Slayer: Tom Araya não acha que a banda foi tão grande como os fãs dizem

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda, Fonte: Metal Hammer
Enviar Correções  

O vocalista e baixista Tom Araya refletiu sobre seus tempos de Slayer e o legado deixado pela banda em entrevista à Metal Hammer. Durante o bate-papo, ele revelou que não vê o grupo sendo tão grande como muitos fãs enxergam.

Slayer: os pais dos caras da banda sempre estavam na plateia lá no começo

James Hetfield: O equilíbrio entre Metallica e vida familiar

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O entrevistador perguntou, inicialmente, qual foi o momento em que Tom Araya sentiu que o Slayer havia se tornado uma banda de sucesso. "Sabe, essa é uma pergunta difícil para mim, pois não vejo essa banda do jeito que todos veem", afirmou Araya, inicialmente.

Em seguida, o músico pontua que sempre fica surpreso quando fazem perguntas como aquela. "Eu realmente não entendo a banda como essa coisa grande, mesmo que todos pensem assim", disse.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Apesar disso, Araya disse que há momentos em que "essa realidade" o surpreende. "Não fico pensando nisso. É estranho quando eu e minha família estamos andando por aí e alguém diz que me conhece, me cumprimenta e isso é legal. Acontece de forma cada vez mais frequente nos dias de hoje, o que é chocante, e pode rolar até mesmo quando estamos no meio do nada", afirmou.

A Nielsen SoundScan contabiliza que o Slayer vendeu 5 milhões de cópias nos Estados Unidos entre 1991 e 2013. Quatro álbuns ganharam disco de ouro no país por ultrapassarem as 500 mil unidades comercializadas: "Reign in Blood" (1986), "South of Heaven" (1988), "Seasons in the Abyss" (1990) e "Divine Intervention" (1994).

São números expressivos para uma banda de som mais pesado, mas que, realmente, não colocam o Slayer em um patamar "gigantesco". Por outro lado, a banda, que encerrou atividades em 2019, tem muitos fãs que realmente são fiéis - o que justifica os shows lotados em várias regiões do mundo.

Comente: E você? Acha que a banda é tão grande quanto os fãs dizem?




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Slayer: os pais dos caras da banda sempre estavam na plateia lá no começoSlayer
Os pais dos caras da banda sempre estavam na plateia lá no começo

Simpsons: capas de disco inspiradas no desenho animado divertem a InternetSimpsons
Capas de disco inspiradas no desenho animado divertem a Internet

Slayer: o que Kerry King tem feito na vida depois do fim da banda?Slayer
O que Kerry King tem feito na vida depois do fim da banda?

O Mapa do Metal: grandes bandas de metal dos Estados Unidos - Parte 1O Mapa do Metal
Grandes bandas de metal dos Estados Unidos - Parte 1

Lista: clássicos do metal lançados a partir do ano 2000Lista
Clássicos do metal lançados a partir do ano 2000

Subestimadas: músicas que merecem mais atenção do que recebem - Parte 1Subestimadas
Músicas que merecem mais atenção do que recebem - Parte 1

Babymetal: Gary Holt ataca metaleiros puristas que ofendem a bandaBabymetal
Gary Holt ataca metaleiros puristas que ofendem a banda

FaceApp: veja músicos e capas de discos com gênero trocado pelo aplicativoFaceApp
Veja músicos e capas de discos com gênero trocado pelo aplicativo

Slayer: ex-guitarrista do In Flames homenageia Jeff Hanneman com tatuagemSlayer
Ex-guitarrista do In Flames homenageia Jeff Hanneman com tatuagem

Slayer: divulgada capa e tracklist do tributo só com bandas brasileirasSlayer
Divulgada capa e tracklist do tributo só com bandas brasileiras


Slayer: as dez melhores músicas segundo o site LoudwireSlayer
As dez melhores músicas segundo o site Loudwire

Kerry King: gostaria de tocar com Zakk WyldeKerry King
"gostaria de tocar com Zakk Wylde"


James Hetfield: O equilíbrio entre Metallica e vida familiarJames Hetfield
O equilíbrio entre Metallica e vida familiar

Dream Theater: os segredos do álbum OctavariumDream Theater
Os segredos do álbum Octavarium


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

Cli336x280 CliIL Cli336x280 CliInline