Andreas Kisser: a humanidade está se tornando preguiçosa e estúpida

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Bruce William, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 06/01/17. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Durante conversa com Benjamin Smith, da AMNplify australiana, Andreas Kisser falou sobre o tema do novo álbum do Sepultura, "Machine Messiah", que trata da overdose de tecnologia e seu efeito sobre a humanidade, que ao invés de desfrutar destes avanços está se tornando cada vez mais robotizada:

1544 acessosSepultura: "Chaos A.D." e "Roots" ganharão versões expandidas5000 acessosCâncer na língua: entenda a doença de Bruce Dickinson

"Ao invés de ter uma visão sci-fi do futuro, o que vemos hoje é a tecnologia representada por smartphones, computadores, óculos do Google, chips implantados no braço, que não são coisas que ajudam a humanidade a progredir. Na verdade os robôs estão fazendo tudo por nós. Estamos nos tornando preguiçosos e idiotas, de certa forma. Em um show você vê pessoas filmando ao invés de curtir o momento, registrando coisas que nunca mais vão assistir. Famílias no restaurante teclando no smartphone ao invés de conversar entre si. Mesmo pra arranjar companhia hoje em dia as pessoas vão para o Tinder. Digo, vá pra porra de um bar ver gente! Todas as interações humanas estão sendo substituídas por estas coisas robóticas. Perdemos o sentido das coisas. Sexo é bom porque você luta pra conseguir, ao menos é esta a minha concepção. Você sai pra conhecer pessoas novas, se atrai por elas e acaba acontecendo. Hoje em dia você aperta um botão e de repente está lá fazendo sexo, uma coisa completamente mecanizada. E isto é uma grande preocupação para todos nós, especialmente para a geração de meus filhos e netos. Este é o foco do 'Machine Messiah', onde tentamos achar um equilíbrio, não que a tecnologia seja ruim, mas precisamos nos disciplinar e manter nossas habilidades humanas intactas para que elas se desenvolvam. Há muitas coisas que não compreendemos, esta é a direção que devemos tomar. No fim das contas muitas tecnologias são apenas lixo, coisas que vão acabar em nada e afetam a ecologia por séculos. Por qual motivo mudar do iPhone 4 pro 5 pro 6 ou 7? É um ritmo que o planeta não comporta. Foda-se a robotização e o stress da tecnologia indica que precisamos manter o equilíbrio".

Comente: A robotização está acabando com a humanidade?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 06 de janeiro de 2017

SepulturaSepultura
"Chaos A.D." e "Roots" ganharão versões expandidas

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Sepultura"

Metal BrasileiroMetal Brasileiro
As 10 melhores bandas segundo o site OC Weekly

SepulturaSepultura
Dave Grohl revela que a banda é uma de suas preferidas

SepulturaSepultura
Andreas Kisser explica conceito do novo álbum

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Andreas Kisser"0 acessosTodas as matérias sobre "Sepultura"

Câncer na línguaCâncer na língua
Entenda a doença de Bruce Dickinson

CinemaCinema
O melhor e o pior dos rockstars em filmes

QueenQueen
10 coisas que você não sabe sobre Bohemian Rhapsody

5000 acessosHeavy Metal Fail: os Trues também saem mal na foto5000 acessosDuff McKagan: "Nikki Sixx, do Motley Crue, é um gênio!"5000 acessosLegião Urbana: O dia em que Renato calou a plateia do Programa Livre5000 acessosBlack Sabbath: pouco importa se Deus está vivo ou morto5000 acessosJoe Satriani: "Kirk Hammett foi um ótimo aluno"5000 acessosGuns N' Roses: qual a porcentagem de Axl, Slash e Duff no butim?

Sobre Bruce William

Bruce William pensava em ser um motoqueiro rebelde mas descobriu que é um Wieder Blutbad nerd apaixonado por uma Fuchsbau. Avy jorrāelan, CatW!

Mais matérias de Bruce William no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online