priester sobre Whiplash: "Também já sangrei tocando"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.


Sobre Samuel Coutinho

Nascido no interior de SP no dia 15/12/1986, em uma cidade chamada Ilha Solteira, Samuel Coutinho se entregou ao heavy metal logo na adolescência. Seu forte sempre foi o heavy metal melódico, variando desde o prog-metal até ao power-metal.

Mais matérias de Samuel Coutinho no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online