Nick Menza: "Eu não quero mais ser o ex-baterista do Megadeth"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fernando Portelada, Fonte: Metal Babe Mayhem, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

A Metal Babe Mayhem conduziu uma entrevista com o ex-baterista do MEGADETH, Nick Menza. Alguns trechos desta conversa estão disponíveis abaixo.

Grandes covers: cinco versões para "Holy Wars... The Punishment Due"Rob Zombie: sua lista dos 5 Melhores Filmes de Zumbi

MBM: Conte-me sobre "Megalife". Onde você está no processo de escrita de seu primeiro livro?

Nick: "Estou no processo de conseguir um contrato de publicação. É algo que estive revirando pelos últimos 13 anos. MEGADETH isso... MEGADETH aquilo... Eu não quero mais ser o 'ex-Baterista do MEGADETH'. Eu ainda estaria na banda. Eu nunca teria saído. Eu fui demitido, obviamente. Dave [Mustaine] estava meio que fazendo toda essa coisa, como se nunca fosse haver uma reunião ou algo assim. Eu não estou dizendo que nunca poderemos ter essa reunião. Eu passo a bola para ele. Há um capítulo no livro sobre o MEGADETH, claro. Há muita coisa sobre conspirações governamentais, aliens, acobertamentos. Muito sarcasmo. Este livro é sobre mim. É sobre minha 'Megavida'."

MBM: Qual seu objetivo final ao lançar esse livro?

Nick: "Nenhum objetivo... Só algo que meu amigo J. Marshall Craig disse: 'Cara, vamos escrever um livro.' Eu falei: 'Sobre o que? Sobre um monte de mentiras, drogas e sexo na estrada?' E ele disse: 'Não, não, não. Sua vida, sua história. As pessoas querem saber o fim da sua história.' E eu falei: 'Isso é chato, cara. Vai entediá-los."

MBM: Eu não acho isso. Eu estou interessado. Eu leio sobre isso na Internet e vai crescendo essa animação sobre isso.

Nick: "É tudo verdade tudo isso aconteceu em minha vida. Como eu disse: Há um capítulo sobre o MEGADETH. Sobre meu tempo com eles. Ele começa comigo aos dois anos de idade quando eu subi na bateria de alguém no Festival de Jazz em Montreal e fiz meu primeiro solo de bateria. "

MBM: Em que mais você está trabalhando musicalmente?

Nick: "Eu faço todo tipo de coisa. Eu faço produção, engenharia, eu toco guitarra, baixo, teclado, canto... Eu faço praticamente tudo. Bateria, obviamente, que é meu principal instrumento. A indústria musical está muito estranha agora, é difícil dizer: 'Ah, eu sou um músico e ganho a vida sendo um músico.' Eu sempre digo que qualquer emprego que você conseguir na indústria musical, e ser pago por isso, é ouro. Então eu acabo fazendo muita música que odeio, por dinheiro, porque eu preciso alimentar meus filhos. Um de 13 anos, um garoto de sete anos. Eles precisam comer, eles precisam de roupas e permanecer saudáveis. Então eu faço todo o tipo de coisa, de gospel, ao hip hop, metal, jazz, qualquer tipo de música que eu possa fazer. Não importa, qualquer trabalho eu aceito, não sou como 'Senhor integridade'. ou 'Eu só toco metal'. Eu gosto de música, na verdade. Se é boa, eu aceito o trabalho."




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Megadeth"


Grandes covers: cinco versões para "Holy Wars... The Punishment Due"

Megadeth: por que a banda vai abrir para o Five Finger Death PunchMegadeth
Por que a banda vai abrir para o Five Finger Death Punch

Grandes covers: cinco versões para a excelente "Tornado Of Souls"

Megadeth: David Ellefson fala sobre Risk, vinte anos depoisMegadeth
David Ellefson fala sobre Risk, vinte anos depois

Desencontro com Kiko Loureiro: as frustrações de um Guitar Hero (vídeo)Desencontro com Kiko Loureiro
As frustrações de um Guitar Hero (vídeo)

Megadeth: Mustaine está indo bem na batalha contra o câncer, afirma EllefsonMegadeth
Mustaine está indo bem na batalha contra o câncer, afirma Ellefson

Megadeth: cinco curiosidades sobre o clássico Rust In PeaceMegadeth
Cinco curiosidades sobre o clássico Rust In Peace

Megadeth: Mustaine talvez não esteja presente no Megacruise, afirma EllefsonMegadeth
Mustaine talvez não esteja presente no Megacruise, afirma Ellefson

Em 24/09/1990: Megadeth lançava Rust In Peace, o magnum opus da bandaEm 24/09/1990
Megadeth lançava Rust In Peace, o magnum opus da banda

Megadeth: Dave Mustaine está indo bem contra o câncer, diz EllefsonMegadeth
Dave Mustaine está "indo bem" contra o câncer, diz Ellefson

Em 23/09/1990: Megadeth lançava o single "Holy Wars... The Punishment Due"

Megadeth: um passeio de ida e volta pelo Hangar 18Megadeth
Um passeio de ida e volta pelo Hangar 18

Em 19/09/1986: Megadeth lançava Peace Sells... But Whos's Buying?

Judas Priest: K.K. Downing, Tim Owens e Les Binks tocarão músicas da banda em concertoJudas Priest
K.K. Downing, Tim Owens e Les Binks tocarão músicas da banda em concerto

Megadeth: Ouça dez ótimas versões para músicas da bandaMegadeth
Ouça dez ótimas versões para músicas da banda

Metallica: Mustaine vai assistir a banda hoje no Rock in Rio?Metallica
Mustaine vai assistir a banda hoje no Rock in Rio?

Marty Friedman: Por que ele largou o Megadeth para tocar J-Pop?Marty Friedman
Por que ele largou o Megadeth para tocar J-Pop?

Dave Mustaine: as diferenças entre o Megadeth e o AC/DCDave Mustaine
As diferenças entre o Megadeth e o AC/DC


Rob Zombie: sua lista dos 5 Melhores Filmes de ZumbiRob Zombie
Sua lista dos 5 Melhores Filmes de Zumbi

Rob Halford: Talvez eu seja o único Gay vocalista de MetalRob Halford
"Talvez eu seja o único Gay vocalista de Metal"

Fotos de Infância: Kurt Cobain, do NirvanaFotos de Infância
Kurt Cobain, do Nirvana

Heavy Metal: as 10 capas mais de macho de todos os temposHeavy Metal
As 10 capas mais "de macho" de todos os tempos

R.E.M.: banda é dona da faixa que mais faz o homem chorarR.E.M.
Banda é dona da faixa que mais faz o homem chorar

Metallica: e se Mike Portnoy fosse o baterista de Enter Sandman?Metallica
E se Mike Portnoy fosse o baterista de "Enter Sandman"?

Ian Gillan: Eu era um idiota tão grande quanto RitchieIan Gillan
"Eu era um idiota tão grande quanto Ritchie"


Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

adGoo336|adClio336