Lombardo: ele acha que nunca mais tocará novamente com o Slayer

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Fernando Portelada, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

O Ex-baterista do SLAYER, e atual PHILM, Dave Lombardo, fio entrevistado na edição de 16 de março do programa "Radio Screamer". Alguns trechos estão disponíveis abaixo.

Slayer: Tom Araya e a lenda do Thrash Metal Slayer (vídeo)Separados no nascimento: Geddy Lee e Marquito do Ratinho

Sobre o que o manteve voltando ao SLAYER:

Lombardo: "Ah sim, eu não acho que isso vá acontecer novamente. Bem, a razão é... Eu quero dizer, o tempo passou. Foram 10 anos. Quando eu voltei em 2001, já fazia 10 anos que eu estava fora da banda, e eu senti que era o momento certo. Eram águas passadas, nós não tínhamos problemas, mas aparentemente esse não era o caso, porque mais tarde eu descobri que: 'Ah, ele saiu em 1992, então vamos trazê-lo de volta.'"

Sobre a importância de aprender os mistérios da indústria musical enquanto perseguia a carreira de músico:

Lombardo: "É algo que você aprende no decorrer do caminho, e é uma estrada difícil, especialmente quando lhe dizem que tudo está sendo resolvido, você está sendo bem cuidado e você confia nestas pessoas e nem pensa duas vezes. Mas então, como o AC/DC diz, os rock stars e os homens de negócio ficam ricos."

"Nós precisamos fazer, eu acredito, que os bateristas fiquem cientes de sua posição na banda, e espalhar a palavra para que os músicos se reeduquem, não somente em sua música e em sua batida, e em seu estilo, ou o que quer que seja, mas eles precisam aprender sobre negócios, porque acontece que uma banda acaba sendo um negócio e cada membro se torna um acionista. Isso é muito importante."

Sobre sua mais recente separação com o SLAYER:

Lombardo: "Eu realmente não quero entrar em detalhes, mas eu encaro essa separação como qualquer outra mudança na vida, você tem que viver com isso. Eu, por sorte, tinha uma banda que tinha juntado há um tempo antes de acontecer tudo isso com o SLAYER e simplesmente segui em frente. Você não olha para trás."

Sobre o falecido guitarrista do SLAYER, Jeff Hanneman:

"O braço, basicamente, eles consertaram e fizeram tudo que poderiam, para ajudá-lo. Mas eu acho que a habilidade para tocar guitarra não estava mais lá. Você sabe, nós demos uma chance e talvez poderíamos tê-lo colocado um pouco lá, mas ainda, não estava funcionando direito, porque você precisa apresentar certa habilidade para tocar esse tipo de música, e isso não estava mais lá, infelizmente."

"Logo após sua morte, eu passei uma tarde com sua esposa, e ficamos lá um pouco. Nós saímos para jantar. É difícil, mas infelizmente foi uma espiral negativa para ele. Obviamente foi depressivo para ele, estar nessa situação, ver aquilo acontecer com seu braço, e ele não poder tocar, ele começou a beber mais do que estava bebendo, e como eu disse, foi uma espiral negativa."

Sobre como os membros sobreviventes do SLAYER lidaram com a perda de seu amigo de infância:

Lombardo: "Eu não sei como Kerry [King, guitarrista] e Tom [Araya, baixo/vocal] responderam a isso. Mas como eles responderam no memorial foi muito superficial. Foi difícil para mim, porque eu e Jeff passávamos muito tempo juntos nos ônibus de turnê. Nós éramos buscados no hotel e aparecíamos no local do show pela tarde, ficávamos relaxando no ônibus até a hora do show. Então havia muita interação lá, muita conversa, muito o que falar, nós assistíamos TV, nós ouvíamos música. Ele curtia meu iPod, porque tinha muitos estilos diferente de música. Ele dizia: 'Cara, me empresta o seu iPod', nós ríamos e eu o surpreendia algumas vezes com músicas que ele nunca tinha ouvido antes. Eu tive muitos momentos memoráveis com Jeff, e isso foi uma merda, cara. É terrível quando um companheiro de banda morre, porque a mágica para sempre estará perdida [...]"




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Slayer"Todas as matérias sobre "Philm"


Slayer: Tom Araya e a lenda do Thrash Metal Slayer (vídeo)

Gary Holt: Protestos no Chile são resposta à privatização de direitos básicos.Gary Holt
"Protestos no Chile são resposta à privatização de direitos básicos".

Em 22/10/1991: Slayer lançava Decade Of Agression, um dos maiores ao vivo da historia

Slayer: procura-se os três malucos de São Carlos...Slayer
Procura-se os três malucos de São Carlos...

Bateristas: 5 músicos que fizeram apenas um show em bandas clássicas do RockBateristas
5 músicos que fizeram apenas um show em bandas clássicas do Rock

Slayer: a apresentação no Rock in Rio 2019 no Rodz Online (vídeo)

Slayer: casamento termina em moshpit ao som da banda; assistaSlayer
Casamento termina em moshpit ao som da banda; assista

Slayer: veja trailer teatral de Repentless Killogy, que será lançado nos cinemasSlayer
Veja trailer teatral de Repentless Killogy, que será lançado nos cinemas

Slayer: show será exibido em cinemas do Brasil; veja cidadesSlayer
Show será exibido em cinemas do Brasil; veja cidades

Em 09/10/1990: Slayer lançava Seasons In The Abyss

Em 07/10/1986: Slayer lançava Reign In Blood, o maior clássico do thrash metalEm 07/10/1986
Slayer lançava Reign In Blood, o maior clássico do thrash metal

Jornal Nacional: Bonner reclama de barulho de metaleiros do Rock in Rio em pontoJornal Nacional
Bonner reclama de barulho de "metaleiros" do Rock in Rio em ponto

Slayer: no Rock in Rio, o adeus com clássicos e até sinalizadores; vídeosSlayer
No Rock in Rio, o adeus com clássicos e até sinalizadores; vídeos

Slayer: confira o repertório da banda para o Rock in Rio 2019Slayer
Confira o repertório da banda para o Rock in Rio 2019

Slayer: vídeos em HD do show em São Paulo

Tom Araya: os caras do Anthrax continuam iguais, eu não gosto de aparecerTom Araya
Os caras do Anthrax continuam iguais, eu não gosto de aparecer

Pantera: Kerry King foi responsável pela mudança de som?Pantera
Kerry King foi responsável pela mudança de som?

Thrash Metal: os melhores álbuns de 1983 a 2016Thrash Metal
Os melhores álbuns de 1983 a 2016


Separados no nascimento: Geddy Lee e Marquito do RatinhoSeparados no nascimento
Geddy Lee e Marquito do Ratinho

Cradle of Filth: Chimbinha, do Calypso, usando camiseta?Cradle of Filth
Chimbinha, do Calypso, usando camiseta?

Metal: os dez melhores guitarristas da atualidadeMetal
Os dez melhores guitarristas da atualidade

Ramones: Perguntas e respostas e curiosidadesRamones
Perguntas e respostas e curiosidades

Fotos de Infância: Gene Simmons, do KissFotos de Infância
Gene Simmons, do Kiss

Steve Vai: Ele não coleciona guitarrasSteve Vai
Ele não coleciona guitarras

Slipknot: confira a evolução das máscaras de Joey JordisonSlipknot
Confira a evolução das máscaras de Joey Jordison


Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

adGoo336|adClio336