Centúrias: o elogio mais inusitado da carreira

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ricardo Batalha, Fonte: ASE, Press-Release
Enviar correções  |  Ver Acessos

Press-release - Clique para divulgar gratuitamente sua banda ou projeto.

Nilton ¨Cachorrão¨ Zanelli, vocalista do Centúrias, um dos pioneiros do Heavy Metal brasileiro, relembra um show ao lado da banda Vodu no extinto Teatro Mambembe (SP), realizado a 29 de julho de 1987, meses antes da gravação do álbum ¨Ninja¨ (1988) no estúdio Guidon (SP).

Nirvana: 20 coisas que você não sabia sobre "Nevermind"Rockstars: as filhas mais lindas dos astros do rock

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Na ocasião, ele ouviu uma frase que jamais esqueceu: "Começamos com 'Guerra e Paz' e 'Animal', sem intervalo entre as músicas. Depois, vendo o vídeo em casa, notei uma voz no final da 'Animal': 'Até que essa bosta presta!'. Pô, tomei como um elogio", diz. "O cara foi achando que seria ruim, acabou gostando e o 'elogio' foi bem espontâneo. Tocamos no Mambembe algumas vezes e também íamos a shows de outras bandas. Foi lá que ocorreu o sempre lembrado show 'No Posers' e outros com fatos engraçados", acrescenta.

Atualmente, Nilton "Cachorrão" Zanelli, Ricardo Ravache (baixo), Roger Vilaplana (guitarra) e Júlio Príncipe (bateria) estão com uma agenda regular de shows e em processo de composição do álbum que sucede o single "Rompendo o Silêncio" (2013). "Não queremos colocar uma data limite para não acelerar o processo e fazer as coisas na correria. Estamos ativos, produzindo e o novo álbum está nos planos", conclui o vocalista.

Mais informações em www.facebook.com/centuriasheavymetal
Contato para shows e merchandising: contato@centurias.com.br

Foto: Ricardo Ferreira




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Centurias"


Centúrias: como surgiu a placa No Posers?Centúrias
Como surgiu a placa "No Posers"?


Nirvana: 20 coisas que você não sabia sobre NevermindNirvana
20 coisas que você não sabia sobre "Nevermind"

Rockstars: as filhas mais lindas dos astros do rockRockstars
As filhas mais lindas dos astros do rock


Sobre Ricardo Batalha

Ricardo Batalha, formado em Direito pela FMU, é um dos diretores da empresa ASE Press, integra o conselho editorial do Jornal Momento Notícias e vem trabalhando de forma fixa na Revista Roadie Crew desde 1996. Começou editando os fanzines Deathcore e Silent Rage e se tornou uma biblioteca do Metal brasileiro, colaborando para diversos veículos de mídia ligados ao Heavy/Rock desde os anos 1980. Suas bandas preferidas são Black Sabbath, Judas Priest e Accept, mas nunca escondeu a predileção pelo Hard Rock dos anos 80, especialmente o Ratt.

Mais matérias de Ricardo Batalha no Whiplash.Net.

adGoo336