Golpe de Estado: Catalau fala sobre o vício e vida de pastor

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Igor Miranda, Fonte: Veja SP
Enviar correções  |  Comentários  | 

André Catalau, ex-vocalista do Golpe de Estado, falou com a jornalista Adriana Farias, da Veja SP, sobre o show em que cantou com a sua antiga banda. O músico também conversou sobre a sua vida religiosa - desde 2000, ele é pastor da igreja Bola de Neve, em São Sebastião (SP).

5000 acessosOut: os 100 álbuns mais gays de todos os tempos segundo a revista5000 acessosSeguidores do Demônio: as 10 bandas mais perigosas do mundo

Sobre a saída do Golpe de Estado:

"Larguei a banda em 1997 porque eu estava atrapalhando todo mundo, estava pirando mesmo. Ficava bêbado, chapado, louco, faltava a shows, a entrevistas, entrava no palco sem saber as letras. Perdi outros dois irmãos por isso. Depois de ser internado várias vezes, conheci a clínica evangélica Novo Amanhecer, em Cotia. Era uma internação, mas com a uma parte espiritual mais acentuada. Agora já estou livre há 17 anos."

Como ele virou pastor:

"Foi um amigo que me apresentou a Bola de Neve em 2000. Ele me reconheceu andando pelas ruas do bairro de Perdizes e me convidou. [...] Me mudei para São Sebastião e durante cinco anos fiquei dormindo num quartinho nos fundos da igreja. Virei pastor e ajudei a construir ao menos cinco igrejas em todo o litoral norte, Caraguatatuba, São Sebastião, Ubatuba e Ilha Bela."

Leia a entrevista na íntegra no link abaixo.

http://vejasp.abril.com.br/blogs/musica/2016/10/vocalista-qu...

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Drogas e Álcool"

Guns N RosesGuns N' Roses
Steven Adler: "Queria ser um Rockstar desde os treze anos!"

Guns N RosesGuns N' Roses
Duff McKagan sem memória dos anos de bebedeira

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
"Eu e Bill Ward éramos soldados das drogas nos anos 70"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Drogas e Álcool"0 acessosTodas as matérias sobre "Golpe De Estado"


OutOut
Os 100 álbuns mais gays segundo a revista

Coisa de SatanásCoisa de Satanás
As bandas de rock mais perigosas do mundo

A Vida Pós-bilauA Vida Pós-bilau
Vocalista do Life of Agony abre o jogo

5000 acessosEpica: veja fotos da irmã mais nova de Simone Simons5000 acessosG.G. Allin: o extremo dos extremos5000 acessosZakk Wylde: cinco momentos insanos do guitarrista5000 acessosCazuza: Ney Matogrosso comenta o romance nos anos 705000 acessosGuitars Maníacos: os maiores fails relacionados a guitarras5000 acessosScott Weiland: viúva faz desabafo emocionante na web

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 26 de novembro de 2016


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU) e apaixonado por rock há mais de uma década. Começou a escrever sobre música em 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Atualmente, é redator-chefe da área editorial do site Cifras e mantém um site próprio (www.IgorMiranda.com.br). Também co-fundou o site Van do Halen, para o qual trabalhou até 2013 – apesar de ainda manter por lá uma coluna semanal, chamada Cabeçote.

Mais informações sobre Igor Miranda

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online