Tim "Ripper" Owens: O que ele achou de "Redeemer of Souls"?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Bruno Gava Tramontina, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

O canal de metal Impact, recentemente conduziu uma entrevista com o vocalista Tim 'Ripper' Owens (JUDAS PRIEST, ICED EARTH, YNGWIE MALMSTEEN). Confira uns trechos da entrevista abaixo:

Motorhead: a dieta que mantinha Lemmy jovem e viçosoWoodstock: som ruim, gente demais e cheiro de fezes e urina

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Se ele ainda mantém contato com os membros do Judas Priest:

Tim: "Eu ainda mantenho contato com eles, mas não... veja, nós somos bons amigos, incluindo o Rob (Halford), mas não consigo me comunicar tanto quanto eu gostaria, visto que estamos muito ocupados com nossos trabalhos. Porém, o bom de nossa relação é que eu posso ligar a qualquer hora ou enviar um e-mail a todos eles, pois ainda somos bons amigos."

Se ele gostou do novo álbum do Judas Priest "Redeemer of Souls":

Tim: "Eu realmente gostei dele, sem dúvidas. Penso que é um disco sólido."

Sobre a carreira solo de Rob Halford:

Tim: "Eu adoro os discos solo de Rob, principalmente o 'War of Worlds' do Fight, visto que quando aquele álbum chegou às lojas, eu o considerei perfeito para a época, sendo que atraiu muito minha atenção. Agora, a respeito do 'Two' eu não posso opinar, até porque não é meu estilo de música, e sinceramente, não foi pelo fato de ele ter experimentado algo de novo, e sim por não ter conseguido ouvir os vocais potentes de Halford. Mas, afirmo novamente que não posso dizer o que penso sobre o projeto, pois nunca realmente ouvi todas as canções."

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre o Project Rock, a banda que apresenta Owens, ao lado de Keri Kelli (SLASH'S SNAKEPIT, ALICE COOPER, RATT) na guitarra, James Kottak (SCORPIONS, KINGDOM COME) na bateria, Rudy Sarzo (OZZY OSBOURNE, QUIET RIOT, WHITESNAKE, DIO) no baixo e Teddy "Zig Zag" Andreadis (GUNS N' ROSES) no teclado:

Tim: "Está indo muito bem. Tanto as composições quanto os processos de gravação já foram finalizados. Nós iríamos lançá-lo pela gravadora, mas não estávamos felizes com o contrato. Entretanto, não há como negar que estamos orgulhosos pelo que conseguimos no disco, aliás, é bem provável que você irá ouvir umas três canções na rádio, mas não por serem comerciais, e sim por terem as características cruciais de um álbum de metal. Eu gostei muito do que fizemos nele."




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Tim Owens"Todas as matérias sobre "Judas Priest"


Em 09/03/1998: Rob Halford declara que o metal está mortoEm 09/03/1998
Rob Halford declara que "o metal está morto"

Inspiração: bandas que adotaram títulos de músicas como nomeInspiração
Bandas que adotaram títulos de músicas como nome


Motorhead: a dieta que mantinha Lemmy jovem e viçosoMotorhead
A dieta que mantinha Lemmy jovem e viçoso

Woodstock: som ruim, gente demais e cheiro de fezes e urinaWoodstock
Som ruim, gente demais e cheiro de fezes e urina


Sobre Bruno Gava Tramontina

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

adGoo336