Matérias Mais Lidas

imagemA música do Raul Seixas com erro gramatical que parece um plágio mas é uma homenagem

imagemO arrependimento que David Bowie carregava em relação a Elvis Presley

imagemRick Wakeman relembra época em que o Yes abria show para o Black Sabbath

imagemRolling Stones: Keith Richards compara tocar com Brian Jones, Mick Taylor e Ron Wood

imagemTestament está confirmado na edição brasileira do Summer Breeze, segundo jornalista

imagemA dura bronca dos Titãs em Nando Reis durante gravação de "Titanomaquia"

imagemShow do Dream Theater em São Paulo não será mais realizado no Pavilhão Pacaembu

imagem4 hits do Deep Purple cujos riffs Ritchie Blackmore já confessou ter copiado

imagemA reação de Stevie Ray Vaughan ao ouvir Jimi Hendrix pela primeira vez

imagemO hit dos Engenheiros sobre Humberto não querer ser guru dos jovens igual Renato Russo

imagemThin Lizzy e o álbum picareta de covers do Deep Purple que garantiu sua sobrevivência

imagemConheça o guitarrista brasileiro de 16 anos que estará no próximo clipe do Megadeth

imagemRoger Waters sobre tocar Pink Floyd sem David Gilmour: "Não tenho problema algum"

imagemRob Trujillo presta tributo ao Rage Against The Machine após shows em Nova Iorque

imagemCinquenta grandes músicas lançadas por bandas de rock e heavy metal em 2022


Stamp

Mastodon: Brann Dailor defende a banda das acusações de sexismo

Por Anderson Silva Ferreira
Fonte: Blabbermouth
Em 01/10/14

O baterista BRANN DAILOR da banda de metal progressivo MASTODON tem defendido o vídeo da música "The Motherload" contra as acusações de sexismo, dizendo que o mesmo não dever ser levado tão a sério.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O vídeo mostra um grupo de mulheres fazendo a dança conhecida como "twerking" em câmera lenta hipnótica, além de possuir um contexto "satânico".

"A última coisa que eu queria fazer era ficar na defensiva, porque eu não sinto que deveria ter que defendê-la", diz Dailor ao site pitchfork.com. É o vídeo da música e ele realmente não deveria ser algo que deixa as pessoas tão chateadas até mesmo por ter sido uma coisa muito divertida e realmente não significa muito. Não é pra ser levado tão a sério".

Ele continuou: "Eu não sei mas simplesmente não consigo ver o sexismo. Eu sei que há mulheres seminuas que estão agitando suas bundas. Para algumas pessoas é excitante, mas para mim ele apenas parece incrível. Eu pensava; as meninas foram incríveis e são muito talentosas e seria algo incrível de se ver. Adoro quando o vídeo se transforma em coisa com efeito caleidoscópio, o que o traz para um nível totalmente novo. Mas ainda tem gente falando o óbvio, você sabe. Eu percebi que isso ia acontecer, você sabe o que eu quero dizer. Sabia que haveria alguma negatividade mas mesmo assim fizemos isso porque somos esse tipo de banda. Ninguém havia feito isso antes e estávamos tipo a procura de de algo que não existia anteriormente, o que é difícil encontrar nos dias de hoje".

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

De acordo com Dailor, a inspiração para o vídeo veio de um desejo de "fazer algo que era bizarro e que iria confundir as pessoas. Ele revelou que a ideia começou como uma espécie de paródia de vídeos de heavy metal dos anos 90, mas admitiu que não havia nenhum alto conceito por detrás do clipe.

"Nós não estávamos tentando tirar sarro de vídeos de hip-hop", disse ele. "Era uma linha tênue, porque eu não queria que fosse sexista e então eu pensei nas mulheres tomando o centro do palco e parecia poderosa essa batalha de dança".

"Eu não me sinto como se o que estávamos tentando fazer era lançar qualquer movimento de twerking. Nós só queríamos colocar algo em nosso vídeo que as pessoas provavelmente pensariam: "Isso não deveria estar lá" ou "essas duas coisas não caminham juntas, elas devem ficar separadas". Eu queria apenas coloca-las juntas simplesmente porque nós podemos".

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

"The Motherload" pertence ao sexto álbum do MASTODON, "Once More Round The Sun" e que vendeu cerca de 34.000 cópias nos Estados Unidos em sua semana de lançamento, indo parar na 6ª posição da Billboard 200. O álbum chegou nas lojas em 24 de junho, via Reprise Records.

Assista o vídeo, tire suas conclusões e comentem o que acharam.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net



publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Mastodon divulga vídeo oficial da música "More Than I Could Chew"; assista aqui

O Rock in Rio em que James Hetfield tentou entrar no mosh durante show de outra banda

Ghost fará turnê pela América do Norte com as bandas Mastodon e Spiritbox

Lista: 20 músicas animadas para ouvir em dias tristes e levantar o astral

O Rock in Rio em que James Hetfield tentou entrar no mosh durante show de outra banda

Pra convencer: dez álbuns de metal para quem não gosta de metal

Guns N' Roses: a versão de Axl Rose sobre a separação

Metal: 16 músicas dos anos 80 para se escutar durante o treino


Sobre Anderson Silva Ferreira

Graduando em Administração Pública, servidor público de carreira, desenhista, escritor, amante incondicional de Hard Rock, Heavy e Melodic Metal, meio maluco metade do tempo e meio doido na outra, e curioso ao extremo.

Mais matérias de Anderson Silva Ferreira.