Tim Ripper Owens: por que ele entrou e por que saiu da banda de Yngwie Malmsteen

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda, Fonte: Big Music Geek
Enviar Correções  

O vocalista Tim "Ripper" Owens relembrou de sua passagem pela banda do guitarrista Yngwie Malmsteen em entrevista ao Big Music Geek. O cantor integrou o grupo que acompanha o músico entre os anos de 2008 e 2012, gravando dois álbuns: "Perpetual Flame" (2008) e "Relentless" (2010).

Alterna 2 @ wikimedia
Alterna 2 @ wikimedia

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Inicialmente, Ripper contou o que chamou a atenção de Malmsteen em seu estilo de cantar. "Sempre que Yngwie fala sobre seus vocalistas favoritos, ele cita Ronnie James Dio. E ele gostava de mim porque eu podia cantar um pouco naquele estilo", afirmou.

O cantor, então, revelou as duas razões que o fizeram entrar para a banda do guitarrista. "A primeira foi poder tocar com alguém que mudou a forma de se tocar guitarra. Yngwie é incrível e, nos anos 1980, ele mudou o jeito que as pessoas tocavam guitarra. É algo grande. Em segundo lugar, eram fãs diferentes. Eu pensei que talvez poderia entrar e ganhar alguns fãs novos", disse.

publicidade

Ripper destacou que se sente "sortudo" por ter a oportunidade de integrar a banda de Malmsteen e que gostou desse período. No entanto, ele acabou saindo porque ficou "ocupado demais" com outros projetos.

"Eu fiquei muito ocupado comigo mesmo e tive que sair. Gostei muito e sempre deixei a porta aberta, não rompi com ele, pois eu definitivamente gravaria outro disco ou faria outra turnê com ele. Adoraria fazer outro álbum com ele", afirmou.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Owens destacou que parte do material de Malmsteen é "desafiador" para cantar. "Há muitos tipos diferentes de vozes. Eu sempre canto como eu mesmo, mas, por sorte, minha voz se encaixa em tantos estilos diferentes que me permito cantar diferentes estilos musicais. Acho que é por isso que sempre tenho uma grande demanda de trabalhos. Posso gravar até discos usando uma voz estilo Pantera ou Sepultura. Nem preciso tentar soar como outra pessoa", disse.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Mônica Guedes: seus heróis morreram de overdose, os meus morrem na estrada, trabalhandoMônica Guedes
"seus heróis morreram de overdose, os meus morrem na estrada, trabalhando

Planno D: 10 coisas que irritam metaleiros (vídeo)Planno D
10 coisas que irritam metaleiros (vídeo)


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Cli336 WhiFin Goo336 Goo336