Bon Jovi: "Blaze of Glory" foi composta em guardanapos em um bar

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Márcio Alexsandro Pacheco, Fonte: Spin
Enviar correções  |  Ver Acessos

Kiefer Sutherland, o eterno Jack Bauer da série "24 Horas", recentemente enveredou para a carreira musical e está lançado o seu primeiro álbum com músicas country chamado "Down in a Hole".

Cinema: o melhor e o pior dos rockstars em filmesDossiê Guns N' Roses: A versão de Slash para os fatos

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em entrevista para o site Spin, ele falou sobre suas influências musicais durante a sua vida e contou uma história bem interessante sobre Jon BON JOVI e a composição da música "Blaze of Glory", tema principal da trilha sonora composta por BON JOVI para o filme de faroeste "Jovem Demais Para Morrer II", de 1990, com participação do ator.

Confira abaixo a resposta de Sutherland quando perguntado se ele tinha alguma música favorita dos filmes que fez nos anos 80/90.

"Blaze of Glory é uma das minhas histórias favoritas. Muitas pessoas não sabem disso, mas em Young Guns I [Jovem Demais para Morrer, de 1988], Emilio [Estevez], era amigo de Jon BON JOVI e Tom Cruise, que fizeram participações especiais no tiroteio. Atiramos em Tom Cruise em cima de um telhado. E eu acho que atiramos em Jon BON JOVI em uma rua, mas eles usavam barbas e perucas e você nunca iria reconhecê-los. Então fomos todos jantar fora e Jon disse a Emilio: 'Eu realmente quero fazer a música para a sequência [do filme]', e Emilio respondeu: 'Nós nem sequer sabemos se vai ter uma sequência'. E Jon olhou para ele e disse: 'Confie em mim, vai haver uma sequência'.

O resto de nós estávamos bebendo um monte de bebidas, e Jon estava ferozmente escrevendo em guardanapos. Ele então empurrou os guardanapos em direção ao Emilio depois de cerca de 20 minutos, e disse: 'Essa é a primeira música'. Ele tinha escrito 'Blaze of Glory' no bar. E eu me lembro em Montana, depois que o [segundo] filme já estava feito... Eu nem estava ciente de que Jon estava fazendo um álbum para o filme. Eu entro numa loja para comprar algo para o meu aparelho de som e todas as TVs estão passando o vídeo-clipe de 'Blaze of Glory' e eu fiquei lá tipo, 'Oh meu Deus! Isso é incrível'. E esses três guardanapos estão emoldurados até hoje na casa de Emilio".

Compor um dos maiores clássicos do hard rock (alcançou o primeiro lugar na Billboard Hot 100 em 1990), bêbado em um bar e em 20 minutos realmente é algo para poucos.

Confira abaixo o clássico vídeo de "Blaze of Glory" que surpreendeu Sutherland (a música inclusive foi indicada ao Oscar de melhor canção - infelizmente não ganhou):




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Bon Jovi"


1986: O ano definitivo da música pesada1986
O ano definitivo da música pesada

Jon Bon Jovi: queiram ou não, ele é o CEO do rockJon Bon Jovi
Queiram ou não, ele é o CEO do rock


Cinema: o melhor e o pior dos rockstars em filmesCinema
O melhor e o pior dos rockstars em filmes

Dossiê Guns N' Roses: A versão de Slash para os fatosDossiê Guns N' Roses
A versão de Slash para os fatos


Sobre Márcio Alexsandro Pacheco

Sou jornalista residente na cidade de Curitiba. Adoro filmes, cinema, seriados, desenhos, livros, quadrinhos, videogames e claro, música. Sou grande fã do Hard Rock, em especial da banda Bon Jovi, mas obviamente curto outras bandas e estilos musicais, como Guns N' Roses, Skid Row, Aerosmith, Ramones, Metallica, Nirvana, AC/DC, Ozzy Osbourne, Scorpions, Iron Maiden, Nightwish entre várias outras. Tenho uma namorada linda que também é jornalista. Tento ouvir de tudo um pouco, sem me prender a estilos ou rótulos. Comecei a colaborar com o Whiplash por juntar duas das minhas paixões: a música e o jornalismo. Frase: "What a great f***ing day for rock n' roll!"

Mais matérias de Márcio Alexsandro Pacheco no Whiplash.Net.

adGoo336