Matérias Mais Lidas

imagemO álbum do Kiss que infelizmente é ignorado pela banda, segundo Andreas Kisser

imagemSupla explica por que fala sempre misturando português com inglês

imagemBaixista do Faith No More diz que integrantes odiavam músicas do "The Real Thing"

imagemOs únicos quatro assuntos das conversas nos EUA que enchiam saco de Fabio Lione

imagemRock in Rio 1991, Maracanã lotado, e o Guns N' Roses ameaçou não subir ao palco...

imagemAntes mesmo do fim do primeiro semestre, Mike Portnoy escolhe seu "Álbum do ano"

imagemAndreas Kisser pede doação de sangue para sua esposa Patricia

imagemO baterista que não tinha técnica alguma e é um dos favoritos do Regis Tadeu

imagemCinco músicas que são covers, mas você certamente acha que são as versões originais

imagemRafael Bittencourt, do Angra, explica por quê está usando unhas postiças

imagemOzzy acha que suas novas músicas deveriam ter sido gravadas pelo Black Sabbath

imagemDave Mustaine quis tirar foto com moça que usava vestido do Megadeth, mas...

imagemA história da capa de "Christ Illusion", que fez o Slayer ter problemas

imagemA resposta de Jim Morrison quando perguntado suas músicas preferidas do The Doors

imagemSem ter o que fazer, guitarrista do Journey comprou 150 guitarras durante a pandemia


Stamp

Beatles: há exatos 50 anos, banda estabelecia recorde inquebrável

Por Nacho Belgrande
Fonte: Playa Del Nacho
Em 04/04/14

É possível que algum dia, outra banda possa vir a ter o mesmo impacto sobre este planeta que os BEATLES tiveram. Contudo, há uma marca do Fab Four estabelecida cinquenta anos atrás na data de hoje que, muito provavelmente, nunca será superada.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

No dia 4 de Abril de 1964, os Beatles detinham as cinco primeiras posições da parada de singles da Billboard estadunidense. Em sua segunda semana no ranking, ‘Can’t Buy Me Love’ pulou de #27 para o topo. As outras quatro faixas, em ordem, eram ‘Twist And Shout’, ‘She Loves You’, ‘I Want To Hold Your Hand’ e ‘Please Please Me’. Além disso, eles tinham outras sete músicas no Top 100: ‘I Saw Her Standing There’ [#31], ‘From Me To You’ [#41], ‘Do You Want To Know A Secret’ [#46], ‘All My Loving’ [#58, ‘You Can’t Do That’ [#65], ‘Roll Over Beethoven’ [#68] e ‘Thank You Girl’ [#79].

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

A Billboard diz que o mais perto que qualquer outro artista já chegou do recorde dos Beatles foi durante um período de duas semanas em 2005 quando o rapper 50 CENT ficou com os postos #1 e #5 com ‘Candy Shop’ e ‘Disco Inferno’, respectivamente, além de ele ser convidado da faixa do GAME, ‘How We Go’, que estava em #4.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

In-Edit
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp



Câncer na língua: entenda a doença de Bruce Dickinson


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande.