Josh Homme: músico volta atrás, admite chute em fotógrafa e pede perdão

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda, Fonte: Facebook
Enviar Correções  

Em um vídeo divulgado nas redes sociais, o frontman do Queens Of The Stone Age, Josh Homme, admitiu que foi um "c*zão total" ao chutar a fotógrafa Chelsea Lauren. Ele voltou atrás no discurso anterior, de que não a viu e que estava "perdido na performance", e, desta vez, voltou a pedir desculpas pelo ocorrido.

Slash: Saul Hudson explica qual a origem de seu apelido

Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 2009

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Na noite passada, em um show do Queens Of The Stone Age, chutei a câmera de uma fotógrafa, que bateu em seu rosto. O nome da fotógrafa era Chelsea Lauren. Apenas quero pedir desculpas a Chelsea Lauren. Não tenho nenhuma desculpa ou razão para justificar o que fiz. Fui um c*zão total, estou realmente arrependido e espero que você esteja bem", disse Homme.

O músico complementou, dizendo que já cometeu "diversos erros" em sua vida e que a situação da noite anterior era "definitivamente um desses erros". "Quero ser um homem bom, mas acho que na última noite eu falhei. E isso significa que falhei com minha família e meus amigos. Não quero que eles fiquem envergonhados por estar próximos de mim ou por me conhecerem. Também peço desculpas aos meus colegas de banda, à minha mãe, ao meu pai, à minha esposa, ao meu irmão e aos meus filhos. Preciso refletir sobre algumas coisas, pois o rock and roll é algo incrível. Deveria salvar e ajudar pessoas. Então, Chelsea Lauren, espero que esteja bem e peço desculpas. E entendo que você deva fazer o que quiser. Só quero que saiba que estou arrependido", disse.

Entenda o caso

Durante um show do Queens of the Stone Age no sábado (9), em um evento da rádio KROQ em Los Angeles, Josh Homme chutou uma câmera e atingiu o rosto da fotógrafa Chelsea Lauren, que estava registrando o show. Momentos mais tarde, ainda durante o show, Homme cortou o próprio rosto com algum tipo de lâmina e seguiu a performance com o rosto ensanguentado.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A fotógrafa disse que precisou ser levada para um hospital depois de finalizar o trabalho de cobertura do evento. Segundo ela, o chute foi intencional. "osh chegou perto e eu estava animada, pois nunca havia fotografado o QOTSA antes. Eu o vi chegando e fui disparando. Então percebi seu pé na minha câmera e a minha câmera na minha cara, bastante forte. Ele me olhou e girou a perna no meu rosto e me chutou na cara. Ele continuou tocando. Eu parei de olhar para ele, apenas me abaixei segurando meu rosto que doía muito", contou ela à Variety.

Na manhã de domingo (10), Homme havia dito, inicialmente, que estava "imerso na performance" e que, por isso, saiu chutando algumas luzes. "Na noite passada, enquanto estava perdido durante a performance, chutei várias luzes e equipamentos que estavam no nosso palco. Hoje fiquei sabendo que isto incluiu uma câmera manejada pela fotógrafa Chelsea Lauren. Não tive a intenção que isto acontecesse e lamento muito. Nunca machucaria intencionalmente alguém que estivesse trabalhando ou assistindo a um de nossos shows e espero que Chelsea aceite minhas sinceras desculpas", disse, na ocasião.

Entretanto, o pedido de desculpas não foi bem recebido - nem pelo público, nem pela própria fotógrafa, que apresentou novas imagens para provar que Homme olhava fixamente para a câmera antes de chutá-la. "Aqui estão três imagens. Em duas delas, Josh olha para mim, sorri e então me chuta. A outra foi um pouco depois quando ele cortou o rosto com uma faca. Eu estava chorando no pit - e ele apenas olhava pra mim e sorria. Agressão não é uma coisa legal, não importa o motivo. Álcool e drogas não justificam. Eu estava no local onde era permitido, não fazia nada que não devia, apenas tentava fazer o meu serviço", afirmou.



Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Slash: Saul Hudson explica qual a origem de seu apelidoSlash
Saul Hudson explica qual a origem de seu apelido

Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 2009Heavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados em 2009


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Cli336x280 CliIL Cli336x280 CliInline WhipDin