Van Halen: Sebastian Bach diz que foi cotado para ser o vocalista da banda em 1996

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Igor Miranda
Enviar Correções  

O vocalista Sebastian Bach foi cotado para se juntar ao Van Halen após a saída de Sammy Hagar, em 1996. Ao que tudo indica, a negociação ocorreu antes de Bach deixar a banda que o projetou, o Skid Row - algo que iria ocorrer mais tarde naquele ano.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A revelação foi feita pelo próprio cantor, em entrevista a Eddie Trunk transcrita pelo Blabbermouth. Bach disse que houve "uma pequena conversa" em prol de sua entrada, mas que a negociação não foi adiante porque a ideia era mantê-lo no Skid Row. Gary Cherone, do Extreme, ficou com a vaga.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Doc McGhee (empresário do Skid Row) estava comigo no escritório e Ray Danniels empresariava o Van halen na época. Os dois conversaram, mas não queria que (o guitarrista) Eddie (Van Halen) fumasse maconha. Achei engraçado, pois eu fumei maconha com Ray Danniels. Falei: 'você pode fumar maconha, mas eu não... que diabos, o vocalista do Van halen não pode fumar maconha?'", revelou Sebastian Bach, inicialmente.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Apesar da discordância toxicológica, o real motivo, de acordo com Bach, foi o seu envolvimento com o Skid Row. "Fui chamado para o escritório de Doc e rolaram conversas, mas eu nem cheguei a fazer teste. Não acho que Doc tinha interesse em me deixar sair do Skid Row, havia algo sobre isso", afirmou.

Sebastian Bach no Van Halen - de novo, em 1999

No fim das contas, Gary Cherone entrou para o Van Halen naquela ocasião, em 1996, mas saiu três anos depois, em 1999. Novamente, rumores ventilaram o nome de Sebastian Bach, agora fora do Skid Row em definitivo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O Blabbermouth chegou a recordar de uma entrevista de Bach à "MTV News", de 1999, onde ele aponta: "Só há um cantor para o Van halen e é David Lee Roth. Se eles não podem usá-lo, por que eles me usariam? Se não gostam dele, não vão gostar de mim. Se estão buscando vocalistas e escolhem Gary Cherone, estão pensando em formas que nós não pensamos".

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O ex-Skid Row pontuou, nessa ocasião, que não estava criticando Gary Cherone, apenas destacando os estilos diferentes. "Amo Gary, é um cara legal, mas não dá para ser gente boa e vocalista do Van Halen. Não combina. É preciso chutar alguns traseiros. Gary Cherone chuta traseiros da forma dele, mas David Lee Roth faz isso dando pulos de 12 metros de altura diretamente do praticado de bateria. É difícil de competor. Não posso fazer isso, mas posso cantar os materiais de Sammy Hagar e David Lee Roth. Não estou me gabando, só apontando um fato", comentou, na época.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Marilyn Manson: Sou ainda pior fora do palcoMarilyn Manson
"Sou ainda pior fora do palco"

Bruce Dickinson: sua coleção de clássicos do MetallicaBruce Dickinson
Sua coleção de clássicos do Metallica


Sobre Igor Miranda

Jornalista formado pela Universidade Federal de Uberlândia (UFU), com pós-graduação em Jornalismo Digital pela Universidade Estácio de Sá. Começou a escrever sobre música em 2007 e, algum tempo depois, foi cofundador do site Van do Halen. Colabora com o Whiplash.Net desde 2010. Atualmente, é editor-chefe da Petaxxon Comunicação, que gerencia o portal Cifras, Ei Nerd e outros. Mantém um site próprio 100% dedicado à música. Nas redes: @igormirandasite no Twitter, Instagram e Facebook.

Mais matérias de Igor Miranda no Whiplash.Net.

GooAdHor Goo336 Cli336 Goo336 Goo336 Cli336