Anthrax: Scott Ian diz que clima político atual é bom para o metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Bira Abreu, Fonte: Teamrock, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 01/02/17. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

O guitarrista do ANTHRAX, SCOTT IAN, disse que o clima político atual resultará em "muita música pesada" nos próximos 4 anos.

1403 acessosAnthrax: banda elege a sua música mais subestimada.5000 acessosGuitarra: os melhores solos da história segundo a Guitar World

Em entrevista exclusiva para a Metal Hammer, IAN diz que, embora alguns critiquem a atual cena de rock e metal, ela tende a melhorar nos próximos anos, principalmente por conta do clima político (creio que esteja se referindo à eleição de Trump nos EUA).

Segundo ele, "a agitação política é ótima para a arte. O Big Four saiu da era Reagan, nos Estados Unidos. A Nova Onda do Heavy Metal Britânico (NWOBHM) saiu da era Thatcher, se não me engano. Da mesma maneira, com Trump e o clima político no mundo agora, definitivamente será muito bom para música pesada".

Em preparação para uma longa turnê de comemoração dos seus 30 anos e lançamento do último álbum "For All Kings" de 2016, a banda cai na estrada já na próxima semana com alguns shows no Reino Unido.

Comente: Mas e aí, será que o Scott Ian está certo? Novas bandas e novos álbuns podem surgir como reflexo da situação política atual?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

AnthraxAnthrax
Banda elege a sua música mais subestimada.

2891 acessosRudy Sarzo: nova banda de Thrash com ex-Anthrax e ex-Journey2112 acessosCooking Hostile: Cozinhando com suas bandas preferidas0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Anthrax"

InglaterraInglaterra
O Príncipe Harry é viciado em Thrash Metal

MetallicaMetallica
Lars Ulrich não desconfiava que poderia ser demitido

Judeus no MetalJudeus no Metal
Site elege Top 10 de músicos Judeus

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 02 de fevereiro de 2017

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Anthrax"

GuitarraGuitarra
Os melhores solos da história segundo a Guitar World

SlipknotSlipknot
Causando medo no cantor Latino durante o Rock In Rio

Motley CrueMotley Crue
As críticas de Vince Neil a Nikki Sixx e Tommy Lee

5000 acessosYngwie Malmsteen: primeira namorada fala sobre o guitarrista5000 acessosElectra Mustaine: a linda filha do Sr. Dave Mustaine5000 acessosUnplugged MTV: as dez melhores apresentações5000 acessosJack Endino: A crítica do produtor a brasileiros que cantam em inglês5000 acessosIron Maiden: trecho em tecno-brega dos Faringes da Paixão5000 acessosMotorhead: "Não somos Heavy Metal, somos Rock and Roll!"

Sobre Bira Abreu

Sociólogo nascido em Ubatuba, litoral de SP, tive meu primeiro contato com o metal aos 12 anos, através do "Piece of Mind", do Iron Maiden. Fiquei fascinado! Sou bem eclético, ouvindo bandas que vão de Thin Lizzy à Meshuggah, mas sempre tive uma queda por bandas com uma pegada mais progressiva e tals, a começar por Rush. Atualmente, o que nunca sai da minha playlist: Mastodon, Gojira, Sepultura e Black Sabbath. Na verdade, me considero aficcionado por Mastodon, a melhor banda de metal do séc. XXI ever.

Mais matérias de Bira Abreu no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online