Bonnie Rotten: estrela pornô fala do amor ao Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nacho Belgrande, Fonte: Playa Del Nacho
Enviar Correções  

A performer BONNIE ROTTEN tornou-se um dos maiores nomes da cinematografia erótica mundial em um período bastante curto de tempo. Portadora de uma alcunha bastante provocativa e um semblante muito meigo, ela já conseguiu vencer o prêmio ‘Performer do Ano’, maior comenda e honraria conferida pela revista/site Adult Video News aos profissionais do ramo.

publicidade

Bonnie conversou com o site Legendary Rock Interviews em 2014 e falou de sua relação próxima de longa data com o heavy metal, e como isso transparece em suas tatuagens e seu jeito de ser. O que segue abaixo é a tradução de alguns dos trechos da conversa.

LRI: Oi Bonnie. Eu queria começar te perguntando sobre música. Eu acho que você apareceu em um vídeo do STEEL PANTHER que foi feito para ser introdução deles nos shows, certo? Como foi?

Bonnie: Estive sim. Foi muito interessante [risos]. Eu tinha feito outros vídeos no passado, gravei um clipe para ‘Casual Sex’ do MY DARKEST DAYS e ‘Turn Up The Music’ para CHRIS BROWN e alguns outros.

publicidade

LRI: Eu tenho muitas tatuagens, mas tenho certeza que você tem mais que eu. Uma coisa que eu notei é que há uma fã apaixonada de música por trás da tinta, que tipo de música você ouvia na adolescência, Bonnie?

Bonnie: Eu curtia coisas pesadas com bandas de Doom e Death Metal e gostava de Stoner também. Eu realmente gostava muito de ELECTRIC WIZARD e KREATOR, coisas do tipo.

publicidade

LRI: Wow, você disse Kreator? Eu já imagino os caras do metal sujando as cuecas lendo isso.

Bonnie: [risos] Eu amo Kreator, eu gosto de todo tipo de música, mas eu amo o heavy metal… eu tenho uma tatuagem do Kreator que diz "The Promise of a better future is a lie" [Nota: da letra da faixa ‘Material World Paranoia’, do álbum ‘Coma of Souls’, de 1990].

publicidade

LRI: Eu tenho certeza que você é a única estrela pornô que tem letra do Kreator tatuada na pele, ponto pra você. Há outras garotas com tatuagens, mas isso definitivamente ajudou você, foi meio que uma surpresa para você, o modo que você foi recebida?

Bonnie: Sim, tem sido fantástico. O lance é que talvez no passado talvez tenha sido muito difícil e a indústria tenha tido a mente fechada. Ainda assim, sendo alguém com muitas tatuagens, você não entra pelos meios comuns e faz trabalhos comuns. Eu sou uma ‘garota tatuada’… eu não era uma ‘garota alternativa’, o que basicamente quer dizer que sou uma moça bonita com tatuagens, se é que você me entende. Eu fui comercializada fora do ‘normal’, por assim dizer, tipo, eu não queria me divulgar sozinha com um agente ou estar no site de um agente.

publicidade

publicidade

LRI: Te irrita quando as pessoas dizem coisas como ‘ah, você vai se arrepender de todas essas tatuagens quando você tiver 60 anos e bla bla bla?

BONNIE: Irrita!! Irrita!! Eu digo, "Filho da puta! Quando eu for velha vou estar pouco me fudendo". É assim quando você está velho, quando você estiver velho, você não se importa [risos]. Pelo menos é assim que deveria ser! Tipo você está de boa, seu cabelo é curto, você não tem muita urgência para fazer nada e você geralmente não está nem aí quando está velho. Quando eu for velha, vou ser uma vovó fodona [ri mais alto].

publicidade



Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Carlos Eduardo Miranda: Um monte de roqueirinho que só quer ser da GloboCarlos Eduardo Miranda
"Um monte de roqueirinho que só quer ser da Globo"

Stratovarius: em turnê pelo Brasil, guitarrista reclama da cerveja localStratovarius
Em turnê pelo Brasil, guitarrista reclama da cerveja local


Sobre Nacho Belgrande

Nacho Belgrande foi desde 2004 um dos colaboradores mais lidos do Whiplash.Net. Faleceu no dia 2 de novembro de 2016, vítima de um infarte fulminante. Era extremamente reservado e poucos o conheciam pessoalmente. Estes poucos invariavelmente comentam o quanto era uma pessoa encantadora, ao contrário da persona irascível que encarnou na Internet para irritar tantos mas divertir tantos mais. Por este motivo muitos nunca acreditarão em sua morte. Ele ficaria feliz em saber que até sua morte foi motivo de discórdia e teorias conspiratórias. Mandou bem até o final, Nacho! Valeu! :-)

Mais matérias de Nacho Belgrande no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin