Triptykon: nota sobre cancelamento do show no Maryland Death Fest

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Carlos Henrique Schmidt, Fonte: Triptykon, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

No dia 12 de maio, a arte obscura perdeu um de seus representantes mais clássicos. O falecimento repentino de HR Giger, acabou levando o lendário Tom Warrior a cancelar a apresentação do Triptycon semana passada no Maryland Fest (que ocorreu durante os dias 22-25). Abaixo o músico expressa sua difícil decisão:

Em 27/10/1985: Celtic Frost lançava o álbum To Mega TherionSons Of Anarchy: a obra-prima televisiva e sua fantástica trilha!

"O maior artista surrealista do nosso tempo, HR Giger, morreu em um trágico acidente na segunda-feira 12 maio de 2014. Na sequência da morte de Giger, seus amigos mais próximos se reuniram para consolar sua viúva, Carmen, e para ajudá-la na organização do velório de Giger e seu funeral. Eu sou um desses amigos.

Estamos todos ainda tentando lidar com o choque dessa perda inesperada e extremamente dolorosa.

Por 30 anos, H.R. Giger foi meu mentor. Como escrevi em minha eulogia, alguns dias atrás: "Numa altura em que quase todos ridicularizaram, ignoraram ou até mesmo obstruíram a música que a banda underground suíça desconhecida chamada Hellhammer, estava criando. Giger nos ouviu, conversou com a gente e nos deu uma chance." O resultado foi Celtic Frost "To Mega Therion" álbum que por sua vez, foi a base para todas as colaborações posteriores entre nós.

Em todo o seu trabalho com o Celtic Frost e Triptykon, HR Giger foi imensamente generoso, apesar das repetidas objeções minhas e inúmeras tentativas de convencê-lo a aceitar uma compensação adequada por suas contribuições incríveis.

Também fui assistente de HR Giger e sua esposa durante sete anos. Há muito tempo os via como amigos muito próximos, como uma família. Nós experimentamos muitos eventos desafiadores juntos, e repetidamente cuidávamos uns dos outros de todas as maneiras imagináveis.

Eu, portanto, simplesmente não pude e não quis deixar de comparecer ao funeral privado de HR Giger, e para participar do subsequente serviço memorial público, a ser realizada em uma das maiores igrejas de Zurique. Além disso, eu sou parte integrante do grupo de amigos de Giger que estão atualmente envolvidos na difícil tarefa de organizar esses eventos. Em um momento como este, eu quero ajudar o que puder.

É uma coincidência extremamente lamentável que esses processos inesperados e trágicos colidam com a apresentação planejada do Triptykon no Maryland Deathfest, no dia 22 de maio. Infelizmente fomos forçados a nos a retirar do festival. Dentro do Triptykon, discutimos a possibilidade de tocar o concerto sem mim, com um amigo próximo nosso tocando guitarra e vocal. Mas os outros membros da banda não viram qualquer mérito em tocar com uma line-up incompleta.

A retirada do Maryland Death Fest não foi uma decisão fácil de tomar de qualquer maneira. Iremos decepcionar o nosso público e o promotor do festival, que contradiz o nosso senso de compromisso, e a reputação da banda vai sofrer danos. Nós estávamos ansiosos imensamente para o retorno de Triptykon aos EUA. Após um processo longo e caro petição, as autoridades norte-americanas nos concederam os vistos de trabalho dos EUA, na semana passada. Além disso, uma equipe dos EUA havia sido contratada, e os vôos e hotéis para banda e equipe reservados.
Em 1985, durante a primeira turnê do Celtic Frost, eu fui forçado a cancelar três shows devido ao desgaste da voz. Eu jurei que nunca deixaria uma coisa dessas acontecer novamente e tomei as medidas apropriadas. Desde então, nunca mais houve razão para o cancelamento de um concerto qualquer do Celtic Frost ou Triptykon. Houve casos, em Paris e Londres, por exemplo, quando eu subi no palco com o Celtic Frost, apesar da gripe e febre substancial, de modo a evitar decepcionar os fãs da banda.

É, portanto, é totalmente contra a minha natureza e as minhas próprias demandas profissionais ser a razão para o primeiro show cancelado do Triptykon. Mas estas são circunstâncias verdadeiramente extraordinárias, causadas pela morte de um artista e amigo verdadeiramente extraordinário. Espero que o nosso público possa entender, e eu me desculpo sinceramente. E eu sou extremamente grato pela compreensão e boa vontade do promotor do Maryland Deathfest.

Tom Gabriel Warrior, Triptykon, 19 de maio de 2014

O funeral foi realizado no dia 30 de maio.

http://www.hrgiger.com/




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Triptykon"Todas as matérias sobre "Celtic Frost"


Em 27/10/1985: Celtic Frost lançava o álbum To Mega Therion

Celtic Frost: Sombrio, brutal e revolucionárioCeltic Frost
Sombrio, brutal e revolucionário

Celtic Frost: Tom Gabriel detona Metallica por covers humilhantesCeltic Frost
Tom Gabriel detona Metallica por covers "humilhantes"


Sons Of Anarchy: a obra-prima televisiva e sua fantástica trilha!Sons Of Anarchy
A obra-prima televisiva e sua fantástica trilha!

Porta dos Fundos: Andreas Kisser e a cobrança dos metaleirosPorta dos Fundos
Andreas Kisser e a cobrança dos metaleiros


Sobre Carlos Henrique Schmidt

Graduado em Computação e Administração, a paixão pela música pesada surgiu nos primeiros anos da adolescência e permanece até os dias de hoje. Apesar da preferência pelos estilos mais x-tremos da música pesada (Black, Death, Grind), o seu universo musical não limitado por estes rótulos, mas pelo que a música em si transmite.

Mais informações sobre Carlos Henrique Schmidt

Mais matérias de Carlos Henrique Schmidt no Whiplash.Net.

adGooILQ